Todos os níveis

Rio Preto SP já começa a formar comissão para concurso 2019 de até 521 vagas

O novo concurso público da prefeitura de Rio Preto, em São Paulo, contará com oportunidades para diversos cargos, em todos os níveis de escolaridade, com remunerações iniciais que chegam a R$ 9,9 mil. Edital pode sair em junho

Fernando Cezar Alves
Publicado em 17/05/2019, às 11h00

Foto aérea da cidade de Rio Preto
Divulgação

A Prefeitura de Rio Preto, no interior paulista, a 442 km da capital, deu mais um passo na última quinta-feira, 16 de maio, no sentido de agilizar a realização de seu novo concurso público 2019, que contará com uma oferta de até 521 vagas. Acontece que foi publicada, em diário oficial, a portaria 18.320, que constitui a comissão do concurso para o cargo de procurador do município. Desta forma, nova comissão, para os diversos cartgos, deve ser formada em breve. 

Embora a previsão inicial fosse de 353 postos, anunciados em 1º de fevereiro, pelo prefeito Edinho Araújo, foram aprovados, pela Câmara Municipal, em 14 de maio, dois projetos de lei para a criação de vagas, que permitem a ampliação da oferta no certame. Quando do anúncio do concurso, em fevereiro, o prefeito havia confirmado que a publicação do edital de abertura de inscrições deveria ocorrer ainda no primeiro semestre. Para que isto se concretize, o próximo passo é definir o nome da banca organizadora. “O planejamento do Orçamento foi feito ao longo dos últimos dois anos para poder, agora, repor aquelas vagas disponíveis em toda a estrutura. Isso vai atender as demandas de profissionais que vinham se acumulando nas secretarias”, disse, na ocasião.

A comissão do concurso de procurador contará com três servidores: Marco Antonio Miranda da Costa, representando a Procuradoria Geral do Município; Luciano Mansano Mapelli, pela Secretaria de Administração;  e Carlos Alberto Martinelli, pelo sindicato dos servidores públicos municipais. 

Das 353 vagas inicialmente anunciadas, 94 são para cargos com exigência de ensino fundamental, 144 para ensino médio e 115 para nível superior, com remunerações iniciais que variam de R$ 1.365,78 a R$ 9.920,09, com jornadas de 20 1 40 horas semanais.    

Saiba quais cargos serão oferecidos no próximo concurso de Rio Preto/SP 

Ensino Fundamental

No concurso da prefeitura de Rio Preto, das 353 vagas iniciais, quem possui ensino fundamental poderá concorrer aos cargos de agente comunitário de saúde (59 vagas, com inicial de R$ 1.365,78, para 40 horas semanais) e agente de combate às endemias (35, R$ 1.365,78, 40 horas).

Ensino Médio

No caso de ensino médio:  auxiliar de consultório dentário (7, R$, 2.005,41, 40 horas), técnico de enfermagem (15, R$ 2.005,41,40 horas), técnico em farmácia (5, R$ 2.005,41, 40 horas), técnico em patologia (7, R$ 2.005,41,24 horas), técnico em radiologia (3, R$ 2.005,41, 24 horas), agente administrativo (100, R$ 2.005,41,40 horas), técnico de iluminação (3, R$ 2.505,41, 40 horas), técnico de som (3, R$ 2.005,41, 40 horas) e técnico em segurança do trabalho (a1, R$ 2.005,41, 40horas).

Nível Superior

Por fim, para nível superior: biólogo (1, R$ 4.707,10, 40 horas), biomédico (6, R$ 4.707,10, 40 horas), cirurgião dentista (2, R$ 3.929,45,20 horas), enfermeiro (7, R$ 4.707, 10, 40 horas), farmacêutico (2, R$ 4.707,10, 40 horas), fisioterapeuta (3, R$ 4.707,10,30 horas), fonoaudiólogo (2, R$ 4.707,10, 40 horas), médico clínico geral (8, R$ 3.929,45, 20 horas), médico ginecologista (7, R$ 3.929,45, 20 horas), médico infectologista (1, R$ 3.929,45, 20 horas), médico neurologista (1, R$ 3.929,45, 20 horas), médico oncologista (3, R$ 3.929,45, 20 horas), médico pediatra (6, R$ 3.929,45, 20 horas), médico plantonista clínico (10, R$ 9.920,09, 24 horas), médico plantonista pediatra (10, R$ 9.920, 24 horas), médico veterinário (1, R$ 4.707,10, 40 horas), nutricionista (1, R$ 4.707,10, 40 horas), terapeuta ocupacional (a2, R$ 4.707,10, 30horas), agente de cerimonial (1, R$ 4.707,10,40 horas), agente fiscal de posturas (15, R$ 4.707,10,40 horas), arquiteto (2, R$ 4.707,10, 40 horas), auditor fiscal tributário municipal (10, R$ 4.707,10, 40horas), engenheiro agrônomo (1, R$ 4.707,10, 40 horas), engenheiro civil (8, R$ 4.707,10, 40 horas), engenheiro eletricista (1, R$ 4.707,10, 40 horas), jornalista (1, R$ 4.707,10, 40 horas), médico veterinário 1, R$ 4.707,10, 40 horas) e  procurador do município (2, R$ 4.707,10, 40 horas).   
 

Comentários

Mais Lidas