Concremat abre oportunidades de estágio

No ensino técnico, as ofertas são para estudantes cursando a partir do 1º período. Já para o nível superior, as vagas são para universitários a partir do 5º período (cursos com duração de 8 semestres) e a partir do 7º período (cursos de 10 semestres)

Renan Abbade
Publicado em 25/04/2014, às 12h40

A Concremat, empresa de engenharia consultiva, realiza as inscrições para os programas de estágios nos níveis técnico e superior.

No ensino técnico, as ofertas são para estudantes cursando a partir do 1º período. Já para o nível superior, as oportunidades são para universitários a partir do 5º período (cursos com duração de 8 semestres) e a partir do 7º período (cursos de 10 semestres). Os alunos também deverão ter disponibilidade para trabalhar de quatro a seis horas por dia.

Para concorrer, o interessado deve se cadastrar até o dia 4 de maio no site www.concremat.com.br/programadeestagio.

O processo seletivo conta com as etapas de testes on-line; triagem de currículos; dinâmica de grupo (presencial); entrevista presencial individual com a área e consultores de recursos humanos; e exames médicos e entrega de documentação.

A remuneração é compatível com o mercado e será divulgada na etapa de dinâmica de grupo.

Sobre o programa
Com duração de no máximo dois anos, estão previstas ações como módulos de treinamentos tanto comportamentais quanto técnicos no formato presencial e on-line; avaliações semestrais com base no plano de estágio; e avaliação final apontando se os estagiários estão capacitados para as vagas disponíveis de juniores.

Sobre a empresa
A Concremat tem como objetivo oferecer soluções integradas de engenharia e gestão aos clientes, às empresas e à sociedade, deixando sempre a melhor contribuição para o desenvolvimento sustentável do país. A sede está localizada no Rio de Janeiro e há filiais em 11 capitais brasileiras – Belo Horizonte (MG), Brasília (DF), Florianópolis (SC), Fortaleza (CE), Goiânia (GO), Manaus (AM), Porto Alegre (RS), Recife (PE), Salvador (BA), São Paulo (SP) e Vitória (ES). São mais de nove mil funcionários no país.

Comentários

Mais Lidas