Concurso Prefeitura Caucaia (CE) 2019 Encerrado

Orgão: Prefeitura Caucaia
Nº vagas: 464
Taxa de inscrição: De R$ 80,00 Até R$ 90,00
Cargos: Diretor, Coordenador, Secretário
Áreas de Atuação: Administrativa, Educação
Escolaridade: Ensino Médio, Ensino Técnico, Ensino Superior
Faixa de salário: De R$ 958,40 Até R$ 2075,00
Organizadora: Cedepam
Estados com Vagas: CE
Cidades: Caucaia - CE

5,00(100.0%)1 voto(s)

Publicado em 15/07/2019, às 14h59 - Atualizado em 21/09/2019, às 18h00


O concurso Prefeitura Caucaia, no litoral cearense, preencherá 464 vagas em cargos de comissão na Secretaria Municipal de Educação (SME). Os salários variam de R$ 958,40 a R$ 2.075.

Estão em disputa oportunidades para secretário escolar (133 postos), coordenador pedagógico (198) e diretor (133). A primeira função cobra formação técnica de nível médio, enquanto as outras duas requerem curso superior.

Informações complementares

Atribuições dos cargos

  • Secretário escolar - Participar do processo ensino-aprendizagem e do planejamento da unidade escolar; Responsabilizar-se pela matrícula, transferências, escrituração, arquivo, registro e documentação geral e específica referente ao aluno, professor, técnico e pessoal de apoio; Organizar de forma democrática, ágil, transparente e eficaz os meios informativos e documentos da vida escolar de modo a facilitar sua circulação e acesso dos interessados, especialmente os alunos; Coordenar em conjunto com o diretor e coordenador o processo de matrícula; Responsabilizar-se em conjunto com o diretor pela frequência e livro de ponto dos servidores; Divulgar os atos administrativos do Núcleo Gestor e do Conselho Escolar; Assegurar a integridade e legitimidade da informação verbal ou escrita, primando pelo atendimento escolar e o reconhecimento do exercício da cidadania; Adequar às normas legais vigentes a documentação pertinente à vida escolar do aluno; Subsidiar o Núcleo Gestor e o Conselho Escolar das informações que possibilitem o monitoramento dos padrões mínimos de funcionamento da unidade escolar; Organizar documentos, correspondências e informações estatísticas; Responsabilizar-se juntamente com o gestor da unidade escolar na lisura das informações necessárias ao cumprimento da condicionalidade da frequência escolar dos alunos beneficiários do Programa Bolsa Família e no devido cumprimento dos prazos estipulados pelo MEC e Ministério de Desenvolvimento Social e Combate a Fome- MDS; Informar periodicamente ao Núcleo Gestor e ao Conselho Escolar sobre desempenho e rendimento escolar dos alunos; Manter em perfeito estado de conservação e segurança todo o arquivo documental e acervo do registro da unidade escolar; Manter atualizados os dados e informações da escola em sistemas informatizados de gestão, incluindo o senso escolar anual.
  • Diretor - Coordenar a execução da política educacional no âmbito da unidade escolar; Adequar a elaboração do Projeto Político Pedagógico (PPP), do Plano de Desenvolvimento da Escola (PDE Escola) e do Regimento Escolar (Código de Ética), observando os indicadores de melhoria do ensino-aprendizagem e redução dos índices de repetência e evasão escolar; Zelar pela manutenção da unidade do núcleo gestor da escola; Compartilhar o poder de decisão com os outros profissionais de modo a tornar-se construtor e participante do projeto que dirige; Ordenar despesas conjuntamente com o presidente da Unidade Executora, conforme legislação em vigor; Coordenar e acompanhar de forma gerencial e pedagógica os anexos, extensões e nucleadas que a unidade escolar tem sob a sua responsabilidade; Exercer um controle patrimonial de seus equipamentos, do material permanente, bem como de todos os bens disponíveis, tendo em vista o seu caráter público; Coordenar e acompanhar juntamente com o Secretário Escolar as informações de frequência dos alunos beneficiários do Programa Bolsa Família através dos Relatórios