MenuJC Concursos
Busca
Últimas Notícias | | Empregos | Sociedade | youtube jc | WEBSTORIES

Renda extra: veja como conseguir uma grana a mais com aplicativos

Descubra como se tornar um pesquisador de preços de mercado e ganhar uma renda extra por projeto através de aplicativos. Conheça a Price Survey, a "Uber das pesquisas", que oferece oportunidades flexíveis e bem remuneradas

Renda extra: veja como conseguir uma grana a mais com aplicativos
Divulgação
Victor Meira

Victor Meira

victor@jcconcursos.com.br

Publicado em 02/08/2023, às 18h28

WhatsAppFacebookTwitterLinkedinGmailGoogle News

A gig economy, caracterizada pela atuação de profissionais como freelancers ou por projetos específicos, tem aberto diversas oportunidades de renda extra por meio de aplicativos. Além dos conhecidos aplicativos de mobilidade urbana e de entrega, uma função que tem ganhado destaque é a de pesquisador de preços de mercado.

Diferentemente da tradicional imagem de pesquisadores com pranchetas em supermercados, hoje os pesquisadores de campo utilizam dispositivos móveis, como smartphones e tablets, conectados a aplicativos que facilitam a leitura de códigos de barras e a transmissão das informações em tempo real. Esse cenário tecnológico permite que os profissionais forneçam não apenas o levantamento de preços praticados, mas também a disponibilidade de produtos nas prateleiras.

Essa nova forma de pesquisa de mercado oferece vantagens tanto para os fornecedores quanto para os pesquisadores de campo, também conhecidos como pricers. Os fornecedores podem obter um panorama preciso do comportamento de seus produtos no varejo, permitindo a reposição de itens a tempo e a identificação de variações de preços e potencial de receita.

+Proposta pronta! Governo quer Guarda Nacional permanente para proteger prédios públicos

Para os pricers, essa atividade representa uma oportunidade de emprego e renda flexível, que pode funcionar tanto como atividade principal quanto como fonte alternativa de empregabilidade. Maycon Andrade, CEO da Price Survey, apelidada no mercado como "A Uber das pesquisas", destaca que os pesquisadores atuam por projeto, podendo obter uma remuneração de até R$ 3 mil por mês, acima da média nacional de R$ 2,8 mil, segundo o IBGE.

A Price Survey, com mais de 59.000 pricers ativos, oferece um modelo de execução de tarefas simples e flexível. Os pricers recebem notificações em seus smartphones, com as metas de cada pesquisa, local e valor da remuneração pela atividade. 

Ao encontrar um produto no estabelecimento, eles inserem no app Price Survey informações como valor de venda, código de barras, foto da etiqueta de preço e posicionamento do produto na gôndola, além de outras características relevantes. Os dados são imediatamente validados e enviados ao cliente.

+Controle da inflação: Banco Central sinaliza para redução da taxa Selic

Maycon Andrade enfatiza que a tecnologia avançada é essencial para o sucesso da plataforma, mas o trabalho dos pricers é fundamental para alimentar o banco de dados com informações precisas e em tempo real. Essa combinação de inteligência tecnológica e mão de obra qualificada garante entregas confiáveis e eficientes de informações trabalhadas para os clientes da Price Survey. Seja como complemento de renda ou como oportunidade principal de emprego, a atividade de pesquisador de preços de mercado mostra-se promissora na economia atual.

+++Acompanhe as principais informações sobre Sociedade e Brasil no JC Concursos

Siga o JC Concursos no Google NewsSociedadeBrasil

JC Concursos - Jornal dos Concursos. Imparcial, independente, completo.