Publicado: 06/09/2018 - 07:53 | Atualizado: 06/09/2018 - 10:55
Publicado: 06/09/2018 - 07:53 | Atualizado: 06/09/2018 - 10:55

Bombeiros SP: autorizadas 600 vagas temporárias

Governador autorizou o preenchimento de postos temporários durante o período de cinco meses, com remuneração inicial de R$ 1,2 mil

Ensino Fundamental

JC Concursos - Fernando Cezar Alves - Informe o Erro

O governador Márcio França autorizou, por meio de publicação em diário oficial, nesta quinta-feira, 6 de setembro, o preenchimento de 600 vagas de guarda-vida em caráter temporário, junto ao Corpo de Bombeiros do Estado de São Paulo. A duração dos contratos será pelo período de cinco meses, de novembro de 2018 a março de 2019. Para concorrer é necessário possuir apenas ensino fundamental, com idade mínima de 18 anos. O edital de abertura de inscrições deve ser publicado em breve.

De acordo com a autorização governamental, o processo seletivo não deve gerar mais gastos que a última seleção de temporários, realizada em 2017. Desta forma, a remuneração dos contratados deve ser mantida. Na ocasião, o valor foi de R$ 1.290,66, para jornada de trabalho de 40 horas semanais. Os aprovados também contam com auxílios alimentação e transporte.

Em 2017, a seleção também contou com 600 vagas, distribuídas por 14 cidades do litoral: Ilha Comprida (36 postos), Iguape (14), Peruíbe (40), Itanhaém (50), Mongaguá (60), Praia Grande (100), São Vicente (20), Santos (10), Guarujá (50), Bertioga (58), São Sebastião (30), Ilha Bela (12), Caraguatatuba (20) e Ubatuba (50). Também foram oferecidas oportunidades para atuar em São Paulo e São Bernardo do Campo, nas represas Guarapiranga (36) e Billings (14).   

Para a inscrição não é cobrada taxa.

A seleção costuma ser feita por meio de quatro fases: provas práticas de habilidades técnicas, análise de documentação, apresentação de atestado médico e investigação social

Atribuições do guarda-vidas

Realizar as medidas necessárias à proteção de banhistas, que consiste em identificar os riscos de afogamento em uma praia, ou represa, sob a supervisão de um Bombeiro Militar, sinalizando estes riscos, orientando os banhistas sobre os riscos existentes nas praias ou represas e alertando os banhistas que estejam em risco iminente. Realizar salvamento simples de um banhista, adentrando na água com os equipamentos adequados, nadando, atendendo à vítima de afogamento e retirando-a da água até um local seguro, sem riscos para o executante. Prestar suporte básico da vida à vítima de afogamento ou de outros incidentes em sua área de atuação, bem como atender outras emergências pré-hospitalares como auxiliar de um Bombeiro Militar. Prestar auxílio a um Bombeiro Militar em atividades de prevenção na da faixa de areia, na distribuição de material de educação pública, pulseirinhas para identificação de crianças, cartazes entre outros meios de alertar o banhista sob os riscos de afogamento. Promover a limpeza e conservação das dependências de seu local de trabalho e de seus materiais de serviço.   

Mais Lidas

Mais Recentes

Atualizado: 06/09/2018 - 07:53

Bombeiros SP: autorizadas 600 vagas temporárias

Governador autorizou o preenchimento de postos temporários durante o período de cinco meses, com remuneração inicial de R$ 1,2 mil

Ensino Fundamental

JC Concursos - Fernando Cezar Alves - Informe o Erro

O governador Márcio França autorizou, por meio de publicação em diário oficial, nesta quinta-feira, 6 de setembro, o preenchimento de 600 vagas de guarda-vida em caráter temporário, junto ao Corpo de Bombeiros do Estado de São Paulo. A duração dos contratos será pelo período de cinco meses, de novembro de 2018 a março de 2019. Para concorrer é necessário possuir apenas ensino fundamental, com idade mínima de 18 anos. O edital de abertura de inscrições deve ser publicado em breve.

