Aos concurseiros, um feliz plano novo!

O ano se encerra deixando expectativas e estratégias para os diversos concursos públicos que estão previstos para 2013

Redação
Publicado em 02/01/2013, às 10h31

Para muita gente, fim de ano é sinônimo de retrospectiva, época de relembrar todos aqueles acontecimentos que marcaram o ano que se encerra. Às vezes, a obsessão pela recordação é tanta, que o fato de um novo ano estar se iniciando acaba passando despercebido. Naturalmente, isso acontece com aqueles que tiveram mesmo um ano bastante positivo, com conquistas muito marcantes, como a aprovação em um concurso público, por exemplo. Neste caso, seria até maldade exigir desprendimento e cobrar renovação. A celebração é justa.

Quem não tem muita vantagem para contar, não precisa se preocupar, porque 2013 chega trazendo inúmeras novas oportunidades, que devem ser miradas sem perder de vista os aprendizados do ano que passou, pois, parafraseando o poeta português Luís Vaz de Camões, “jamais haverá ano novo se continuar a repetir os erros dos anos anteriores”.

Em se tratando de concursos públicos, a reprovação em 2012 tem que significar ainda mais força e experiência na busca pela tão almejada aprovação em 2013, ano em que estão previstos importantes concursos, como o da Polícia Rodoviária Federal (PRF), do Banco Central (Bacen) e de pelo menos oito Ministérios, para citar apenas alguns órgãos de âmbito nacional. Quem confirma a boa fase que está para começar é a advogada Raquel Monteiro, especialista em direito público e articulista do blog Concurseiro Solitário: “Com certeza, o ano de 2013 é uma grande promessa para aqueles que almejam ingressar em uma carreira pública. Temos recebido notícias de diversas autorizações para a realização de novos concursos dentro dos próximos seis meses”.

Raquel, que foi aprovada em diversos concursos públicos, como, por exemplo, para o Quadro Técnico da Marinha na especialidade de Direito, conta que o começo do ano é sempre estimulante para quem pretende iniciar uma rotina de estudos, pois, segundo ela, “é um marco simbólico”, “a possibilidade de romper com o passado e construir novos projetos”.

2013
Sobre a expectativa para concursos públicos no ano que se inicia, a advogada explica que é, sim, possível se preparar, ao mesmo tempo, para diversas seleções que serão realizadas ao longo de 2013, desde que o candidato saiba “traçar uma linha única e contínua de ação”. O que isso quer dizer? Ela mesma responde: “significa escolher uma carreira ou um grupo de concursos que possuam abordagem teórica semelhante. Assim, tem-se sempre um grupo de matérias básicas parecidas para serem estudadas”. No entanto, como diz o ditado, “cada escolha, uma renúncia”; ou seja, para adotar essa técnica sugerida pela advogada, algumas oportunidades – muitas delas tentadoras – terão que ser ignoradas. “Deixe, sem medo, esses concursos que não estão contemplados na sua linha de preparação passarem. Confie na sua trajetória. Ela levará tempo, mas dará certo”.

Raquel é uma das autoras do livro 7 Estratégias Básicas para Encarar um Concurso Público, que chegou às livrarias agora no fim do ano, pela editora Campus/Elsevier, trazendo dicas de estudo para quem pretende se tornar um servidor público. Ao JC&E, a advogada adiantou que “estudar para concursos não exige genialidade, mágica ou qualquer outro tipo de mistério”. Para ela, “estratégia é a palavra de ordem nesse momento”. Por isso mesmo, ela deixou um resumo das sete estratégias básicas abordadas no livro, que devem ser levadas em conta na preparação para um concurso. Confira abaixo.


7 Estratégias Básicas para Encarar um Concurso Público

1 - Estar um passo à frente, começando o planejamento antes das demais pessoas.

 2 - Ler os editais, do princípio ao fim, para conhecer as regras do "jogo".

 3 - Adotar os estudos como estilo de vida para se acostumar com essa nova forma de pensar.

 4 - Simular o dia "D" para evitar contratempos.

 5 - Saber por onde começar, ou seja, pelas matérias básicas.

 6 - Ter muita paciência! Essa é a grande virtude dos vencedores.

 7 - Não desistir diante das dificuldades. Não abandonar o projeto é fundamental para vê-lo tornar-se realidade.


Leandro Cesaroni

Comentários

Mais Lidas