Pense positivo e veja o resultado

Quando deparamos com alguma dificuldade que parece intransponível, devemos tomar as palavras de Sêneca como um sábio conselho para não desistirmos do nosso objetivo.

Redação
Publicado em 20/07/2012, às 16h59

Wilson Granjeiro

"Não é porque as coisas são difíceis que não ousamos, é porque não ousamos que elas são difíceis."

Esse pensamento me veio à mente ao escrever este artigo pelo fato de ele resumir com perfeição filosófica o que é a atitude positiva, que todos nós precisamos ter, sobretudo aqueles que ainda procuram o rumo certo na vida.

Acredito sinceramente na verdade desse princípio, lapidado na Roma antiga por um dos maiores pensadores da humanidade, que, embora tenha vivido no alvorecer da cristandade, não foi um pensador cristão. Sêneca (Lucius Annaeus Sêneca), conhecido como O Moço, O Filósofo ou O Jovem, viveu entre os anos 4 a.C. e 65, quando, obrigado a se suicidar pelo imperador Nero, de quem fora conselheiro fiel até cair em desgraça, acusado de conspiração para assassiná-lo, tornou-se vítima da loucura que acabaria por levar Nero a incendiar a cidade.

Quando deparamos com alguma dificuldade que parece intransponível, devemos tomar as palavras de Sêneca como um sábio conselho para não desistirmos do nosso objetivo. Digo isso principalmente para as pessoas com quem convivo diariamente no trabalho e, em especial, para aqueles que resolveram enfrentar o desafio de um concurso público e se dedicam aos estudos sob a orientação dos nossos professores. Não é a primeira vez que escrevo sobre o tema, mas volto a ele por considerar muito importante que os candidatos a concurso público desenvolvam atitude positiva para que o resultado nas provas seja igualmente positivo, com a aprovação no certame escolhido.

Pensar é um dom que o homem recebeu. É esse dom que nos distingue dos outros animais. Já a capacidade de pensar positivamente é uma qualidade que alguns de nós trazem de berço. Mas ela pode ser desenvolvida por qualquer um, desde que o queira. São os nossos pensamentos que determinam a nossa maneira de viver. Todavia, de nada adianta saber que a mente tem poder, se você não souber fazer uso dela. Às vezes, para dar uma guinada na vida, é preciso, primeiro, mudar a maneira de pensar, ou mesmo repensar a vida por inteiro. Isso significa que a mente precisa estar aberta para compreender o mundo à nossa volta. Do contrário, não conseguiremos ser bem-sucedidos em nossas iniciativas.

A energia acompanha o pensamento. Cada pensamento, cada palavra, cada sentimento, cada cor, cada som, cada tipo de música, cada maneira de falar, tudo em nós e ao redor de nós tem certa vibração, segundo afirmam os estudiosos do assunto. Acredito neles. Eles dizem que o homem médio atual cria apenas 3% de energia positiva, contra 25% de energia negativa. Pior: dissipamos os outros 72% com pensamentos fugazes, insignificantes. É por isso que há muitas eras a humanidade semeou o ódio, o aborrecimento, a inveja e a desarmonia, no lugar do amor, da fraternidade, da amizade e da harmonia.

Fazer prevalecer os sentimentos benignos é, no entanto, fundamental para melhorar a vida de qualquer pessoa. A título de exemplo: quando você procura emprego e se deixa dominar por pensamentos negativos como o de que não conseguirá a vaga, de fato, você não a consegue. Ao contrário, se você vai pensando que conseguirá o emprego, não se surpreende quando recebe a notícia de que o posto é seu. Não é uma questão apenas de boa sorte. Trata-se de pensamento positivo.
A mente tem o poder de fazer o pensamento se concretizar. Os pensamentos positivos atraem aquilo que você pensou e suplantam as vibrações negativas, como intolerância, impaciência, raiva, ciúme, inveja, egoísmo, entre outras, que levam ao fracasso. Segundo os pesquisadores do tema, isso tem relação até com as cores das roupas que vestimos: algumas delas têm vibração tão negativa que é um péssimo negócio, por exemplo, procurar emprego trajando preto ou vermelho vivo. Ao contrário, quanto mais clara e pura a cor da vestimenta, melhor a vibração.
Outro fator importante para ser bem-sucedido na vida é saber usar o poder da palavra. É com a palavra que criamos o clima para manter um bom ambiente entre nós e as pessoas que nos cercam. Muitos de nós não sabem utilizar essa faculdade e fazem das palavras combustível para provocar incêndios em casa, no trabalho e entre os amigos. Quantas tragédias já foram provocadas por palavras ditas em momentos inapropriados, como vemos diariamente nos meios de comunicação.
Por isso, vale o conselho: vigie seus pensamentos e escute suas palavras. A palavra positiva nutre e traz reconhecimento. Um pensamento bom, em que se deseje o bem aos outros, se transforma em força iluminada que guia toda a vida. Já o contrário atrai a energia que enche o ambiente de códigos negativos, capazes de causar desgraças, tragédias e má sorte. Todo pensamento de inveja ou ódio reflui a nós, como um bumerangue.
Outra recomendação importante: pense e diga somente aquelas coisas que possa desejar que se tornem realidade. Alguém já disse que, se todas as pessoas do mundo, durante um dia, enviassem pensamentos de amor ao próximo, provocariam grande mudança no mundo, e para melhor, é claro. Devemos, portanto, controlar, conscientemente, nossos pensamentos e corrigi-los constantemente, como primeiro passo para sair do circuito das atitudes negativas. Quem começar, seriamente, a fazer experiências nesse sentido, verá que não existe outro caminho para a felicidade, a paz interior, a perfeição, do que aquele que passa por si mesmo. Nada disso é encontrado em outras pessoas ou em outras coisas, mas somente em si mesmo.
Quem faz do pensamento positivo o norte em sua caminhada pela vida costuma ter outra característica que considero fundamental: a crença em um poder maior e supremo que determina a passagem de cada um de nós pela Terra, mas ao mesmo tempo nos dá o poder do arbítrio sobre nossos passos e ações. Há pouco, li sobre uma experiência científica que concluiu que o cérebro de uma pessoa que está em união com Deus irradia energia 55 vezes mais forte do que a mensagem de rádio, de caráter universal.
Permito-me concluir este artigo, citando o biologista francês Alexis Carrel, prêmio Nobel de Fisiologia ou Medicina de 1912 por suas pesquisas que permitiram transfusões de sangue antes da invenção dos anticoagulantes: "A oração é a mais poderosa forma de energia, uma força tão verdadeira como a gravidade da Terra". Eis aí uma verdade que está de acordo com as palavras do evangelho cristão, que nos levam ao mais positivo de todos os pensamentos que a humanidade conhece: "Ama Teu Próximo como a Ti Mesmo".
Em outras palavras: ame a Deus no próximo e em si mesmo. Todos aqueles que acreditarem nessas palavras e seguirem esses princípios serão certamente vitoriosos em sua jornada. Estarão, então, aptos a alcançar a felicidade tão almejada por todos nós e que pode residir na aprovação em um concurso público e a conquista do seu FELIZ CARGO NOVO!


J. W. Granjeiro é Diretor-Presidente do Gran Cursos; coordenador do Movimento pela Moralização dos Concursos - MMC. 

www.professorgranjeiro.com. Twitter: @jwgranjeiro.










Comentários

Mais Lidas