De acordo com a autorização governamental, o processo seletivo não deve gerar mais gastos que a última seleção de temporários, realizada em 2017. Desta forma, a remuneração dos contratados deve ser mantida. Na ocasião, o valor foi de R$ 1.290,66, para jornada de trabalho de 40 horas semanais. Os aprovados também contam com auxílios alimentação e transporte.

Em 2017, a seleção também contou com 600 vagas, distribuídas por 14 cidades do litoral: Ilha Comprida (36 postos), Iguape (14), Peruíbe (40), Itanhaém (50), Mongaguá (60), Praia Grande (100), São Vicente (20), Santos (10), Guarujá (50), Bertioga (58), São Sebastião (30), Ilha Bela (12), Caraguatatuba (20) e Ubatuba (50). Também foram oferecidas oportunidades para atuar em São Paulo e São Bernardo do Campo, nas represas Guarapiranga (36) e Billings (14).   

Para a inscrição não é cobrada taxa.

A seleção costuma ser feita por meio de quatro fases: provas práticas de habilidades técnicas, análise de documentação, apresentação de atestado médico e investigação social

 

Atribuições do guarda-vidas

 

Realizar as medidas necessárias à proteção de banhistas, que consiste em identificar os riscos de afogamento em uma praia, ou represa, sob a supervisão de um Bombeiro Militar, sinalizando estes riscos, orientando os banhistas sobre os riscos existentes nas praias ou represas e alertando os banhistas que estejam em risco iminente. Realizar salvamento simples de um banhista, adentrando na água com os equipamentos adequados, nadando, atendendo à vítima de afogamento e retirando-a da água até um local seguro, sem riscos para o executante. Prestar suporte básico da vida à vítima de afogamento ou de outros incidentes em sua área de atuação, bem como atender outras emergências pré-hospitalares como auxiliar de um Bombeiro Militar. Prestar auxílio a um Bombeiro Militar em atividades de prevenção na da faixa de areia, na distribuição de material de educação pública, pulseirinhas para identificação de crianças, cartazes entre outros meios de alertar o banhista sob os riscos de afogamento. Promover a limpeza e conservação das dependências de seu local de trabalho e de seus materiais de serviço.   

Continuar lendo

Atualizado: 27/08/2018 - 14:56

Concurso da Prefeitura de Tietê SP oferece 61 vagas

O edital reúne vários cargos de todos os níveis de escolaridade. As inscrições já estão abertas e serão recebidas até o dia 20 de setembro

Ganhos de até R$ 4,4 mil

JC Concursos - Fernando Cezar Alves - Informe o Erro

No Estado de São Paulo, a 146 km de distância da capital, o município de Tietê está com três editais de concurso público com inscrições abertas. Ao todo, a seleção preencherá 61 vagas do quadro de pessoal da prefeitura. 

Candidatos que têm o ensino fundamental podem disputar às funções de agente de carpintaria (1 vaga), agente de manutenção de veículos (1), agente de manutenção elétrica (1), agente de pintura (1), agente de serviços gerais (1), lavador (2), pedreiro (1), servente de pedreiro (1), agente condutor de máquinas pesadas (1), agente condutor de veículos leves (1) e agente condutor de veículos pesados (1).

Para ensino médio, as ofertas constantes nos editais são para os cargos de agente de apoio administrativo (1), agente de fiscalização ambiental (1), agente de fiscalização de obras (1), agente de fiscalização de posturas (1), agente de orientação social (1), agente de recepção (1), auxiliar de farmácia (1), auxiliar de serviços de secretaria (1), guia de turismo (2), monitor de museu (1), bombeiro municipal (1) e guarda civil municipal 3ª classe (19). 

