Concurso Prefeitura Osasco (SP) 2019 Em andamento

Orgão: Prefeitura de Osasco
Nº vagas: 184
Taxa de inscrição: De R$ 44,50 Até R$ 82,20
Cargos: Técnico, Enfermeiro, Agente
Áreas de Atuação: Administrativa, Saúde, Operacional
Escolaridade: Ensino Fundamental, Ensino Médio, Ensino Técnico, Ensino Superior
Faixa de salário: De R$ 1022,16 Até R$ 4533,08
Organizadora: Vunesp
Estados com Vagas: SP
Cidades: Osasco - SP

0,00(0.0%)0 voto(s)

Publicado em 27/05/2019, às 13h55 - Atualizado em 17/07/2019, às 18h00


O concurso da Prefeitura de Osasco, na Grande São Paulo, preencherá 184 postos em funções de níveis fundamental, médio/técnico e superior de ensino, com vencimentos de até R$ 4,5 mil. 

Além do quadro de vagas, nesta página você encontra informações sobre: 

Oportunidades

Para concorrer como auxiliar de cuidador social (5 postos e remuneração de R$ 1.304,56), auxiliar de necropsia (4 - R$ 1.022,16), motorista de transportes leves (5 - R$ 1.438,28), motorista de transportes pesados (5 - R$ 1.510,19) e agente de defesa civil (10 - R$ 1.223,64) basta possuir ensino fundamental.

Com nível médio e, em alguns casos, formação técnica é possível disputar as funções de cuidador social (30 - R$ 1.510,19), educador social (30 - R$ 1.664,99), oficial administrativo (10 - R$ 1.242,44), zelador de espaço esportivo (30 - R$ 1.304,56), técnico de enfermagem (10 - R$ 1.585,70), técnico de enfermagem do trabalho (3 - R$ 1.585,70) e técnico de segurança do trabalho (5 - R$ 1.664,99).

As carreiras que cobram curso superior são para assistente social (10 - R$ 3.835,65), enfermeiro (5 - R$ 3.835,65), enfermeiro do trabalho (1 - R$ 3.835,65), enfermeiro obstetra (1 - R$ 3.835,65), enfermeiro sanitarista (5 - R$ 3.835,65), farmacêutico (1 - R$ 3.835,65), fisioterapeuta (1 - R$ 3.835,65), fonoaudiólogo (1 - R$ 3.835,65), médico do trabalho diarista (3 - R$ 4.533,08), médico veterinário (5 - R$ 4.395,47) e psicólogo (4 - R$ 3.835,65).

Principais cargos

Os contratados para a carreira de cuidador social (são 30 vagas de nível médio) terão como atribuições:

  • Desenvolver atividades de cuidados básicos essenciais para a vida diária e instrumentais de autonomia e participação social dos usuários, a partir de diferentes formas e metodologias, contemplando as dimensões individuais e coletivas;
  • Desenvolver atividades para o acolhimento, proteção integral e promoção da autonomia e autoestima dos usuários;
  • Atuar na recepção dos usuários possibilitando uma ambiência acolhedora;
  • Identificar as necessidades e demandas dos usuários; - Apoiar os usuários no planejamento e organização de sua rotina diária;
  • Apoiar e monitorar os cuidados com a moradia, como organização e limpeza do ambiente e preparação dos alimentos;
  • Apoiar e monitorar os usuários nas atividades de higiene, organização, alimentação e lazer;
  • Apoiar e acompanhar os usuários em atividades externas;
  • Desenvolver atividades recreativas e lúdicas;
  • Potencializar a convivência familiar e comunitária;
  • Estabelecer e, ou, potencializar vínculos entre os usuários, profissionais e familiares;
  • Apoiar na orientação, informação, encaminhamentos e acesso a serviços, programas, projetos, benefícios, transferência de renda, ao mundo do trabalho por meio de articulação com políticas afetas ao trabalho e ao emprego, dentre outras políticas públicas, contribuindo para o usufruto de direitos sociais;
  • Contribuir para a melhoria da atenção prestada aos membros das famílias em situação de dependência;
  • Apoiar no fortalecimento da proteção mútua entre os membros das famílias;
  • Contribuir para o reconhecimento de direitos e o desenvolvimento integral do grupo familiar;
  • Apoiar famílias que possuem, dentre os seus membros, indivíduos que necessitam de cuidados, por meio da promoção de espaços coletivos de escuta e troca de vivência familiar; e
  • Participar das reuniões de equipe para o planejamento das atividades, avaliação de processos, fluxos de trabalho e resultado.

