Iniciais de R$ 10 mil

Segue expectativa por novo concurso do TCM SP

Novo concurso contará com oferta inicial de 10 vagas de auxiliar, destinadas para quem possui apenas formação de nível médio. Remuneração inicial da carreira é de R$ 10 mil

Fernando Cezar Alves
Publicado em 17/04/2019, às 14h17

Sede do Tribunal de Contas do Município de São Paulo
Divulgação

Segue a expectativa pela realização do aguardado novo concurso público do Tribunal de Contas do Município de São Paulo (TCM/SP).  Autorizado há mais de um ano, em 19 de janeiro de 2018, o certame ainda aguarda alguma definição por parte dos membros que constituirão a comissão organizadora. De qualquer forma, a seleção segue em pauta e será para o cargo de auxiliar técnico de fiscalização para a área de suporte administrativo. Ao todo serão oferecidas dez vagas iniciais e para concorrer será necessário possuir apenas ensino médio, com a atrativa remuneração inicial de R$ 10.032,40, incluindo salário básico de R$ 4.907,45 e gratificação de incentivo e especialização e produtividade de R$ 5.124,95, que os servidores passam a receber após seis meses de exercício.

  • CURSO CONCURSO TCM SP 2018 - AUXILIAR TÉCNICO DE FISCALIZAÇÃO  

Mesmo com a autorização do certame, o número de vagas não deve suprir as necessidades do órgão, uma vez que há quase 12 anos o TCM/SP não promove concurso para a carreira. De acordo com levantamento funcional divulgado em 2012, o cargo já contava com uma defasagem de 63 auxiliares, número muito superior ao total autorizado e que deve ter aumentado substancialmente desde então. Com isto, a expectativa é de que muitas outras vagas possam ser preenchidas por remanescentes, além da oferta inicial autorizada.    

Progressão Salarial

Além da remuneração inicial, a carreira conta com mais sete níveis, garantindo melhorias salariais durante o exercício da função. Desta forma, já considerando a gratificação de incentivo atual, de R$ 5.124,95, após o inicial de R$ 10.032,40, as remunerações passam posteriormente para R$ 10.523,14, R$ 11.062,97, R$ 11.656,79, R$ 12.309,96, R$ 13.028,48, R$ 13.818,79 e R$ 14.688,22.      

Último Concurso

  A última seleção para o cargo de auxiliar técnico de fiscalização ocorreu em 2006, quando foram oferecidas 32 vagas, sendo 23 somente para a área de suporte administrativo, que exige apenas ensino médio para concorrer. Das nove restantes, três foram para a área de técnico de enfermagem, com necessidade de ensino médio técnico, e seis para professor de educação infantil, com necessidade de formação superior com licenciatura plena. A organizadora foi o Instituto Cetro.   A seleção contou com prova objetiva, com 60 questões, além de uma questão dissertativa. Para auxiliar na área de suporte administrativo foram 45 questões de conhecimentos gerais (com peso três) e 15 de conhecimentos específicos, com peso um. Conhecimentos Gerais contou com temas de língua portuguesa, matemática e noções de informática. Para as áreas de enfermagem e docentes foram 35 de conhecimentos gerais (com peso um) e 25 de conhecimentos específicos, com peso três, também com língua portuguesa, matemática e noções de informática na parte de conhecimentos gerais.   

Mais Lidas