Gerenciais Bimestrais, em sua unidade escolar; Zelar pela permanente articulação entre as Coordenações e Organismos Colegiados, em especial o Conselho Escolar; Intermediar as ações entre o núcleo gestor e os organismos escolares. Encaminhar à DIGE até a primeira quinzena do mês de fevereiro, do ano em curso, os devidos ajustes no calendário escolar para atender as peculiaridades locais; Informar à SME via DIGE, através de ofícios, qualquer eventualidade ou situação irregular que aconteça na unidade escolar; Enviar à SME via DIGE, até a primeira quinzena do mês de fevereiro, do ano em curso, as datas definidas no calendário da unidade escolar destinadas à reunião de pais e mestres; Viabilizar parcerias e articulações que assegurem as condições de execução do Projeto Político Pedagógico (PPP) e do Plano de Desenvolvimento da Escola (PDDE Escola); Promover reuniões de socialização de informações gerenciais com a equipe de trabalho; Garantir a aplicação racional dos recursos financeiros, definindo prioridades com a participação do Núcleo Gestor e Conselho Escolar; Fazer cumprir o calendário escolar sob pena de ter que prestar esclarecimentos a comunidade escolar e a SME; Promover a gestão participativa dos recursos financeiros prestando contas periodicamente junto à comunidade, Conselho Escolar e encaminhando documento de prestação de contas à SME, nos prazos estabelecidos; Definir com a congregação de professores o período de reposição de aulas que deverá ser lavrada em Ata e encaminhada à SME via DIGE; Cumprir o horário escolar de forma que todo o núcleo gestor perpasse pelos três turnos: manhã, tarde e noite; administrar com responsabilidade e competência o patrimônio da unidade escolar.
  • Coordenador pedagógico - Utilizar os dados disponíveis (censo escolar, regimento interno, projeto pedagógico, avaliação do SAEB, avaliação da SME, avaliação realizada pela escola, PDE e outros) para construir as informações sobre a realidade da escola; Identificar mensalmente, as áreas críticas para intervenções; Apresentar bimestralmente, ao diretor e aos professores, o diagnóstico da realidade do ensino da unidade educativa, para a tomada de decisões compartilhadas; Assessorar o diretor na elaboração do Projeto Político Pedagógico e na definição de formas de atuação sobre os problemas detectados com a comunidade; Assessorar o diretor na avaliação do Projeto Político Pedagógico com a comunidade escolar, tendo em vista as ações realizadas durante o ano, visando o aprimoramento do trabalho; Assegurar a implementação da avaliação da aprendizagem dos alunos, de forma processual, contínua e formativa; Analisar os resultados das avaliações dos alunos juntamente com os professores e implementar estratégias de apoio pedagógico aos alunos com desempenho insatisfatório; Elaborar o plano do trabalho anual e detalhá-lo por bimestre explicitando os objetivos, os conteúdos que serão desenvolvidos, a metodologia adotada e a avaliação do trabalho por meio de instrumentos de acompanhamento e indicadores de resultados, tendo em vista as demandas da escola; Organizar a partir do plano bimestral, as agendas semanais de trabalho; Assumir como eixo da formação a conquista da escola de qualidade, traduzida na formação de leitores e escritores plenos; Assumir como um dos importantes pressupostos da formação a articulação do plano de formação do coordenador às necessidades profissionais dos professores; Assumir como objetivo da formação permanente a garantia de aprendizagem significativa na sala de aula, comprometida com a alfabetização/letramento e com os conteúdos dos demais componentes curriculares; Realizar a formação permanente dos professores sob sua responsabilidade, definindo a pauta dos encontros previamente. Eleger como pauta de formação-prioritariamente os conteúdos que possam ajudar o professor a desenvolver melhor o seu trabalho em sala de aula; entre outras atividades.

