Tudo Sobre

Concurso Educação

Senado aprova a abertura de 53.257 vagas

A maioria das vagas é para preenchimento por meio de concurso, totalizando 45.660 oportunidades.



Redação
Publicado em 17/06/2008, às 16h09

Nesta terça-feira (17), a Comissão de Educação, Cultura e Esporte (CE) do Senado Federal, aprovou o Projeto de Lei da Câmara 91/08, o qual cria vagas nas Instituições Federais de Ensino Superior e de Educação Profissional e Tecnológica, vinculadas ao Ministério da Educação.

O PL foi originado dos projetos nº 3127 e 3128/2008, os quais criam 53.257 vagas de Professor e Técnico-Administrativo.

Segundo as últimas informações, veiculadas pela Agência de Notícias do Senado, o projeto tramita em regime de urgência no Congresso Nacional e segue para aprovação da Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ) para posteriormente, ser encaminhado para o Plenário.

A maioria das vagas (45.660) serão preenchidas por meio de concurso público.

São 12,3 mil vagas para Professor de 1º e 2º graus e 9.430 para Técnico-Administrativo das escolas federais de educação profissional e tecnológica. Para a função de Técnico, os interessados poderão optar pelas seguintes funções: Administrador (155); Assistente Social (155); Contador (155); Assistente de Alunos (227); Assistente em Administração (2.015); Auxiliar de Biblioteca (155); Técnico de Laboratório (910); Jornalista (155), entre outras. Além disso, são propostos 4.297 cargos em comissão de direção e funções gratificadas.

O salário atual dos Técnicos Administrativos das escolas técnicas federais é de, aproximadamente, R$ 1,8 mil para os servidores de nível superior e R$ 1.400 para os de nível médio, além de adicionais de qualificação. Já para os professores de 1º e 2º graus, o salário inicial é de R$ 2.350 para aqueles que possuem apenas a graduação. Quem tem curso de qualificação ganha R$ 2.600, com mestrado chega a R$ 3.400 e os professores com doutorado ganham R$ 3.500.

Há, também, 23.930 vagas de Professor e 10.650 de Técnico-Administrativo, além de 2.400 para cargos de direção e funções gratificadas, também visando atender a expansão do setor, para as instituições de ensino superior.

No caso de Técnico, as oportunidades serão distribuídas entre as seguintes funções: Administrador (375); Analista de Tecnologia da Informação (347); Assistente Social (142); Bibliotecário (504); Psicólogo (154); Secretário Executivo (374); Técnico em Assuntos Educacionais (933); Assistente em Administração (2.667); Técnico de Laboratório (1.513); Técnico em Contabilidade (147); Assistente de Laboratório (170); Auxiliar em Administração (64), entre outras. A escolaridade e os respectivos salários só serão divulgados com a publicação dos editais de cada instituição, uma vez que os salários variam de uma para outra.


(F.M.)

Veja também:
Nacional: Planejamento autoriza 2.640 vagas temporárias

+ Resumo do Concurso Educação

Educação
Vagas: Não definido
Taxa de inscrição: Não definido
Cargos: Não definido
Áreas de Atuação: Não definido
Escolaridade: Não definido
Faixa de salário:
Organizadora: O próprio órgão

+ Agenda do Concurso

17/06/2009 Divulgação do Resultado Adicionar no Google Agenda

Comentários

Mais Lidas