Prosegur seleciona instaladores de equipamentos

Candidato precisa estar cursando ou ter formação de técnico em eletrônica, ensino médio completo e Carteira Nacional de Habilitação (CNH); também é desejável experiência com instalações elétricas e eletrônicas, alarme e CFTV

Renan Abbade
Publicado em 23/04/2014, às 10h02

A Prosegur, empresa de segurança, abriu processo seletivo para contratação de 11 instaladores de equipamentos eletrônicos. No total, são quatro vagas para o estado de São Paulo (São José dos Campos, Ribeirão Preto, Campinas e capital), duas para Florianópolis (SC), uma para Pouso Alegre (MG) e quatro para Curitiba (PR).

Para participar, o candidato precisa estar cursando ou ter formação de técnico em eletrônica, ensino médio completo e Carteira Nacional de Habilitação (CNH). Também é desejável experiência com instalações elétricas e eletrônicas, alarme e CFTV.

Os interessados devem enviar currículo através do site www.prosegur.com.br, na aba “Trabalhe Conosco”.

Os aprovados realizarão serviços de instalação de equipamentos diversos dentro da área de segurança eletrônica e receberão demandas de atendimento de clientes, sendo responsáveis pela verificação técnica de equipamentos, assim como por reparos ou trocas, quando necessário.

Todas as contratações serão em regime CLT, com benefícios compatíveis com a função e a região de atuação.

Sobre a Prosegur
No Brasil desde 1981, a empresa está presente em 25 Estados e no Distrito Federal e conta com uma equipe de mais de 52 mil colaboradores. No mundo, a Prosegur é uma das empresas líderes no setor de segurança privada por meio de soluções integradas.

A companhia conta com serviços globais de segurança e atende a todas as necessidades de seus clientes nessa área, assumindo o papel de especialista em análise, projeto, planejamento, operação e manutenção.

No mundo, a Prosegur possui uma equipe de mais de 150 mil empregados, distribuídos entre Ásia (China, Cingapura e Índia), Europa (Alemanha, Espanha, França, Luxemburgo e Portugal), América Latina (Argentina, Brasil, Chile, Colômbia, México, Paraguai, Peru e Uruguai) e Oceania (Austrália).

Comentários

Mais Lidas