Antes do sucesso, vem o trabalho

Quando você opta por esse caminho para resolver sua vida profissional é porque você sonha em ter uma vida melhor. Mas isso não vai acontecer hoje.

Redação
Publicado em 02/04/2015, às 14h53

Daniel Sena

O que vejo claramente é que vivemos em uma cultura de facilidades. Só quem é mais antigo entende.

Há tempo atrás, se você quisesse comprar alguma coisa, precisava se deslocar até o supermercado, a pé, trazia as coisas empurrando o carrinho, subia as escadas com as compras e pronto. Hoje você come fora ou compra pelo celular e os caras entregam na porta da sua casa o que quiser. 

E por falar em celular, antigamente você tinha que esperar em uma fila no orelhão para falar com alguém. E às vezes tinha que esperar muito tempo, para falar pouco. Hoje você fala com quem quiser pelos mais diversos e variados meios de comunicação, muitos deles gratuitos.
Se precisasse cozinhar, era necessário dominar as técnicas culinárias repassadas pelos avós. Hoje não. Basta colocar no micro-ondas que tudo fica pronto em cinco minutos.

Eu poderia passar horas aqui listando tudo o que a modernidade trouxe e que facilita nossa vida. E são muitas coisas.

Só que ao mesmo tempo que essas tecnologias facilitaram nossa vida, atrapalharam também. Acabamos nos acostumando às coisas fáceis. Acostumamos a ter tudo nas mãos. Acostumamos a apertar botões e tudo acontecer. E por que isso atrapalha? Porque você acha que tudo é um passe de mágica. Você se acostumou tanto com a rapidez das coisas que começou a achar estranho quando alguma situação demora.

E o maior impacto que essa cultura imediatista trouxe foi na busca pelo sucesso. Por achar que tudo é uma questão de apertar o botão e pronto, quando precisa trabalhar arduamente em prol da conquista de algum sonho, você não suporta. Você acha que é demais. Você acha que está demorando. Ou seja, você começa a estudar para concursos ontem e já quer ver o seu nome na lista de aprovados hoje.

Deixa eu te dizer uma coisa: a vida não é tão simples quanto parece, nem tão fácil quanto você gostaria. Se olhar para a vida de quem já atingiu o sucesso que queria, perceberá que existe uma coisa em comum entre todas essas pessoas: o trabalho.

O trabalho, que pode ser de várias formas, é a maior garantia de que você chegará onde quiser chegar. E não é de qualquer jeito. O sucesso vem com trabalho árduo e muita dedicação.

Lembro-me de uma aluna que estudava no meu curso presencial em São Paulo dizendo:

 - Daniel, não aguento mais estudar aqui. Estou pensando em estudar em casa. Acho que vou comprar um curso online.

E eu lhe perguntei o porquê desta decisão. Queria saber se havia algum problema com os professores ou com a estrutura. Mas ela me surpreendeu dizendo:  

-Aqui não tenho mais vida!

Estudar para concurso é incompatível com viver! Quando você opta por esse caminho para resolver sua vida profissional é porque você sonha em ter uma vida melhor. Mas isso não vai acontecer hoje. Hoje é só trabalho. Hoje é só dedicação. Hoje é o momento do sacrifício! Hoje é madrugada a dentro. Hoje é resultado negativo. Hoje é prova difícil. Hoje é acordar mais cedo. Hoje é abandonar a diversão. Hoje é sacrificar a família e o conforto da sua vida. Por isso que eu digo que o seu momento é incompatível com viver. Porque o que você quer viver é uma vida tranquila, feliz, com sucesso. Mas essa hora, ainda não é agora.

Só quem entende essa mensagem consegue durar até o fim desta batalha, e esse fim é apenas um: a aprovação!

Não considere outra possibilidade para sua vida. De todas as possibilidades que você tem, escolha vencer. Mas antes disso, prepare-se. Você terá que suar a camisa, talvez até sangrar. Aliás, esse foi um dos melhores ensinamentos que aprendi nos cursos operacionais que fiz por aí: sangramos no treinamento, para não morrermos na batalha!

Então se você quer vida fácil, continue fazendo suas apostas. Continue vivendo do mesmo jeito que viveu até hoje. Mas se você quer conquistar algo que valha a pena e resolver sua vida de forma definitiva, então lute por isso, pois tenho certeza que você chegará lá. E lembre-se: a dor da caminhada não se compara à glória da chegada!

Daniel Sena é diretor do AlfaCon São Paulo, professor de direito constitucional e especialista em concursos públicos. Twitter:@ProfDanielSena. Facebook: /Profdanielsena.

Comentários

Mais Lidas