16.119 inscritos

Concurso PC ES: prova e gabarito para cargo de delegado

Oferta do concurso PC/ES (Polícia Civil do Espírito Santo) é de 33 vagas para o cargo de delegado, que requer nível superior em direito e três anos de prática forense

0,00(0.0%)0 voto(s)

Patricia Lavezzo
Publicado em 13/07/2019, às 18h00

Concurso PC ES: viatura
Divulgação

Será divulgado na segunda-feira, dia 15 de julho, o gabarito preliminar e o caderno de questões da prova objetiva do concurso PC/ES (Polícia Civil do Espírito Santo) para o cargo de delegado. A prova objetiva será aplicada neste domingo, dia 14 de julho. O candidato já pode conferir os locais de realização do exame no site do Instituto Acesso, que é o organizador da seleção.

A prova objetiva, de caráter eliminatório e classificatório, contemplará 100 questões de múltipla escolha que versarão sobre direito penal, direito processual penal, direito administrativo, criminologia, direito constitucional, direitos humanos, direito civil, medicina legal judiciária e legislação estadual.

Com duração máxima de cinco horas e trinta minutos, a avaliação será aplicada na Região Metropolitana de Vitória/ES, no período da tarde. 

O concurso PC/ES ainda contará com as seguintes fases, eliminatórias e/ou classificatórias: prova escrita; exame de aptidão física; exame de sanidade física e mental; exame psicotécnico; prova oral; avaliação de títulos; sindicância da vida pregressa; e curso de formação profissional ministrado pela Academia de Polícia Civil.

Mais informações sobre o concurso PC ES

O concurso PC/ES visa o provimento de 33 vagas para o cargo de delegado, sendo duas reservadas a pessoas com deficiência. A seleção conta com 16.119 inscritos (16.119 para ampla concorrência e 207 para pessoa com deficiência). 

Para ingressar na carreira é necessário possuir diploma de conclusão de curso de nível superior em direito, além de ter três anos de prática forense, após a conclusão do curso, ou três anos de atividade policial, em qualquer instituição de segurança pública.

A remuneração inicial é de R$ 10.058,56, para jornada de trabalho de 40 horas semanais em regime de tempo integral e com dedicação exclusiva. Nos termos da legislação em vigor, eventualmente o delegado de polícia poderá receber outras vantagens financeiras decorres de promoção, progressão, serviço extraordinário, indenização suplementar de escala operacional, indenização para aquisição de uniforme, gratificação de acúmulo de titularidade, gratificação de chefia, gratificação de função e bônus pecuniário.

De acordo com o edital do concurso PC/ES, são atribuições do delegado: 

  • instaurar e presidir procedimentos policiais de investigação; 
  • orientar e comandar a execução de investigações relacionadas com a prevenção e repressão de ilícitos penais; 
  • participar do planejamento de operações de segurança e investigações; 
  • supervisionar e executar missões de caráter sigiloso; participar da execução das medidas de segurança orgânica, bem como desempenhar outras atividades, semelhantes ou destinadas a apoiar o órgão na consecução dos seus fins.

Comentários

Mais Lidas