A função de educador social também disponibiliza 30 vagas e exige ensino médio. Estão entre as responsabilidades do cargo:

  • Desenvolver atividades socioeducativas e de convivência e socialização visando à atenção, defesa e garantia de direitos e proteção aos indivíduos e famílias em situações de vulnerabilidade e, ou, risco social e pessoal, que contribuam com o fortalecimento da função protetiva da família;
  • Desenvolver atividades instrumentais e registro para assegurar direitos, reconstrução da autonomia, autoestima, convívio e participação social dos usuários, a partir de diferentes formas e metodologias, contemplando as dimensões individuais e coletivas, levando em consideração o ciclo de vida e ações Inter geracionais;
  • Assegurar a participação social dos usuários em todas as etapas do trabalho social;
  • Apoiar e desenvolver atividades de abordagem social e busca ativa;
  • Atuar na recepção dos usuários possibilitando ambiência acolhedora;
  • Apoiar na identificação e registro de necessidades e demandas dos usuários, assegurando a privacidade das informações;
  • Apoiar e participar no planejamento das ações;
  • Organizar, facilitar oficinas e desenvolver atividades individuais e coletivas de vivência nas unidades e, ou, na comunidade;
  • Acompanhar, orientar e monitorar os usuários na execução das atividades;
  • Apoiar na organização de eventos artísticos, lúdicos e culturais nas unidades e, ou, na comunidade;
  • Apoiar no processo de mobilização e campanhas Inter setoriais nos territórios de vivência para a prevenção e o enfrentamento de situações de risco social e, ou, pessoal, violação de direitos e divulgação das ações das Unidades sócio assistenciais;
  • Apoiar na elaboração e distribuição de materiais de divulgação das ações;
  • Apoiar os demais membros da equipe de referência em todas as etapas do processo de trabalho;
  • Apoiar na elaboração de registros das atividades desenvolvidas, subsidiando a equipe com insumos para a relação com os órgãos de defesa de direitos e para o preenchimento do Plano de Acompanhamento Individual e, ou, familiar;
  • Apoiar na orientação, informação, encaminhamentos e acesso a serviços, programas, projetos, benefícios, transferência de renda, ao mundo do trabalho por meio de articulação com políticas afetas ao trabalho e ao emprego, dentre outras políticas públicas, contribuindo para o usufruto de direitos sociais;
  • Apoiar no acompanhamento dos encaminhamentos realizados;
  • Apoiar na articulação com a rede de serviços sócio assistenciais e políticas públicas;
  • Participar das reuniões de equipe para o planejamento das atividades, avaliação de processos, fluxos de trabalho e resultado;
  • Desenvolver atividades que contribuam com a prevenção de rompimentos de vínculos familiares e comunitários, possibilitando a superação de situações de fragilidade social vivenciadas;
  • Apoiar na identificação e acompanhamento das famílias em descumprimento de condicionalidades;
  • Informar, sensibilizar e encaminhar famílias e indivíduos sobre as possibilidades de acesso e participação em cursos de formação e qualificação profissional, programas e projetos de inclusão produtiva e serviços de intermediação de mão de obra;
  • Acompanhar o ingresso, frequência e o desempenho dos usuários nos cursos por meio de registros periódicos; e
  • Apoiar no desenvolvimento dos mapas de oportunidades e demandas.