Nível superior é requisito para os empregos de assistente social (1), biólogo (1), engenheiro agrônomo (1), farmacêutico (4), fisioterapeuta (5), terapeuta ocupacional (1) e médico nas especialidades de clínico geral (1), ginecologista obstetra (1), ortopedista (1), pediatra (1) e psiquiatra (1). 

Os salários iniciais oferecidos pela Prefeitura de Tietê partem de R$ 1.205,10 e chegam a R$ 4.443,97.

 

Concurso da Prefeitura de Tietê SP: inscrições e provas

 

Interessados deverão se inscrever até o dia 20 de setembro, através do site da Publiconsult (www.publiconsult.com.br), empresa responsável pela organização e execução do certame. As taxas de participação variam de R$ 7 a R$ 11,80.  

De acordo com os editais, os candidatos serão avaliados por meio das seguintes etapas: prova objetiva para todos os cargos; prova prática para agentes condutores; prova de natação para bombeiro; e testes de aptidão física e psicológica, aferição biométrica, pesquisa social e inspeção de saúde para guarda civil. 

A prova objetiva será aplicada nos dias 14 e 21 de outubro, em locais e horários a serem comunicados no edital de convocação, a ser divulgado nos endereços eletrônico da Publiconsult e da Prefeitura de Tietê (www.tiete.sp.gov.br) em momento oportuno. 

Continuar lendo

Atualizado: 18/06/2018 - 14:24

Prefeitura de Franca SP reúne 53 cargos em concurso

Oportunidades no concurso da Prefeitura de Franca estão distribuídas entre funções destinadas a profissionais de todas as escolaridades. Inscrições vão até 19 de julho

Três editais

JC Concursos - Fernando Cezar Alves - Informe o Erro

Localizada a cerca de 400 km da capital paulista, a cidade de Franca abriu concurso para formação de cadastro reserva em 53 cargos na prefeitura. As oportunidades estão distribuídas entre três editais.  

 

Profissionais alfabetizados têm opção como coveiro (salário de R$ 1.390,57).

 

Nível fundamental incompleto é requisito para encanador (R$ 1.625,18), mecânico (R$ 1.801,13), pedreiro (R$ 1.625,18), pintor (R$ 1.625,18) e servente merendeira (R$ 1.390,57). Já quem concluiu esse ciclo escolar está apto a se inscrever como inspetor de aluno (R$ 1.625,18) e telefonista (R$ 1.625,18).  

 

Com ensino médio é possível concorrer aos cargos de agente de saúde pública (R$ 1.390,57), escriturário (R$ 1.625,18), supervisor de campo (R$ 1.859,76), guarda civil (R$ 1.625,18) e professor de educação básica (até R$ 3.117,72).  

 

Além de segundo grau, o concurso da Prefeitura de Franca cobra formação técnica para auxiliar de saúde (R$ 1.625,18), técnico em contabilidade (R$ 2.209,63), técnico em informática (R$ 1.801,13), técnico em raio X (R$ 1.859,76) e técnico em enfermagem (até R$ 1.859,76). 

APOSTILAS PARA PREFEITURA DE FRANCA 2018 - NÍVEIS FUNDAMENTAL E MÉDIO

As oportunidades de nível superior são para analista de sistemas (R$ 3.384,68), arquiteto (R$ 4.089,16), assistente social (R$ 3.384,68), biomédico (R$ 3.384,68), dentista (R$ 4.089,16), enfermeiro (até R$ 3.384,68), farmacêutico (R$ 3.712,97), fonoaudiólogo (R$ 3.384,68), nutricionista (R$ 3.384,68), psicólogo (R$ 3.384,68), orientador educacional (R$ 3.384,68), procurador municipal (R$ 4.089,16), supervisor de ensino (R$ 3.384,68), professor de educação especial (R$ 15,17 por hora/aula), professor de educação física (R$ 15,17 por hora/aula) e professor de inglês (R$ 15,17 por hora/aula).  

