MenuJC Concursos
Busca
Notícias | | Aulas Grátis | Provas anteriores | Simulados | Empregos | Brasil

Concurso TJ MG 2022 Autorizado

Orgão: TJ MG - Tribunal de Justiça de Minas Gerais
Nº vagas: Não definido
Taxa de inscrição: Não definido
Cargos: Analista, Oficial
Áreas de Atuação: Administrativa, Operacional
Escolaridade: Ensino Médio, Ensino Superior
Faixa de salário:
Estados com Vagas: MG

Publicado em 25/07/2019, às 12h07 - Atualizado em 13/05/2022, às 13h26

WhatsAppFacebookTwitterLinkedinGmail

O concurso TJ MG (Tribunal de Justiça do Estado de Minas Gerais) contará com oportunidades para os cargos de oficiais e analistas judiciários, com opções para quem possui ensino médio e nível superior. O processo está em fase de definição da banca e a publicação do edital está prevista para ocorrer entre março e abril

Concurso TJ MG : saiba mais sobre a seleção 

O concurso TJ MG (Tribunal de Justiça do Estado de Minas Gerais) já conta com contrato assinado com a banca organizadora, que será o Instituto Brasileiro de Formação e Capacitação (IBFC). Com isto, o edital de abertura de inscrições já pode ser publicado. O contrato foi assinado na última quarta-feira, 9 de fevereiro, com prazo até  8 de agosto de 2023, período para a realização de todos os procedimentos do certame, incluindo publicação do edital, recebimento de inscrições, aplicação de provas e divulgação dos resultados.

A oferta de vagas ainda não foi anunciada, mas os cargos já estão definidos, com oportunidades de oficiais e analistas, respectivamente, de níveis médio e superior.

Além disso, de acordo com o presidente do órgão, desembargador Gilson Lemes, o certame também será para formar cadastro reserva de pessoal.

Para oficiais, com exigência de ensino médio, as opções serão as seguintes:

  • oficial de justiça
  • assistente técnico de controle financeiro

Para analistas, de nível superior:

  • administrador (com formação em administração ou gestão pública)
  • médico
  • psicólogo
  • analista de tecnologia da informação (com formação na área e dois anos de experiência)
  • analista judiciário (com formação em direito)
  • assistente social
  • bibliotecário
  • contador
  • enfermeiro
  • engenheiro civil
  • engenheiro eletricista
  • engenheiro mecânico
  • revisor judiciário (com formação em letras ou direito)

Os vencimentos básicos são de R$ 2.986,57 para os cargos de ensino médio e R$ 4.677,09 para nível superior

Concurso TJ MG: saiba como serão as provas

No concurso TJ MG, o projeto básico indica como serão as provas objetivas, que contarão com 60 questões para cada cargo.

Para oficial judiciário, a distribuição será a seguinte:

  • língua portuguesa - 15 questões
  • noções de direito - 15
  • noções de informática - 5
  • conhecimentos específicos - 20
  • raciocínio lógico - 5

Para analistas, na área de tecnologia da informação:

  • língua portuguesa - 15
  • noções de direito - 15
  • inglês técnico - 5
  • conhecimentos específicos - 20
  • raciocínio lógico - 5

Para analistas, na área de analista judiciário:

  • língua portuguesa - 20
  • noções de informática - 10
  • conhecimentos específicos - 25
  • raciocínio lógico - 5

Para analistas nas demais áreas:

  • língua portuguesa - 15
  • noções de direito - 15
  • noções de informática - 5
  • conhecimentos específicos - 20
  • raciocínio lógico - 5

Para analista judiciário e na área de bibliotecário , a prova dissertativa versará sobre conhecimentos específicos. Para as demais carreiras haverá estudo de caso.

Concurso TJ MG: veja publicação oficial

tjmg

Concurso TJ MG: veja publicação

 

 
 
 
 
 
Ver esta publicação no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação partilhada por Gilson Soares Lemes (@gilson

 

Concurso TJ MG: saiba como serão as provas

No concurso TJ MG, o projeto básico indica como serão as provas objetivas, que contarão com 60 questões para cada cargo. 

Para oficial judiciário, a distribuição será a seguinte:

  • língua portuguesa - 15 questões
  • noções de direito - 15
  • noções de informática - 5
  • conhecimentos específicos - 20
  • raciocínio lógico - 5

Para analistas, na área de tecnologia da informação:

  • língua portuguesa - 15
  • noções de direito - 15
  • inglês técnico - 5
  • conhecimentos específicos - 20
  • raciocínio lógico - 5

Para analistas, na área de analista judiciário:

  • língua portuguesa - 20
  • noções de informática - 10
  • conhecimentos específicos - 25
  • raciocínio lógico - 5

Para analistas nas demais áreas:

  • língua portuguesa - 15
  • noções de direito - 15
  • noções de informática - 5
  • conhecimentos específicos - 20
  • raciocínio lógico - 5

Para analista judiciário e na área de bibliotecário , a prova dissertativa versará sobre conhecimentos específicos. Para as demais carreiras haverá estudo de caso.

 

Concurso TJ MG: veja dicas de raciocínio lógico


Cronograma

Autorização do Concurso
Autorização do Concurso
13/11/2019
Divulgação do Resultado
Estimativa
31/12/2023

Notícias do concurso TJ MG 2022

Provas TJ MG - Tribunal de Justiça de Minas Gerais

Nenhuma prova encontrada


Voltar ao topo

+Mais Lidas

JC Concursos, o seu Jornal dos Concursos de sempre. Imparcial, independente, completo.