O que estudar para a prova

Confira abaixo as disciplinas de conhecimentos gerais para as vagas de nível fundamental no concurso da Prefeitura de Osasco:

  • Língua portuguesa - Leitura e interpretação de diversos tipos de textos (literários e não literários). Sinônimos e antônimos. Sentido próprio e figurado das palavras. Pontuação. Classes de palavras: substantivo, adjetivo, numeral, pronome, verbo, advérbio, preposição e conjunção: emprego e sentido que imprimem às relações que estabelecem. Concordância verbal e nominal. Regência verbal e nominal. Colocação pronominal. Crase.
  • Matemática - Resolução de situações-problema, envolvendo: adição, subtração, multiplicação, divisão, potenciação ou radiciação com números racionais, nas suas representações fracionária ou decimal; Mínimo múltiplo comum; Porcentagem; Razão e proporção; Regra de três simples; Equação do 1º grau; Grandezas e medidas – quantidade, tempo, comprimento, superfície, capacidade e massa; Relação entre grandezas – tabela ou gráfico; Noções de geometria plana – forma, área, perímetro e Teorema de Pitágoras.

Veja abaixo, na íntegra, todos os detalhes do concurso da Prefeitura de Osasco, o anexo do edital, cronograma completo do processo de seleção com informações do período de inscrições e provas.


Cronograma

Abertura das inscrições07/06/2019
Encerramento das inscrições16/07/2019
Prova08/09/2019
Divulgação do Gabarito11/09/2019

Notícias do concurso Prefeitura Osasco (SP) 2019

Edital e Anexos

Abertura (27/05/2019) Edital de abertura de inscrições

Provas Prefeitura de Osasco

Nenhuma prova encontrada

Provas Vunesp

Orgão, Cargos e OrganizadoraAnoAnexo
PM Soldado de 2ª classe
Vunesp
2018 Prova / Gabarito
Prefeitura Assistente Social
Vunesp
2018 Prova / Gabarito
Previdência Analista Previdenciario
Vunesp
2018 Prova / Gabarito
Prefeitura Contador
Vunesp
2018 Prova / Gabarito
Previdência Contador
Vunesp
2018 Prova / Gabarito

» Ver lista completa

Sobre Prefeitura de Osasco

O Brasil conta, hoje, com 5.570 prefeituras espalhadas por municípios dos 26 Estados do país, além do Distrito Federal. Os municípios são uma circunscrição territorial dotada de personalidade jurídica e com certa autonomia administrativa, sendo as menores unidades autônomas da Federação. Uma prefeitura é a sede do poder executivo do município (semelhante à câmara municipal, em Portugal). Esta é comandada por um prefeito (nas cidades brasileiras e por um presidente de câmara nos municípios portugueses) e dividida em secretarias de governo, como educação, saúde ou meio ambiente. O termo prefeitura também pode designar o prédio onde está instalada a sede do governo municipal, também chamado de paço municipal onde geralmente se localiza o gabinete do prefeito. A instituição da prefeitura de seu encarregado maior, o "prefeito", é algo relativamente novo na história do Brasil. O poder hoje exercido pela prefeitura foi anteriormente exercido pela câmara municipal, pelo conselho de intendência e pela intendência municipal. As prefeituras são órgãos independentes, que não precisam de autorização por parte das administrações federal ou estaduais para realizarem seus concursos públicos, seja para preenchimento na própria sede ou em secretarias vinculadas à ela.

Sobre Vunesp

Criada em 1979, a Fundação para o Vestibular da Universidade Estadual Paulista (Vunesp) possui personalidade jurídica de direito privado, sem fins lucrativos. A banca tem como principais atividades: planejar, organizar, executar e supervisionar o  vestibular da Unesp; realizar vestibulares e concursos diversos para outras instituições e promover as atividades de pesquisa e extensão de serviços à comunidade, na área educacional.


Comentários

Mais Lidas