Como se preparar para a prova

Confira abaixo o conteúdo programático para o cargo de secretário escolar:

  • Língua portuguesa – 1. Exploração de leitura para a compreensão literal, interpretativa e crítica dos diversos tipos de textos: Identificação das relações de coerência: 1.1. Ideia principal/ Ideia secundária 1.2. Relação de causa e efeito; 1.3. Relação de comparação e contraste; 1.4. Progressão temporal e espacial. 2. Identificação das relações coesivas: 2.1. referenciação; 2.2. Substituição; 2.3. Elipse; 2.4. Repetição. 3. Identificação do significado de palavras recorrendo ao contexto. 4. Estratégias de leitura e compreensão textual: 4.1. conhecimento prévio; 4.2. Conhecimento de mundo; 4.3. Conhecimento linguístico; 4.4. Predições; 4.5. Inferências; 4.6. Pressuposições; 4.7. Implicações. 5. Reconhecimento da especificidade dos tipos de textos: 5.1. elementos constitutivos e sua organização; 5.2. Características linguísticas; 5.3. Funções de textos. 5.4. Identificação do gênero 6. Reconhecimento do propósito do autor. 7. Reconhecimento das informações implícitas. 8. Reconhecimento de fato e de opinião. 9. Reconhecimento do propósito comunicativo. 10. Intertextualidade.
  • Raciocínio lógico – 1. Noções de Lógica; 1.1 Estruturas lógicas e diagramas lógicos; 1.2 Valores lógicos das proposições; 1.3 Conectivos; 1.4 Tabelas-verdade; 2. Lógica de argumentação. 3. Sequências e séries. 4. Correlação de elementos. 5. Raciocínio analítico.
  • Legislação e políticas educacionais – 1.Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional - Artigos 01 a 34, 37 a 38, e 58 a 67; 2. Estatuto da Criança e do Adolescente (Art. 53 a 73 e 129 a 144); 3. Conselho Estadual de Educação do Ceará: Resolução 0361/2000, 0370/2002, 0372/2002, 0382/2003, 0388/2004, 0389/2004, 0396/2005, 0438/2012, 0456/2016, 0463/2017, 0464/2017 e 0474/2018; 4. Sistema Estadual de Educação: Competências e Obrigações. 1.Documentos da Gestão Escolar: Projeto Pedagógico, Regimento Escolar, Plano de Trabalho Anual, Calendário escolar e Diário de Classe; 2. Avaliação escolar, estudos de recuperação e Regularização da vida escolar; 3. Estrutura e organização dos Documentos Oficiais: requerimento, certidão, atestado, declaração, ata, ofício, memorando, circular, exposição de motivos, relatório, portaria, parecer, carta, resolução, certificado, diploma; 4. Noções de redação oficial: documentos, pronomes de tratamento; 5. Organização e funcionamento da secretaria da escola: atendimento, documentação, expedição e arquivamento; 6.O Arquivo Escolar: Organização dos documentos, Classificação dos arquivos e documentos. Organização e administração de arquivos. Material de arquivo, métodos de arquivamento. Preparação do material a ser arquivado; 7. Escrituração Escolar: Matrícula, transferência, aproveitamento de estudos, equivalência de estudos, adaptação curricular; 8. Documentos Administrativos: Dossiê da instituição de ensino, Dossiê do prédio da escola, Livros de Protocolo, Livro de inventário de equipamento e material permanente, Livro de Licitações, Relatório Anual de Atividades, Censo Escolar e Livro de Atas Especiais. BRASIL. Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional: Lei n. 9.394/96. Disponível em: <http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/Leis/L9394.htm >. Conselho Estadual de Educação do Ceará: Resoluções. Disponível em: <https://www.cee.ce.gov.br/downloads/resolucoes/resolucoes-do-conselho-estadual/>. Manual de Redação da Presidência da República. Disponível em <http://www4.planalto.gov.br/centrodeestudos/assuntos/manual-de-redacao-da-presidencia-da-republica/manual-de-redacao.pdf >. Manual do Secretário Escolar. Disponível em: <https://www.cee.ce.gov.br/2018/06/21/manual-do-secretario-do-escolar/>.

Calendário de eventos


Cronograma

Abertura das inscrições22/07/2019
Encerramento das inscrições02/08/2019
Prova18/08/2019
Divulgação do Gabarito18/08/2019
Divulgação do Resultado20/09/2019

Notícias do concurso Prefeitura Caucaia (CE) 2019

Edital e Anexos

Abertura (15/07/2019) Edital de abertura de inscrições

Provas Prefeitura Caucaia

Nenhuma prova encontrada

Provas Cedepam - Centro de Desenvolvimento e Planejamento Administrativo Municipal

Nenhuma prova encontrada

Sobre Prefeitura Caucaia

O Brasil conta, hoje, com 5.570 prefeituras espalhadas por municípios dos 26 Estados do país, além do Distrito Federal. Os municípios são uma circunscrição territorial dotada de personalidade jurídica e com certa autonomia administrativa, sendo as menores unidades autônomas da Federação. Uma prefeitura é a sede do poder executivo do município (semelhante à câmara municipal, em Portugal). Esta é comandada por um prefeito (nas cidades brasileiras e por um presidente de câmara nos municípios portugueses) e dividida em secretarias de governo, como educação, saúde ou meio ambiente. O termo prefeitura também pode designar o prédio onde está instalada a sede do governo municipal, também chamado de paço municipal onde geralmente se localiza o gabinete do prefeito. A instituição da prefeitura de seu encarregado maior, o "prefeito", é algo relativamente novo na história do Brasil. O poder hoje exercido pela prefeitura foi anteriormente exercido pela câmara municipal, pelo conselho de intendência e pela intendência municipal. As prefeituras são órgãos independentes, que não precisam de autorização por parte das administrações federal ou estaduais para realizarem seus concursos públicos, seja para preenchimento na própria sede ou em secretarias vinculadas à ela.


Comentários

Mais Lidas