Concurso Prefeitura Mongaguá (SP) Em andamento

Orgão: Prefeitura Mongaguá
Nº vagas: 707
Taxa de inscrição: De R$ 29,60 Até R$ 53,60
Cargos: Professor, Escriturario, Psicopedagogo
Áreas de Atuação: Administrativa, Educação, Operacional, Fiscal, Segurança Pública
Escolaridade: Ensino Fundamental, Ensino Médio, Ensino Técnico, Ensino Superior
Faixa de salário: De R$ 1100,00 Até R$ 3032,00
Organizadora: RBO
Estados com Vagas: SP
Cidades: Mongaguá - SP

Publicado em 20/04/2017, às 12h00 - Atualizado em 17/01/2022, às 23h00


Saíram três editais do concurso Prefeitura de Mongaguá, localizada no litoral do Estado de São Paulo. Ao todo, o certame preencherá 707 vagas em diversos cargos, de todos os níveis escolares.

Informações complementares

Concurso Prefeitura de Mongaguá: distribuição das vagas

O edital nº 01/2021 oferece 96 vagas na área da educação, distribuídas entre cargos de níveis médio e superior, com salários que variam de R$ 1.360,17 a R$ 3.032,74. Confira a distribuição das ofertas a seguir:

  • ensino médio: profissional de apoio escolar (25 vagas);
  • nível superior: psicólogo educacional (1), psicopedagogo (1), professor adjunto de educação básica nas especialidades de arte (1), educação especial (1), educação física (1), inglês (1), libras (1), música (1), polivalente (10), ciências (2), geografia (2), história (1), língua portuguesa (2) e matemática (2), professor de educação básica I polivalente (6), professor de educação básica II polivalente (8) e professor de educação básica III nas áreas de arte (1), ciências (5), educação especial (1), educação física (1), geografia (5), história (4), inglês (3), libras (1), língua portuguesa (4), matemática (3) e música (2).

Já o edital nº 02/2021 conta com 486 vagas, sendo 306 para contratação imediata e 180 para formação de cadastro reserva (CR). Chances são para candidatos de todos os níveis escolares, com vencimentos que oscilam entre R$ 1.100 e R$ 2.725,80. Veja os postos a seguir:

  • ensino fundamental: atendente de serviços (20 + 10 CR), auxiliar de serviços gerais (4 + 4 CR), auxiliar educador cuidador (13), babá (7), borracheiro (1 CR), gari (7), merendeira (74), monitor de transporte escolar (4), operador de máquina roçadeira costal (2 + 10 CR), operário (20 + 28 CR), servente (33) e vigia (20 + 20 CR).
  • ensino médio e/ou curso técnico: administrador de cemitério (1 + 1 CR), agente de serviços de trânsito (1), almoxarife (1), atendente (7 + 8 CR), atendente de recepção (3), cozinheiro (2 + 4 CR), educador cuidador residente (2 + 2 CR), escriturário (16 + 16 CR), fiscal de obras (5 + 5 CR), fiscal de comércio (5 + 13 CR), mecânico (3 CR), motorista (15 + 25 CR), recepcionista (4 + 5 CR), técnico agrimensor (1 + 5 CR) e vigilante de alunos (13).
  • Nível superior: analista de convênios de obras (1 + 1 CR), arquiteto (1 + 3 CR), assessor de imprensa (3 + 3 CR), assistente social (4 + 2 CR), bacharel em ciências humanas (1), contador (1), controlador geral (1), educador social (2), engenheiro (1 + 3 CR), fiscal de contrato de obras (2 + 1 CR), instrutor técnico desportivo (1 + 4 CR), orçamentista de obras (3 + 2 CR), procurador municipal (1 + 1 CR) e psicólogo (4).

Por fim, o edital nº 03/2021 reúne 125 vagas, sendo 91 para contratação imediata e 34 para formação de cadastro reserva (CR). Oportunidades são para candidatos de níveis médio, técnico e superior, com remunerações que variam de R$ 1.100 a R$ 2.509,10. Confira as ofertas a seguir:

  • ensino médio e/ou curso técnico: auxiliar de serviços odontológicos (4), técnico de enfermagem (23), técnico de farmácia (9 + 3 CR), técnico de raio x (1 + 2 CR) e técnico da segurança do trabalho (1);
  • nível superior: assistente social (3), dentista (1 + 4 CR), enfermeiro padrão (10 + 9 CR), farmacêutico (1 + 1 CR), fisioterapeuta (6), fonoaudiólogo (2), médico de ambulatório (12 + 4 CR), médico plantonista (10 + 10 CR), médico veterinário (1), nutricionista (2), psicólogo - saúde (2), psiquiatra (2) e terapeuta ocupacional (1 + 1 CR).

