Concurso Prefeitura de São João do Sul (SC) Encerrado

Orgão: Prefeitura São João do Sul
Nº vagas: 104
Taxa de inscrição: De R$ 30,00 Até R$ 70,00
Cargos: Auxiliar de serviços gerais e professor, Nutricionista, Monitor
Áreas de Atuação: Educação
Escolaridade: Ensino Fundamental, Ensino Médio, Ensino Superior
Faixa de salário: De R$ 881,79 Até R$ 3136,49
Organizadora: PS Concursos
Estados com Vagas: SC
Cidades: São João do Sul - SC

Publicado em 06/01/2021, às 09h46 - Atualizado em 24/02/2021, às 18h00


A Prefeitura de São João do Sul, em Santa Catarina, disponibilizou dois editais para concurso de 104 vagas mais cadastro reserva. As vagas são para nível fundamental, médio e superior. Os salários oferecidos variam de R$ 881,79 a R$ 3.136,49. As inscrições do concurso Prefeitura de São João do Sul (SC) poderão ser realizadas a partir de 05 de janeiro até 15/01/2021.

 

Mais informações:

 

Distribuição das vagas

Professor de artes (Infantil ao 9º Ano e EJA) (3 vagas), Professor de Educação física (Infantil ao 9º Ano e EJA) (6), Professor de português (6º ao 9º Ano) e EJA (2), Professor de inglês (6º ao 9º Ano) e EJA (1), Professor de educação infantil (10), Professor de ensino fundamental (1º ao 5º Ano) (10), Professor de educação especial (1), Interprete De Libras (1), Fonoaudiólogo (1), Nutricionista (1), Psicólogo (2), Auxiliar De Serviços Gerais I (4), Auxiliar De Serviços Gerais (4), Operador De Equipamentos (4), Motorista (4), Agente De Combate Às Endemias (1), Auxiliar De Consultório Dentário (3), Técnico Em Enfermagem (12), Assistente Social (1), Educador Social (1), Enfermeiro (3), Farmacêutico (1), Fisioterapeuta (2), Médico Clínico Geral (3), Médico Ginecologista (1), Médico Pediatra (1), Odontólogo (3), Psicólogo (1).

 

Conteúdo programático

Nutricionista: 1. Necessidades nutricionais nas diferentes etapas da vida; 2. Administração de Unidades de Alimentação e Nutrição; 3. Anatomia; Anatomia dos Sistemas; 4. Antropologia da Alimentação; 5. Políticas de Nutrição e Alimentação na Saúde; 6. Práticas Educativas em Saúde; 7. Legislações pertinentes ao conselho de Classe (CFN); 8. Doenças Relacionadas ao Sistema Digestório; 9. Critérios para elaboração de cardápios; 10. Seleção e preparo dos alimentos; 11. Seleção, conservação, pré-preparo, preparo e distribuição dos alimentos; 12. Nutrição nos ciclos da vida; 13. Terapia de Nutrição Enteral: indicação, técnica de administração, preparo, distribuição, seleção e classificação das fórmulas enterais; 14. Terapia Nutricional em condições específicas: Desnutrição, Doenças Gastrointestinais, Doenças Crônicas Não transmissíveis (Diabetes, Hipertensão e Obesidade), Doenças Renais, Doenças Hepáticas, HIV/AIDS e Neoplasias, Síndromes de Má Absorção, Alergias e Intolerâncias alimentares. 15. Interação entre medicamentos e nutrientes; 16. Interpretação de exames laboratoriais; 17. Política Nacional de Alimentação e Nutrição. 18. Sistema de Vigilância Alimentar e Nutricional – SISVAN; 19. Código de Ética Profissional do Nutricionista.

Psicólogo. Lei Federal nº 8.742, de 07 de dezembro de 1993, e alterações; 2. Código de ética profissional; 3. Família, Rede, Laços e Políticas Públicas; 4. Violência Doméstica; 5. Proteção Social Básica; 6. Proteção social específica; 7. Programas Governamentais de Transferência de Renda; 8. Educação Especial; 9. Inclusão; 10. Infância, adolescência; 11. As inter-relações familiares: casamento, conflito conjugal, separação, guarda dos filhos. 12. A criança e a separação dos pais. 13. A criança e o adolescente vitimizados. 14. Natureza e origens da tendência antissocial; 15. Os direitos fundamentais da criança e o do adolescente. 16. O trabalho do psicólogo em equipe multiprofissional. 17. Psicodiagnóstico – técnicas utilizadas. 18. A entrevista psicológica. 19. Apoio ao Programa de Saúde da Família. 20. Estatuto da Criança e do Adolescente – ECA; 21. Testes psicrométricos e projetivos, Psicologia organizacional e do trabalho22. Legislações pertinentes ao conselho de Classe (CFP).23. Estratégia do Programa Saúde da Família; 24. Portaria Nº 154 de 24 de Janeiro de 2008 - Criação do NASF; 25. Psicopatologias; 26. Legislação saúde mental; 27. Manual diagnóstico e estatístico de transtornos mentais – DSM; 28. História da Psicologia