 

Também serão selecionados médicos para as seguintes especialidades: emergencialista clínico geral, endocrinologista, endocrinologista infantil, especialista em doppler, ginecologista, neurocirurgião, neurologista clínico geral, neurologista infantil, oftalmologista, otorrinolaringologista, pediatra, pneumologista, pneumologista infantil, proctologista, psquiatra adulto, psiquiatra infantil, radiologista, urologista e vascular. Os vencimentos variam conforme o enquadramento dos serviços prestados: por consulta, plantão, procedimento, hora ou mensal. 

 

 

Concurso Prefeitura Franca 2018: inscrições e provas

 

 

O concurso da Prefeitura de Franca é organizado pelo Instituto Brasileiro de Administração Municipal (Ibam), que recebe inscrições até 19 de julho, exclusivamente pela internet (www.ibamsp-concursos.org.br). As taxas custam entre R$ 41 e R$ 90.

 

O processo seletivo prevê provas objetiva (todas as vagas) e dissertativa (orientador educacional, procurador, professor e supervisor de ensino), com aplicação em 12 e/ou 19 de agosto.

 

As outras fases da seleção incluem avaliações de títulos (orientador educacional, procurador, professor e supervisor de ensino), prática (servente merendeira) e física (guarda civil), em datas a serem definidas.   

 

De acordo com os editais, o concurso da Prefeitura de Franca terá validade de um ano, prorrogável por mais um, a critério do governo municipal, conforme estabelecem os editais.

 

 

Atribuições do inspetor de aluno no concurso da Prefeitura de Franca

 

 

Inspecionar alunos em todas as dependências do estabelecimento de ensino e adjacências, assistindo-os, fiscalizando-os e orientando-os; zelar pelas dependências e instalações dos estabelecimentos de ensino e material utilizado pelos educandos, anotar a frequência dos alunos e levantar os mapas de apuração das médias mensais de cada cadeira; registrar em livro próprio as ocorrências dos alunos, comunicando à autoridade superior, as que exigirem providências; apresentar a relação dos alunos impedidos de nova matrícula por indisciplina; distribuir e recolher o material didático com a rubrica do professor nos devidos casos; atender solicitações de professores e alunos; receber e transmitir recados dentro de suas atribuições; colaborar na organização de festas cívicas e solenidades escolares; tomar conhecimento dos trabalhos prescritos aos alunos pelo professor, e providenciar sua execução; acompanhar os alunos, devidamente formados, à entrada e saída das aulas; fiscalizar e assistir os alunos nas aulas, intervalo, recreios, refeitórios, dormitórios e lavatórios; revistar após a saída dos alunos as salas de aulas, a fim de recolher objetos esquecidos, efetuando seu recolhimento à secretaria; auxiliar professores na fiscalização de provas e exames, em geral; zelar pela prestação de assistência médica aos alunos; velar para que as cadernetas escolares sejam visadas pelos pais ou responsáveis; acompanhar, até a portaria, os alunos que tiverem permissão para se retirarem antes do fim das aulas; autorizar a saída dos mesmos das salas de aulas, por motivo imperioso; examinar as carteirinhas, malas, pastas e livros dos alunos aconselhando-os sobre o que encontrar errado; encarregar-se da recepção dos alunos que se destinam à educação física; orientar seus jogos e recreações; fiscalizar a iluminação, abastecimento d'água, alimentação e vestuário dos alunos; fiscalizar o trânsito de pessoas estranhas no recinto escolar; providenciar o toque de silêncio, de despertar, de entrada e saída das aulas e dos refeitórios; executar outras tarefas correlatas, determinadas pelo superior imediato.
 

Continuar lendo

Atualizado: 04/06/2018 - 09:29

Concurso Rio Grande da Serra SP: último dia de inscrição

Oportunidades no concurso da Prefeitura Municipal de Rio Grande da Serra são para diversos cargos, para candidatos de todos os níveis escolares

664 vagas

JC Concursos - Fernando Cezar Alves - Informe o Erro

No Estado de São Paulo, a Prefeitura Municipal de Rio Grande da Serra encerrará nesta segunda-feira (4) as inscrições do concurso público que visa o provimento de 664 vagas, sendo 184 imediatas e 480 para formação de cadastro reserva (CR). Oportunidades são para candidatos de todos os níveis escolares.

