Concurso do TSE: traduzindo o edital

De fato, o documento faz jus a toda a expectativa que causou antes mesmo de ser publicado

Redação
Publicado em 08/12/2011, às 16h14

Wilson Granjeiro

Aguardado com enorme ansiedade pela comunidade concurseira desde meados deste ano, o edital finalmente saiu em novembro. De fato, o documento faz jus a toda a expectativa que causou antes mesmo de ser publicado. Ele traz algumas novidades e torna a seleção para as carreiras da justiça eleitoral imperdível para quem deseja garantir um bom cargo público em 2012, seja de nível médio, seja de nível superior. A banca será a Consulplan, e as inscrições estarão até 22 de dezembro, pelo site www.consulplan.net.

O edital contém tantas novidades que resolvi destrinchá-lo. Pretendo, com isso, indicar aos concurseiros o melhor caminho para ter sucesso nas provas, marcadas para 12 de fevereiro do próximo ano, ou seja, daqui a pouco menos de 90 dias. O prazo é ótimo, sobretudo para aqueles que já vinham se preparando e agora precisarão apenas “afinar” os conhecimentos, nesta reta final até o grande dia. Mas mesmo para quem ainda não estava estudando, ainda há tempo suficiente, desde que esses candidatos comecem imediatamente a preparação para a disputa, que será a primeira do próximo ano e promete ser uma das mais acirradas dos últimos tempos.


Na tentativa de facilitar a compreensão do edital, preparei um esquema com um resumo dos principais pontos de interesse para o candidato. Com ele, o concurseiro pode localizar qualquer assunto com facilidade, sempre que estiver com dúvida. Também pode se concentrar num ponto específico, em busca de melhorar sua preparação.

Acho importante destacar, entre outras novidades do edital, o sistema de múltipla escolha que conta com apenas quatro afirmativas, uma delas certa, sem que a resposta errada anule uma correta. O formato permite que o candidato corra o risco de “chutar” uma ou outra resposta. Também me chamou a atenção a previsão de prova de títulos para o cargo de Analista Judiciário. Outros itens vocês podem conferir em seguida:

ANALISTA

Área Administrativa

ANALISTA

Área Judiciária

TÉCNICO

Área Administrativa

Cargo: Analista Administrativo 

(nível superior)

Vagas: Cadastro de Reserva

Áreas de formação: Contabilidade, Pedagogia, Análise de Sistemas, Arquivologia, Biblioteconomia, Engenharia (Elétrica e Mecânica), Estatística e Psicologia

Conhecimentos Gerais: Língua Portuguesa, Informática (noções) Arquivologia (noções), Direito

Eleitoral (noções)

Observação: Peso 1,  30 questões

caráter eliminatório e classificatório

Conhecimentos Específicos: Direito Constitucional,Direito Administrativo, Administração Pública, Gestão de Pessoas nas Organizações,

Administração Financeira e Orçamentária, Administração de Recursos Materiais.

Observação: Peso 3, 50 questões

caráter eliminatório e classificatório

Vencimentos: R$ 6.611,00

Jornada de Trabalho: 40h semanais

Data da prova: 12/02/2012

Horário da prova: 15 às 20h (5 horas)

Taxa de Inscrição: R$ 72,00 (de 30/11 a 22/12/2011)

Cargo: Analista Judiciário

(nível superior)

Vagas: Cadastro de Reserva

Área de formação: Direito

Conhecimentos Gerais: Língua Portuguesa, Informática (noções)

e Regimento Interno

Observação: Peso 1,  30 questões

caráter eliminatório e classificatório

Conhecimentos Específicos: Direito Constitucional,Direito Administrativo, Direito Eleitoral, Direito Civil,Direito Processual Civil, Direito Penal, Administração Pública (noções)

e Lei 8.112/90

Observação: Peso 3,  50 questões

caráter eliminatório e classificatório

Discursiva/Redação

Observação: Peso 2, caráter eliminatório e classificatório

Avaliação de Títulos (caráter classificatório)

