Governo libera novos concursos para 283 vagas

O governador Geraldo Alckmin autorizou nesta semana, o preenchimento de novas vagas para as carreiras de papiloscopista, auxiliar de papiloscopista, auxiliar de necropsia, desenhista técnico-pericial e médico-legista

Redação
Publicado em 13/09/2011, às 11h42

Interessados em entrar na carreira policial receberam boas chances do governo do Estado de São Paulo.
O governador Geraldo Alckmin autorizou, no último sábado (10), a Polícia Civil a realizar concurso público para o preenchimento de 103 oportunidades de papiloscopista. Poderão participar candidatos com formação escolar de nível médio completo. O salário inicial para a função, hoje, é de R$ 2.246,38.
Nesta terça-feira saiu autorização para o preenchimento de mais 180 oportunidades para as carreiras de auxiliar de papiloscopista (113), auxiliar de necropsia (16), desenhista técnico-pericial (sete) e médico-legista (44). Os salários oferecidos atingem até R$ 5.100.
Os salários iniciais são de R$ 1.830,40 para auxiliar de papiloscopista, R$ 2.246,38 para auxiliar de necropsia e desenhista técnico-pericial, e de R$ 5.123,30 para médico legista.
Seleção anterior – O último concurso para a carreira de papiloscopista foi realizado em 2006 e contou com 44 oportunidades. Os concursandos foram avaliados por meio de questões objetivas de língua portuguesa, história do Brasil, geografia do Brasil e informática.
Na época, também houve etapa de prova oral, que abrangeu as mesmas disciplinas do exame escrito.
Os aprovados nas etapas de provas escrita e oral, e investigação social serão submetidos à etapa de curso de formação na Academia de Polícia Civil (Acadepol).
Confira os detalhes das autorizações e saiba mais sobre o conteúdo que será cobrado nas provas na edição impressa do JC&E que estará nas bancas do sábado (17).
Aline Viana
Governo federal: recomposição de servidores ainda é insuficiente
TRT’s: Dilma sanciona leis que criam 51 novas varas

Comentários

Mais Lidas