 

Para alfabetizados, as chances são para as funções de roçador (4 vagas + 20 CR) e servente de serviço geral (13 + 70 CR).

 

Quem tem o ensino fundamental pode se inscrever para os cargos de agente de controle (3 + 10 CR), agente de defesa civil (10 + 10 CR), agente de serviço externo (1 + 10 CR), agente de trânsito (10 + 10 CR), auxiliar de almoxarifado (3 + 5 CR), auxiliar de compras (3 + 10 CR), auxiliar de educação infantil (8 + 10 CR), auxiliar de odontologia (4 + 5 CR), auxiliar de tesouraria (1 + 2 CR), coveiro (2 + 5 CR), digitador (1 + 2 CR), eletricista (2 + 5 CR), encanador (1 + 2 CR), fotógrafo (1 + 2 CR), instrutor de esporte (4 + 4 CR), marceneiro (1 + 3 CR), mecânico (1 + 3 CR), operador de máquina (1 + 2 CR), pedreiro (2 + 5 CR) e pintor (2 + 5 CR).

APOSTILAS CONCURSO PREFEITURA RIO GRANDE DA SERRA/SP - DIVERSOS CARGOS

Ensino médio e/ou curso técnico são requisitos para os empregos de agente de fiscalização sanitária (3 + 10 CR), artesão (1 + 3 CR), assistente de pessoal (1 + 3 CR), auxiliar de farmácia (10 + 5 CR), fiscal (5 + 5 CR), fiscal de meio ambiente (1 + 5 CR), fiscal de trânsito (8 + 5 CR), fiscal de turismo (1 + 5 CR), guarda municipal (30 + 80 CR), guia de turismo (2 + 5 CR), instrutor de arte (1 + 3 CR), técnico de enfermagem (3 + 30 CR), técnico de odontologia (2 + 10 CR), técnico de turismo (1 + 5 CR) e tesoureiro (1 + 2 CR).

 

Aqueles que têm o nível superior estão aptos às carreiras de analista ambiental I (1 + 10 CR), analista ambiental II (1 + 10 CR), arquiteto (1 + 10 CR), assistente jurídico (3 + 10 CR), assistente social (8 + 10 CR), bibliotecário (1 + 2 CR), biólogo (1 + 2 CR), engenheiro ambiental (1 + 2 CR), engenheiro civil (1 + 2 CR), engenheiro de tráfego (1 + 2 CR), estatístico (1 + 2 CR), farmacêutico (6 + 5 CR), jornalista (1 + 2 CR), nutricionista (2 + 5 CR), pedagogo (1 + 5 CR), professor de educação física (4 + 15 CR), terapeuta ocupacional (1 + 5 CR) e turismólogo (1 + 5 CR).

 

Os salários iniciais oferecidos pela Prefeitura de Rio Grande da Serra variam de R$ 1.071,58 a R$ 3.556,20.

 

 

Como participar do concurso da Prefeitura de Rio Grande da Serra/SP

 

 

As inscrições devem ser realizadas no endereço eletrônico www.caipimes.com.br. Os valores da taxa de participação são de R$ 40 para níveis alfabetizado e fundamental, R$ 55 para ensino médio e curso técnico e R$ 65 para formação superior.

 

Serão aceitas inscrições para mais de um cargo, desde que pertencentes a blocos distintos, especificados a seguir: bloco I para agente de serviço externo, agente de trânsito, analista ambiental I, analista ambiental II, arquiteto,  assistente jurídico, assistente social, auxiliar de almoxarifado, auxiliar de compras, auxiliar de odontologia, auxiliar de tesouraria, bibliotecário, biólogo, engenheiro ambiental, engenheiro civil, engenheiro de tráfego, estatístico, farmacêutico, jornalista, nutricionista, pedagogo, professor de educação física, roçador, servente de serviço geral, terapeuta ocupacional e turismólogo; e bloco II para os demais empregos.