Vencimentos: R$ 6.611,00

Jornada de Trabalho: 40h semanais

Data da prova: 12/02/2012

Horário da prova: 15 às 20hs  (5hs)

Taxa de Inscrição: R$ 72,00

(de 30/11 a 22/12/2011)

Cargo: Técnico Judiciário

(nível médio)

Vagas: Cadastro de Reserva

Conhecimentos Gerais: Língua Portuguesa, Informática (noções), Direito Eleitoral (noções),

Arquivologia e Raciocínio Lógico

Observação: Peso 1,  50 questões

caráter eliminatório eclassificatório

Conhecimentos Específicos: Administração Financeira e Orçamentária (noções), Gestão de Pessoas nas Organizações (noções), Administraçao de Recursos

Materiais (noções), Administração Pública (noções), Direito Constitucional (noções), Normas Aplicáveis aos Servidores Públicos Federais (Lei 8.112/90),  Direito

Administrativo (noções) e Direito Constitucional (noções)

Observação: Peso 3, 70 questões

caráter eliminatório e classificatório

Vencimentos: R$ 4.053,00

Jornada de Trabalho: 40 hs semanais

Data da prova: 12/02/2012

Horário da prova: 8 às 13hs (5hs)

Taxa de Inscrição: R$ 55,00

(de 30/11 a 22/12/2011)

Curiosidades:

1.    O último concurso do TSE foi realizado em 2007 (280 vagas, 747 nomeados

 para vários cargos e áreas).

2.     As provas terão 3 dias para recurso (14  a 16 de fevereiro de 2012).

3.     Provas com 4 alternativas (múltipla escolha: C-Certo/F-Verdadeiro) NÃO ANULA (chute).

4.     Tipos diferentes de provas (questão de segurança) para o mesmo cargo.

5.     Nota mínima 50%  em cada prova e 60% mínimo na média das provas.

6.     A prova discursiva terá peso 2.

7.     O segundo critério de desempate é o maior tempo prestado à Justiça Eleitoral.

8.     Para os cargos de Analista exige-se diploma de curso superior (bacharelado

ou licenciatura plena). Não pode ser curso de tecnólogo.

9.     Haverá provas de avaliação de títulos para Analistas.

10.  Regimento Interno somente para Analista Judiciário (Área Jurídica).

11.  Taxa de inscrição 1% da remuneração inicial do cargo (o normal é 2,5%

podendo chegar a 5%)

12.  120 questões para Técnico (sendo -2/3 questões tradicionais uma certa e -1/3 casos.práticos/concretos (situação hipotética). Duas alternativas de resposta.

13.  Na avaliação de títulos duas especializações equivalem a um doutorado (0.30 pontos).

14.  Somente os 500 primeiros colocados para Analista Judiciário (Área Judiciária e

14.Apoio – Análise de Sistema) terão suas redações corrigidas e para os demais cargos de Analista Judiciário até os 200 primeiros colocados

15.  90 (noventa) dias para a prova.


E então, caros concurseiros, prontos para a guerra? Não, eu sei. Ainda falta algum tempo para a prova, e há muito o que estudar. Mas tenham certeza de que, se vocês já começaram a se preparar, largarão, se não na pole position, pelo menos nas primeiras filas desta corrida rumo ao sonhado cargo público. Espero ter ajudado com o esquema do concurso, que elaborei em fiel interpretação do edital. Vocês também o encontram no nosso portal na internet, no endereço: www.grancursos.com.br. No mais, desejo boa sorte a todos. Que tenham, em 2012, como servidores do TSE, um FELIZ CARGO NOVO!


J. W. Granjeiro
é Diretor-Presidente do Gran Cursos; coordenador do Movimento pela Moralização dos Concursos - MMC. www.professorgranjeiro.com. Twitter: @jwgranjeiro

Comentários

Mais Lidas