Situações que lhe fazem crescer!

Candidatos que se direcionam a carreira pública vivem situações de toda ordem no decorrer de seu trajeto, necessitando assumir uma postura definida em certas ocasiões

Redação
Publicado em 15/09/2011, às 15h12

Luiza Ricotta

Candidatos que se direcionam a carreira pública vivem situações de toda ordem no decorrer de seu trajeto, necessitando assumir uma postura definida em certas ocasiões. Há receios inicialmente quanto a isso, pois temem ser vistos como agressivos ou diretos demais. Mas pense no quanto é agressivo a investida de alguém com relação ao seu projeto?

Uma crítica feita por nada, uma indagação e questionamento inadequado, uma invasão em hora inapropriada. Enfim, muitos candidatos se queixam do quanto vêm sendo “atacados” em função de estarem concentrados, focados e direcionados em seus propósitos. Tal situação pede um posicionamento: o da proteção.  Que envolve saber proteger-se de possíveis incômodos que surgem em decorrência de sua conquista pessoal e profissional.

Até mesmo aqueles que você julgaria acima do seu potencial, poderão deixá-lo arrasado, em função da destruição intelectual, tentando posicioná-lo como aquém daquele que busca estar acima de você; de torná-lo rebaixado, de fazer comparações, de se colocar inatingível.


Para fazer a sua aprovação ocorrer, pense no quanto precisará se dedicar, mas não a ponto de exaurir as suas forças, e sim como aquele que aprende a estabelecer prioridades e não abre mão de todos os seus interesses. Muitas conquistas estão em jogo quando se trata de prosseguir, se permitindo experimentar o sucesso. Nem todos são acostumados a isso, talvez em decorrência disso, a grande maioria vivencia inúmeras dificuldades e obstáculos em seu percurso. Na verdade pensam que é algo pessoal, que não possuem sorte, que desconhecem as razões que lhe apontem o momento propício.

Muitas situações decorrerão do fato de você ser bom, de se colocar com segurança, de ser alguém forte. Incomoda ser bom. Acostume-se com isso!

Para viver a sua trajetória rumo à aprovação, é preciso mais que boa vontade, e sim paciência para não se julgar demasiadas vezes. É preciso tolerância para aguentar as inúmeras exigências que caberão a você cumprir, pois somente assim exercitará o nível de excelência do qual necessita. É preciso ser bom consigo mesmo, dar-se a proteção necessária para que, naqueles momentos de desânimo, você possa se lembrar de quem você é, do valor que possui em trilhar um caminho cujos indícios promissores vão surgindo à medida que você atua diretamente em sua própria vida.

Quando você age e se posiciona com segurança pessoal e centrado, poderá passar a ser o alvo da destruição daqueles que se instabilizam com a sua segurança ou se incomodam pelo fato de apontar, na realidade, que não é assim tão superior. Saber que existem outras pessoas boas, competentes e do mesmo nível, poderá incomodar principalmente aqueles que buscam permanecer como focos de luzes.  Temem que elas se apaguem, pelo brilho de outros. Sendo assim, criam situações para que você não se sinta tão seguro. Na verdade querem combater a sua força e rebaixar o seu empenho, trazendo a tona um campo de força negativo, que lhe paralisa.

Olhe atentamente para isso e cure-se dessas investidas, não permitindo que ninguém rebaixe o seu trabalho. Não permita que ninguém lhe julgue diferente do que você de forma bem posicionada transparece. Saiba que está no caminho certo, que terá sucesso em seus planos e que precisará demarcar território não pelo modo autoritário em que disputam referenciais de quem está acima e quem está abaixo.

Priorize e honre seus objetivos. Posicione-se para que o outro além de poder lhe conhecer melhor, venha a respeitá-lo, pois isso se transformará em admiração.

Luiza Ricotta é psicóloga. Trabalha com o desenvolvimento pessoal e profissional de candidatos. Formação em Coach - Instituto Holos BR. Mestre – Mackenzie, SP. Pós-graduada em Terapia Familiar PUC/SP.  Profª universitária, de cursos preparatórios e de pós-graduação e também da área Vip JC; autora de livros entre eles “Preparação Emocional em Concursos: equilíbrio e excelência”. SP: Rideel Ed., 2011 entre outros. Email: luizaricotta@hotmail.com. Twitter: @luizaricotta

Comentários

Mais Lidas