 

 

Provas do concurso da Prefeitura de Rio Grande da Serra/SP

 

 

Todos os candidatos serão avaliados por meio de prova objetiva de múltipla escolha de conhecimentos gerais e específicos. Ela será aplicada no município de Rio Grande da Serra/SP no dia 24 de junho, em locais e horários a serem comunicados no edital de convocação, a ser divulgado em momento oportuno.

 

O concurso da Prefeitura de Rio Grande da Serra ainda contará com as seguintes etapas: teste antropométrico (aferição de altura) e prova de aptidão física para os cargos de guarda civil municipal e agente de defesa civil; avaliação psicológica, investigação social e exame toxicológico para guarda civil municipal; e prova prática para coveiro, digitador, eletricista, encanador, marceneiro, mecânico, operador de máquina, pedreiro, pintor, roçador e servente de serviço geral.

Continuar lendo

Atualizado: 30/05/2018 - 11:42

Prefeitura de Cruzeiro SP realiza concurso com 29 vagas

Concurso da Prefeitura de Cruzeiro mantém inscrições abertas até 26 de junho. Cargos em disputa são destinados a profissionais de todas as escolaridades

Três editais

JC Concursos - Fernando Cezar Alves - Informe o Erro

Um novo concurso realizado pela Prefeitura de Cruzeiro, a cerca de 200 km da capital paulista, oferece 29 vagas. Distribuídos entre três editais, os empregos contam com salários que variam de R$ 963,26 a R$ 2.736,52.

 

Candidatos com ensino fundamental incompleto podem concorrer como calceteiro (2 chances) e mecânico de autos (1), enquanto aqueles que concluíram esse ciclo escolar estão aptos a disputar as funções de coveiro (2), pedreiro (2), pintor (2) e serralheiro (2).

 

São ofertados postos de nível médio para escriturário (2), fiscal geral (2), guarda civil municipal - masculino (2), guarda civil municipal - feminino (1) e operador de máquinas (2).

 

Os cargos de assistente social (2), procurador municipal (4), psicólogo (2) e veterinário (1) são opções para profissionais com curso superior.

 

Concurso Prefeitura Cruzeiro: inscrições e provas

 

Disponíveis até 26 de junho, as inscrições são recebidas pela Publiconsult, empresa que organiza a seleção, por meio do site www.publiconsult.com.br. O valor da taxa é de R$ 8, exceto para guarda municipal, que cobra R$ 10.

 

Em 22 de julho, a banca aplicará prova objetiva para todos os cargos e avaliação dissertativa apenas para os concorrentes a procurador.

 

O processo seletivo inclui, ainda, exame prático para mecânico e operador de máquinas, além de teste físico, avaliação psicológica, inspeção de saúde, pesquisa social e curso de formação para guarda civil, em datas a serem definidas.

 

De acordo com os editais, o concurso da Prefeitura de Cruzeiro terá validade de dois anos, prorrogável por mais dois, a critério do governo municipal.

 

Atribuições do calceteiro no concurso da Prefeitura de Cruzeiro

 

Pavimentar solos de estradas, ruas e obras similares, colocar guias e sarjetas para facilitar o sistema viário e o escoamento de águas pluviais; assentar ladrilhos, bloquetes ou similares; executar pequenos serviços de manutenção e conservação de calçadas, sarjetas, praças e próprios públicos.