Concurso Prefeitura de Mongaguá: atribuições de alguns cargos

PROFISSIONAL DE APOIO ESCOLAR: Apoio às atividades de comunicação, interação social, locomoção, alimentação e cuidados pessoais e de higiene, de um ou mais alunos com necessidades especiais A rotina de trabalho deste profissional inclui, entre outros serviços assemelhados, garantir a alunos com necessidades especiais os cuidados e acompanhamento na locomoção pelas dependências da escola, em todos os espaços utilizados para as atividades escolares, auxiliar ao realizar as tarefas, se alimentar ou, caso o aluno não tenha autonomia motora ou intelectual para tanto, ler e escrever por ele ou outras atividades escolares. A assistência do profissional deve contribuir para a melhor acessibilidade do aluno às situações de aprendizagem, otimizando as condições materiais, técnicas e humanas do aluno. Parte de sua rotina também integra garantir a higiene pessoal do aluno, garantindo que ele esteja sempre limpo e asseado. É trabalho profissional de apoio escolar acompanhar o aluno portador de necessidades especiais nas necessidades fisiológicas e de higiene e, caso o aluno possua autonomia para se manter limpo sozinho, seu trabalho passa a ser estar presente e supervisionar as idas ao banheiro. Auxiliar o aluno na alimentação, locomoção e comunicação quando houver necessidade provocada por qualquer tipo de limitação. A extensão das atribuições do Profissional de apoio depende do grau de comprometimento da autonomia do aluno e as especificidades apresentadas pelo estudante, relacionadas à sua condição de funcionalidade, de forma a garantir o bem-estar pessoal do aluno e suprir suas incapacidades inclusive de alimentação, locomoção, comunicação, cuidados pessoais e que interferem nas atividades escolares. Este profissional, além de prestar atendimento ao aluno portador de necessidade especial, é responsável por apresentar relatórios constantes à escola e às secretarias especializadas quando necessário e solicitado, colaborando e participante das ações da equipe escolar.

PSICOLOGO EDUCACIONAL: Participar da elaboração de currículos e programas educacionais: questionar juntamente com a equipe técnica pedagógica os fatores culturais, sociais e econômicos de sua comunidade escolar, visando a qualidade de ensino, tanto em relação a satisfação dos profissionais da educação quanto do rendimento e satisfação do aluno, podendo reduzir repetência e evasão escolares, pela motivação adequada e fundamentada em preceitos técnicos científicos bem como sócio-psíquico-pedagógicos reais. Cabe ao psicólogo escolar reconhecer e avaliar alunos com dificuldade diante das exigências educacionais, utilizando-se de conhecimentos clínicos aplicados diferentemente, conforme a especialidade. Após o parecer completo do aluno, em se verificando comprometimento orgânico ou emocional, encaminhar à especialidades necessárias e, uma vez observadas necessidades psicopedagógicas, em parceria com os demais profissionais da educação, organizar programas que visem o desenvolvimento específico de cada dificuldade detectada. Realizar outras atividades correlatas ao cargo, quando requeridas por sua chefia imediata.

PSICOPEDAGOGO: Planejar, organizar, desenvolver e coordenar ações, estudos e levantamentos nas áreas de psicologia. Realizar análises, diagnóstico e terapia de indivíduos com distúrbios psíquicos ou com problemas de comportamento familiar, social e no ambiente escolar. Orientar docentes e demais especialistas da área de educação. Identificar, avaliar, prevenir e acompanhar clinicamente indivíduos que apresentem distúrbios psíquicos ou Capacitar professores e especialistas para o atendimento dos alunos na rede municipal; Realizar palestras nas escolas; Realizar outras atividades correlatas ao cargo, quando requeridas por sua chefia imediata.

Acompanhamento

A equipe JC Concursos disponibiliza o resumo do concurso nesta página, com as principais informações do processo de seleção. Mais informações estão disponíveis abaixo, no edital anexado.

Dica de estudo: língua portuguesa


Cronograma

Abertura das inscrições18/11/2021
Encerramento das inscrições07/01/2022
Prova16/01/2022

Notícias do concurso Prefeitura Mongaguá (SP)

Edital e Anexos

Abertura (20/04/2017) Edital Concurso Prefeitura Mongaguá SP (2017)
Abertura (17/09/2020) Edital de abertura de inscrições (2020)
Retificação (17/09/2020) Edital de abertura de inscrições (2020)
Retificação (28/10/2020) Prorrogação e retificação cargos
Abertura (22/11/2021) Edital nº 01/2021
Abertura (25/11/2021) Edital nº 02/2021
Abertura (25/11/2021) Edital nº 03/2021

Provas Prefeitura Mongaguá

Nenhuma prova encontrada

Provas RBO - RBO Assessoria Pública e Projetos Municipais

Nenhuma prova encontrada

Sobre Prefeitura Mongaguá

O Brasil conta, hoje, com 5.570 prefeituras espalhadas por municípios dos 26 Estados do país, além do Distrito Federal. Os municípios são uma circunscrição territorial dotada de personalidade jurídica e com certa autonomia administrativa, sendo as menores unidades autônomas da Federação. Uma prefeitura é a sede do poder executivo do município (semelhante à câmara municipal, em Portugal). Esta é comandada por um prefeito (nas cidades brasileiras e por um presidente de câmara nos municípios portugueses) e dividida em secretarias de governo, como educação, saúde ou meio ambiente. O termo prefeitura também pode designar o prédio onde está instalada a sede do governo municipal, também chamado de paço municipal onde geralmente se localiza o gabinete do prefeito. A instituição da prefeitura de seu encarregado maior, o "prefeito", é algo relativamente novo na história do Brasil. O poder hoje exercido pela prefeitura foi anteriormente exercido pela câmara municipal, pelo conselho de intendência e pela intendência municipal. As prefeituras são órgãos independentes, que não precisam de autorização por parte das administrações federal ou estaduais para realizarem seus concursos públicos, seja para preenchimento na própria sede ou em secretarias vinculadas à ela.


Comentários

Mais Lidas