CST reúne mais de 1.400 empregos em todos os níveis

Seleções estão sendo promovidas para os cargos de motorista de caminhão, cozinheiro, recepcionista, entre outras ocupações.

Redação
Publicado em 01/04/2011, às 13h13

Com pouco mais de um mês de funcionamento (a inauguração foi no dia 11 de fevereiro), o Centro de Solidariedade ao Trabalhador de Pirituba, na zona Noroeste da capital paulista, realiza o primeiro grande recrutamento de trabalhadores.

Existem 1.483 postos de trabalho disponíveis, reservados a profissionais de todos os níveis escolares que estejam interessados em salários entre R$ 545 e R$ 1.800, de acordo com o cargo pretendido.

São oferecidas oportunidades, por exemplo, para motorista de caminhão (87 vagas), cozinheiro (45), recepcionista (30), ajudante de carga e descarga (25), eletricista (25), operador de supermercados (20), auxiliar de pedreiro (12), auxiliar de eletrônica (9), auxiliar de manutenção predial (9) e estoquista (8).

Dessa lista, as funções de recepcionista e operador de supermercados são interessantes para jovens em busca do primeiro emprego e para quem não possui registro em carteira, pois não exigem experiência anterior.

As chances estão concentradas no posto Pirituba (avenida Cabo Adão Pereira, 387), mas os interessados também poderão se inscrever no CST Liberdade (rua Galvão Bueno, 782), na zona central de São Paulo. O prazo vai de 4 a 8 de abril.

Os trabalhadores que se dirigirem a um desses endereços de segunda a sexta-feira, das 7 às 16h (horário limitado à quantidade de senhas), participarão de pré-entrevista e retirarão da carta de encaminhamento para a entrevista nas empresas. É possível se cadastrar para até três ocupações.

Pâmela Lee Hamer

Veja também:

Música: Guri precisa de professores para a capital e Grande SP

Dia das Mães / SP: Litoral tem 310 vagas para temporários e consultores

Thomson Reuters: Agência de notícias anuncia vagas para São Paulo

Comentários

Mais Lidas