MenuJC Concursos
Busca
Notícias | | Aulas Grátis | Provas anteriores | Simulados | Empregos | Brasil

Kinder Ovo: Anvisa proíbe importação e venda de chocolates no Brasil. Veja o que diz a empresa

Anvisa proíbe em resolução editada na noite de ontem (14) a venda e importação de chocolates da marca Kinder Ovo no Brasil; Veja o que diz a empresa

Jean Albuquerque | redacao@jcconcursos.com.br
Publicado em 15/04/2022, às 18h00

Kinder Ovo: Anvisa proíbe importação e venda de chocolates no Brasil
Kinder Ovo: Anvisa proíbe importação e venda de chocolates no Brasil - Getty Images
WhatsAppFacebookTwitterLinkedinGmail

A Kinder Ovo está proibida pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) de comercializar, distribuir, importar e o uso do produto no Brasil. Nesta quinta-feira (14) a Rede Internacional de Autoridades de Segurança Alimentar (Infosan) já tinha enviado um alerta à Anvisa sobre o surto de Salmonella Typhimurium em chocolates da marca. 

A agência reguladora tinha informado em nota que estava monitorando as informações das autoridades europeias sobre os casos de infecção por salmonella ligados ao consumo do chocolate Ferrero Rocher, fabricado na Bélgica e distribuído para diferentes países.

+++ Kinder Ovo: Anvisa recebe alerta internacional de contaminação por salmonela

Anvisa proíbe a comercialização do Kinder Ovo no Brasil; Saiba mais 

A resolução que proíbe a marca Kinder Ovo de operar no Brasil foi emitida pela Anvisa na noite de ontem (14). De acordo com o documento, a medida vale para todos os produtos Ferreiro fabricados na Bélgica. 

“Embora o Brasil não esteja entre os países de destino dos produtos, conforme noticiado pela Anvisa, a Agência considerou prudente publicar a medida preventiva com o objetivo de informar à sociedade e de evitar que o produto seja consumido ou trazido de fora do país por pessoas físicas ou importadoras”, informou a Anvisa no documento.

A Kinder já tinha sido notificada a prestar informações sobre importações e controle de produtos. Neste caso, a medida não irá afetar os produtos que são produzidos e comercializados nacionalmente. 

Ainda na semana passada, houve registros de casos de salmonela no Reino Unido, por conta do consumo de produtos da marca suspensa no Brasil. A Secretaria Nacional do Consumidor (Senacon) já tinha notificado a fabricante Ferrero do Brasil. A pasta determinou que o responsável por produzir o chocolate Kinder formalize o recall do produto ou apresente mais esclarecimentos sobre a sua segurança. 

Veja o que diz a empresa responsável pela marca Kinder Ovo 

Por meio de nota enviada à Agência Brasil, a Ferrero no Brasil atualizou o posicionamento depois da publicação da resolução da Anvisa. No documento, a empresa diz que os produtos relacionados ao contágio por salmonella não são comercializados em solo brasileiro. Confira na íntegra: 

A marca Kinder esclarece que proibição da Anvisa não afeta produtos vendidos no Brasil

Companhia reforça que os produtos que estão em recall em outros países não são importados e distribuídos pela mesma no Brasil

São Paulo, 15 de abril de 2022 – A marca Kinder reitera que a  Resolução-RE nº 1.233, divulgada pela Anvisa na noite de quinta-feira (14) refere-se exclusivamente aos produtos Kinder fabricados em Arlon, na Bélgica e que não são distribuídos pela Ferrero do Brasil. 

A marca Kinder informa que seus chocolates e ovos de Páscoa vendidos pela Ferrero do Brasil no País são seguros para consumo.

Permanecemos à disposição pelos canais de atendimento: telefone 0800-701-6595 e sacbrasil@ferrero.com

+++ Acompanhe as principais informações sobre Sociedade e Brasil no JC Concursos

Siga o JC Concursos no Google News e acompanhe nossos destaquesSociedadeBrasil
Voltar ao topo

+Mais Lidas

JC Concursos, o seu Jornal dos Concursos de sempre. Imparcial, independente, completo.