Boas oportunidades com profissões pouco procuradas

Busque uma colocação com baixa procura e dê início à preparação para um concurso específico. Confira algumas dicas de seleções da especialista em concursos públicos, Cláudia Jones.

Redação
Publicado em 15/05/2014, às 16h04

Cláudia Jones

Os concursos públicos têm vagas para (quase) todas as carreiras de nível superior.Não é apenas, como podemos crer, para profissionais de direito, por exemplo. Ou ainda para profissionais de áreas muito específicas e sempre com oferta de oportunidades, como o cargo de médico. Profissões consideradas pequenas, ou pouco conhecidas do grande público, também possuem lugar garantido no funcionalismo público. E a vantagem é que, normalmente, a relação candidato-vaga é bem menos apertada que nas demais.

Entre os exemplos estão as oportunidades que foram oferecidas neste ano por órgãos como a Fundação Biblioteca Nacional – para arquivistas e bibliotecários – e a Advocacia Geral da União (AGU), que está com inscrições abertas e contempla,entre outros cargos, bibliotecários e analistas em comunicação social. Como muitas pessoas desconhecem essas informações, tais processos seletivos acabam sendo pouco procurados até mesmo por quem tem formação na própria área.

Outra área que tem aparecido com muitas ofertas é a de comunicação social, como no caso da seleção da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), que mantém inscrições abertas até o dia 28 deste mês.

Quem ainda não iniciou os estudos, já pode aproveitar o gancho da Defensoria Pública da União (DPU), que pretende publicar edital em breve para as funções de arquivista, assistente social, bibliotecário, contador, economista, psicólogo,sociólogo etc. Essas são apenas algumas chances entre um variado leque de profissões pouco procuradas.

Se o seu foco é mesmo o serviço público, busque uma dessas colocações com baixa procura e dê início à preparação para um concurso específico. As disciplinas básicas você pode ir estudando antes mesmo de concluir a formação superior. É importante ganhar tempo na preparação e estar à frente dos demais concorrentes. Dessa forma, assim que chegar o dia da sua graduação, você estará apto a se tornar também um servidor público. É um processo que pode começar no início da faculdade e ter apenas a preparação das disciplinas específicas na reta final.

Bons estudos!

Cláudia Jones,especialista em concursos do site Questões de Concursos.

Comentários

Mais Lidas