Autorização para concurso do INSS deve sair em breve

A princípio, estima-se que o Ministério do Planejamento dê o aval para 1.500 vagas de técnico do seguro social, com exigência de ensino médio. Porém, esse número poderá chegar a 2.000

Camila Diodato
Publicado em 01/07/2014, às 11h46

Cresce a expectativa para que o Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão (MPOG) conceda a autorização para o Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) realizar, em breve, um novo concurso público. As carreiras a serem contempladas são as de técnico do seguro social e perito médico. Inicialmente, a previsão era de que o aval para 1.500 vagas de técnico fosse dado em junho, mas é provável que fique para o começo do segundo semestre.

Veja mais: MPOG autoriza concurso de 950 vagas para o INSS

O cargo de técnico do seguro social necessita de ensino médio completo. Já o posto de perito exige formação superior em medicina e registro no Conselho Regional de Medicina (CRM). Na vigente tabela das remunerações dos servidores federais consta que os salários são de R$ 4.400,87 para técnico e de R$ 10.056,80 para perito, já inclusas as gratificações e os benefícios.
Tópico: Concurso INSS 2015
Apesar de ainda não ter sido autorizada, muitas pessoas já começaram a se preparar para a seleção, que costuma ser uma das mais concorridas em todo o país. Os motivos da alta procura são a grande quantidade de oportunidades que o instituto disponibiliza e os vencimentos oferecidos.

A fisioterapeuta e aluna do site Agora Eu Passo, Christiane Cardoso, disse: “como ainda não há autorização, posso me preparar com antecedência”. Christiane ainda falou que divide os estudos entre teoria e questões; primeiro, ela assiste às aulas e, depois, resolve algumas questões para fortificar o conteúdo estudado.

Para a também estudante do portal Agora Eu Passo, Erika Pacheco, ingressar no INSS será a chance de ter uma rotina de trabalho com horários regulares. “Estou me dividindo por matérias e estudando, diariamente, em média três horas cada matéria. Por dia, consigo estudar duas matérias”.

Tramitação – O INSS encaminhou no final de fevereiro um pedido ao Planejamento para que fosse autorizada a abertura de uma seleção para técnico e perito, pois o último concurso para os dois empregos expiraria em 17 de abril.

Já no dia 1° de abril, a ministra do Planejamento, Miriam Belchior, realizou uma reunião com os deputados federais Amauri Teixeira (PT/BA), André Figueiredo (PDT/CE) e Roberto Santiago (PSD/SP), onde foi dito que seria concedido um aval para 1.500 ofertas de técnico.

Desde que aconteceu o encontro com a ministra, o deputado Amauri Teixeira, juntamente com outros parlamentares, continuou cobrando do MPOG a liberação para que o processo seletivo saia do papel. Teixeira chegou a pedir o aval para 2.000 oportunidades de técnico e 1.200 de perito. Nas próximas semanas, o político terá novas reuniões com o Planejamento para discutir o assunto.

APOSTILA CONCURSO INSS - TÉCNICO

Comentários

Mais Lidas