Avançam preparativos para 1.200 vagas no DNIT

Órgão definiu Esaf como responsável pela seleção. Próximo passo é definir quais serão as superintendências contempladas pelos aprovados no novo concurso. Edital sai até novembro

Redação
Publicado em 21/06/2012, às 14h27

O Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT), autarquia vinculada ao Ministério dos Transportes, confirmou por meio de sua assessoria de imprensa que já definiu a empresa organizadora do concurso para 1.200 vagas em seus quadros. A escolhida é a Escola de Administração Fazendária (Esaf). O contrato, porém, ainda não foi assinado. 
Vagas   Os cargos autorizados pelo Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão (MPOG) para provimento no DNIT contemplam os níveis médio e superior. Graduados poderão se candidatar a analista de infraestrutura de transportes (179) e a analista administrativo (110). As graduações desejadas, porém, ainda não podem ser precisadas. Essa informação só existirá de fato, após levantamento interno feito pela comissão especialmente formada para redigir os termos do vindouro concurso.
As outras 911 oportunidades serão para profissionais de nível médio, nas carreiras de técnico de suporte em infraestrutura de transportes (767) e técnico administrativo (144).  As remunerações iniciais para esse grupo de profissionais oscila entre R$ 2.507,30 e R$ 7.815,81. 
Mais informações  O DNIT possui superintendências em praticamente todo o território nacional e há expectativa de que as ofertas sejam extensivas a boa parte dessas superintendências. Mas ainda não há nenhuma confirmação oficial sobre isso. A assessoria de imprensa do órgão informou que esse esclarecimento está condicionado à publicação do edital de abertura.
Com exceção dos blocos Amazonas e Roraima, Goiás e Distrito Federal, Pará e Amapá e Rondônia e Acre, cada Estado detém sua própria superintendência.  
Os últimos concursos realizados pelo DNIT foram em 2009. Na época foram abertas vagas temporárias para a função de técnico de nível superior e vagas efetivas para engenheiro e analista de infraestrutura e transportes. 
O órgão tem até o fim de novembro para divulgar o edital de abertura do concurso público. 
Reinaldo Matheus Glioche/SP

Comentários

Mais Lidas