Intérprete de Libras: 1. Decreto 5.626/2005; 2. Lei 12.319/2010 (Regulamenta a profissão de Tradutor e Intérprete da Língua Brasileira de Sinais – LIBRAS); 3. Surdez: conceitos, história, identidade e cultura da comunidade surda; 4. Literatura Surda; 5. Pedagogia Surda; 6. Aspectos linguísticos da Libras (fonologia, morfologia, sintaxe, semântica e pragmática da Libras); 7. Educação Bilíngue para Surdos; 8. Interpretação de língua de sinais: papéis e responsabilidades do intérprete, questões profissionais e éticas; 9. Atendimento às pessoas com necessidades especiais; 10. Política Nacional de Educação Especial na Perspectiva da Educação Inclusiva; 11. Auxílio em atividades escolares que promovam o desenvolvimento físico, mental, emocional e social; 12. Inclusão escolar; 13. Áreas da educação especial e suas especificidades: deficiência auditiva, deficiência física, deficiência mental, deficiência visual, deficiência múltipla e surdocegueira; 14. Processo de construção sociocultural das necessidades educacionais especiais. 15. Base Nacional Comum Curricular 16. Parâmetros Curriculares Nacionais de Educação Especial. 17. Diretrizes Nacionais para a Educação Especial na Educação Básica; 18. Processo ensino-aprendizagem; 19. Diversidade Cultural; 20. Processo de construção sociocultural das necessidades educacionais especiais; 21. Política Nacional de Educação Especial na Perspectiva da Educação Inclusiva; 22. Plano Nacional da Educação 23. Referencial Curricular Nacional da Educação Infantil; 24. Legislação Básica da Educação Inclusiva: Lei 10.436/2002; 25. Lei 13.146/2015 (Estatuto da Pessoa com Deficiência).

Professor de Informática: 1. Tecnologia de informação e comunicação (TIC) na educação; TIC na educação brasileira, Limites e possibilidades das TICs na Educação; 2. Microsoft Word; 3. Microsoft Excel; 4. Microsoft PowerPoint; 5. Tecnologia Educativa; 6. Jogos Pedagógicos Informatizados; 7. A Internet como recurso pedagógico; 8. A Informática na construção do conhecimento; 9 A informática nos projetos eduacionais; 10. Fundamentos da Informática; 11. Conhecimentos sobre sistemas operacionais; 12. Softwares, Hardwares e Tecnologias Mobile;

Curso grátis de língua portuguesa 

 

Acompanhamento

+++ A equipe JC Concursos apresenta o resumo do Concurso da Prefeitura de São João do Sul (SC) nesta página. O conteúdo programático e as atribuições na íntegra podem ser conferidos no edital abaixo, disponível entre os anexos.

 


Cronograma

Abertura das inscrições05/01/2021
Encerramento das inscrições15/01/2021
Prova07/02/2021
Divulgação do Gabarito07/02/2021
Divulgação do Resultado23/02/2021

Notícias do concurso Prefeitura de São João do Sul (SC)

Edital e Anexos

Abertura (06/01/2021) Edital 1
Abertura (06/01/2021) Edital 2

Provas Prefeitura São João do Sul

Nenhuma prova encontrada

Provas PS Concursos

Nenhuma prova encontrada

Sobre Prefeitura São João do Sul

O Brasil conta, hoje, com 5.570 prefeituras espalhadas por municípios dos 26 Estados do país, além do Distrito Federal. Os municípios são uma circunscrição territorial dotada de personalidade jurídica e com certa autonomia administrativa, sendo as menores unidades autônomas da Federação. Uma prefeitura é a sede do poder executivo do município (semelhante à câmara municipal, em Portugal). Esta é comandada por um prefeito (nas cidades brasileiras e por um presidente de câmara nos municípios portugueses) e dividida em secretarias de governo, como educação, saúde ou meio ambiente. O termo prefeitura também pode designar o prédio onde está instalada a sede do governo municipal, também chamado de paço municipal onde geralmente se localiza o gabinete do prefeito. A instituição da prefeitura de seu encarregado maior, o "prefeito", é algo relativamente novo na história do Brasil. O poder hoje exercido pela prefeitura foi anteriormente exercido pela câmara municipal, pelo conselho de intendência e pela intendência municipal. As prefeituras são órgãos independentes, que não precisam de autorização por parte das administrações federal ou estaduais para realizarem seus concursos públicos, seja para preenchimento na própria sede ou em secretarias vinculadas à ela.

Comentários

Mais Lidas