Parceria entre Anpac e BRB traz benefício a associados

O acordo entre os presidentes da Associação Nacional de Proteção aos Concursos Públicos e o Banco Regional de Brasília foi assinado no dia 27 de novembro

Redação
Publicado em 28/11/2012, às 15h01

Com o propósito de estreitar as relações entre o setor de concursos e o segmento financeiro, a Associação Nacional de Proteção aos Concursos Públicos (Anpac) e o Banco Regional de Brasília (BRB) assinaram convênio na última terça-feira, dia 27, em benefício das 37 empresas que compõem o quadro associativo da Anpac.
A parceria firmada entre o presidente da Associação, Ernani Pimentel, e o presidente do BRB, Jacques de Oliveira Pena, testemunhada pelo o deputado distrital Israel Batista, permitirá a obtenção de linhas de créditos atraentes e atendimento personalizado.
“O que nós temos feito em situações similares é estabelecer no termo de cooperação as linhas de financiamento mais benéficas para o segmento. Os associados da Anpac poderão ter, por exemplo, financiamentos para estruturação e ampliação, capital de giro e investimento”, informou Jacques Pena.
Em contrapartida, o Banco Regional de Brasília terá espaço garantido nas reuniões e eventos promovidos pela Anpac para apresentar palestras e divulgar produtos e serviços, também com o objetivo de tornar-se mais conhecido entre os jovens. “Esse é um segmento de razoável importância. No Distrito Federal são lançados mais concursos estaduais, federais e para o Legislativo, o Judiciário e o Executivo, dada a relevância de Brasília como capital federal. Além disso, uma parte do público de concursos está no primeiro emprego ou buscando o primeiro emprego. Esta é uma clientela que interessa ao banco”, resumiu o presidente do BRB. 
Segundo o presidente da Anpac, Ernani Pimentel, esta é mais uma prova do reconhecimento das empresas que atuam nos concursos públicos. “O setor de concursos movimenta R$ 50 bilhões por ano e ainda não havia sido reconhecido como promissor às instituições financeiras”, disse.
Além dos benefícios que serão concedidos às empresas voltadas às seleções públicas, os presidentes da Anpac e do BRB estudam a possibilidade de estender as vantagens aos concursandos. A ideia, segundo Jacques Pena, é a de que os alunos possam pegar crédito com o banco, pagar antes do vencimento, obter desconto e pagar juros menores do que o desconto recebido.
Pâmela Lee Hamer
* Atualizada às 15h de 4 de novembro de 2012

Comentários

Mais Lidas