MenuJC Concursos
Busca
Notícias | | Aulas Grátis | Provas anteriores | Simulados | Empregos | Brasil

Inflação em alta! Mercado financeiro projeta piora na taxa e juros nas alturas, aponta Focus

O Boletim Focus é uma pesquisa organizada pelo BC, junto com analistas e instituições financeiras, para projetar a economia brasileira.

Victor Meira | victor@jcconcursos.com.br
Publicado em 02/05/2022, às 12h19

None
Freepik
WhatsAppFacebookTwitterLinkedinGmail

Nesta segunda-feira (02), o Banco Central (BC ou Bacen) divulgou a projeção do mercado financeiro via Boletim Focus. O estudo apresentou mais uma alta na taxa de inflação acumulada em 2022. A expectativa sobre o IPCA (Índice de Preços ao Consumidor Amplo) subiu de 7,65% para 7,89%. Com isso, esta é a 16ª semana seguida que cresce a projeção sobre a inflação no Brasil. 

Para 2023, o mercado segue com a perspectiva semelhante, cuja taxa avançou de 4% para 4,10%. Ao comparar com os dados de quatro semanas atrás, o indicador de inflação era mais tranquilo, na casa dos 3,80%. 

Sobre a taxa básica de juros, a Selic, o mercado financeiro manteve a mesma previsão da semana passada, em 13,25% ao ano. Há quatro semanas, o mercado esperava uma taxa de 13%. 

Apesar da estabilidade em 2022, para o ano que vem o Focus aponta uma expectativa de alta na Selic, que passou de 9% para 9,25%. 

O Boletim Focus é uma pesquisa organizada pelo BC, junto com analistas e instituições financeiras, para projetar a economia brasileira. 

Boletim Focus: Veja a projeção sobre o PIB e o Dólar

Embora a projeção da inflação e Selic mais altas no final de 2022, o mercado aumentou também a expectativa sobre o crescimento do PIB (Produto Interno Bruto) brasileiro, que subiu de 0,65% para 0,75%. Há quatro semanas, a projeção era um aumento de 0,52%.

Em 2023, o Boletim Focus informa que a expectativa sobre o crescimento do PIB continuou  a mesma, 1,00%. Mas este número é pior do que foi apresentado há quatro semanas, que foi de 1,30%.

Enquanto que a projeção do dólar se manteve a mesma da semana passada, R$ 5,00. Vale lembrar que essa cotação é menor do que a apresentada há um mês, que foi de R$ 5,20. 

Para 2023, o mercado projetou um aumento na cotação da moeda norte-americana, cujo variação foi de R$ 5,00 para R$ 5,04. Mas, bem abaixo do que era projetada há quatro semanas, que foi de R$ 5,20. 

Confira abaixo um vídeo sobre TCU e Eletrobras que pode afetar a economia a médio prazo.

*com informações do Banco Central

+++Acompanhe as principais informações sobre Sociedade e Brasil no JC Concursos

Siga o JC Concursos no Google News e acompanhe nossos destaquesSociedadeBrasil

Comentários

Voltar ao topo

+Mais Lidas

JC Concursos, o seu Jornal dos Concursos de sempre. Imparcial, independente, completo.