enhanced by Google
  • Concursos
  • Concursos Previstos

Serviço Funerário /SP

Concurso deverá ser lançado ainda em 2010

Segunda-feira, 14 de junho de 2010

Serviço Funerário /SP
  • Saiba mais

No início de junho, o Diário Oficial da cidade de São Paulo publicou um despacho da Secretaria de Serviços da capital sobre a solicitação de abertura de concurso no Serviço Funerário de São Paulo, órgão vinculado à pasta. Como consta no documento, o então secretário Alexandre de Moraes autorizou o prosseguimento dos estudos para abertura da seleção.

 

De acordo com informações da assessoria de imprensa da secretaria, a previsão é que o processo seletivo seja lançado ainda neste ano. Para que a seleção aconteça, é preciso que as secretarias de Modernização, Gestão e Desburocratização; de Finanças e do Planejamento aprovem a solicitação. Em seguida, caberá ao prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab, autorizar a abertura da seleção.

 

Vagas –  Segundo o despacho, o futuro concurso terá como objetivo preencher cem oportunidades de agente de apoio, para a atividade de sepultador. A função exigirá dos interessados ensino fundamental completo.

 

De acordo com a Secretaria de Serviços, o salário inicial corresponderá a R$ 510, mas os servidores contarão ainda com alguns benefícios: vale-alimentação, auxílio-refeição e vale-transporte.

 

Seleção anterior – Apenas para se ter uma ideia, em 2004, a Prefeitura de São Paulo promoveu seleção para 3.854 oportunidades de agente de apoio. Distribuídas em várias secretarias municipais, as chances eram para três áreas de atuação: motorista, obras (conservação e construção de vias públicas) e serviços gerais. Para todos os cargos, exigia-se que o candidato possuísse ensino fundamental completo. O salário oferecido na época correspondia a R$ 429,66.

 

Organizado pela Fundação Carlos Chagas, a taxa de participação custou R$ 21. Foram realizadas duas avaliações objetivas: a primeira composta por 20 questões de língua portuguesa, raciocínio lógico e atualidades e a segunda com perguntas de conhecimentos específicos. Na disciplina de português, foi cobrado conhecimento em concordância verbal, concordância nominal, uso de pronomes, acentuação e interpretação de textos.

 

Talita Fusco/SP

 

Veja também:

 

Previstos: órgãos somam mais de 1,2 mil vagas

 

SGP/SP: seleção para especialista sairá em breve

 

 

COMENTÁRIOS

0 Comentário(s)
  • Seu nome  
  • Seu email    
  • Seu comentário  
210.891 vagas no site
PROVAS ANTERIORES SIMULADOS ONLINE

29.034
Provas disponíveis

41.006
Questões disponíveis