 

Concurso Prefeitura Cruzeiro: atribuições do escriturário

 

Redigir, digitar documentos, preencher formulários, planilhas, quadros e outros; prestar informações e dar pareceres em processos dentro do seu conhecimento; revisar, reproduzir, expedir e arquivar documentos e correspondências; controlar o pagamento de diárias; efetuar cálculos diversos e prestar informações; controlar a frequência dos servidores, emitir relatórios, controlar estoque de materiais e solicitar reposição; elaborar pareceres, coletar e analisar dados, para colaborar nos trabalhos técnicos e administrativos; coordenar e promover a execução dos serviços gerais de escritório, verificando os documentos, para garantir os resultados da unidade; colaborar no processo licitatório, participar de projetos ou planos de organização dos serviços administrativos, compor fluxogramas e gráficos, para garantir maior produtividade e eficiência dos serviços.

Continuar lendo

Atualizado: 04/05/2018 - 10:30

Últimos dias do prazo para 5.707 vagas em 22 concursos

Oportunidades para cargos de todos os níveis escolares nos Estados de São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Goiás, Ceará, Bahia, Sergipe, Maranhão, Pará, Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Paraná

Ganhos de até R$ 11,9 mil

JC Concursos - Fernando Cezar Alves - Informe o Erro

Chegam ao fim nesta sexta-feira (4), sábado (5) e domingo (6) as inscrições de 22 concursos públicos. Ao todo, eles selecionarão pelo menos 5.707 profissionais para cargos de todos os níveis escolares, com remunerações iniciais de até R$ 11,9 mil por mês.

As ofertas estão nos Estados de São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Goiás, Ceará, Bahia, Sergipe, Maranhão, Pará, Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Paraná.

 

São Paulo

 

No Estado de São Paulo, as oportunidades estão no Hospital do Servidor Público Municipal (HSPM); Câmara Pedro de Toledo/SP; e nas prefeituras de Ibaté, Itatiba, Sarapuí, Itariri e Santa Cruz da Esperança.

 

Demais Estados

 

Os interessados ainda podem se inscrever nos concursos do Instituto de Atenção Básica e Avançada à Saúde (Iabas/RJ); Universidade Federal do Sul da Bahia (UFSB); Secretaria de Justiça e de Defesa ao Consumidor (Sejuc/SE); Consórcio Público Interfederativo de Saúde da Região de Alagoinhas/BA; Universidade Federal do Pará (UFPA); câmaras de Cocos/BA e Santa Lúcia/PR; e nas prefeituras de Pará de Minas/MG, Itaocara/RJ, Guapó/GO, Eusébio/CE, Olho D’água das Cunhãs/MA, Fortaleza/CE, Liberato Salzano/RS e Mafra/SC.

 

 

Prepare-se para os concursos públicos

 

Videoaulas para concursos públicos

Provas Anteriores de concursos públicos

 

Confira abaixo todos os concursos que encerram inscrições:
 

 

Sexta-feira (4)

 

Salários de até R$ 7,2 mil
Concurso HSPM/SP encerra hoje inscrições para 85 vagas

Todos os níveis
Concurso Pará de Minas/MG: prazo de inscrição acaba hoje

Todos os níveis
Aberto concurso para 26 vagas na Prefeitura de Ibaté/SP

Níveis médio e superior
Inscrições abertas para 46 vagas em concurso da UFPA

 

 

Sábado (5)

 

Salários de até R$ 3,6 mil
Concurso em Sarapuí/SP reúne 13 oportunidades

Nível médio
Concurso em Eusébio/CE abre inscrições para 63 vagas

Nível superior
UFSB recebe inscrições de concurso com 73 vagas

 

Domingo (6)

 

Níveis médio e superior
Pedro de Toledo/SP reabre inscrições de concurso

Salários de até R$ 6 mil
Itaocara/RJ prorroga inscrição de concurso com 264 vagas

Níveis médio, técnico e superior
Itatiba/SP abre inscrições de concurso com 110 vagas

Saúde
Concurso Iabas/RJ: abertas inscrições para 13 vagas

Níveis dundamental e superior
Prefeitura de Itariri/SP: concurso com inscrição aberta

Superior
Santa Cruz da Esperança: concurso com inscrições abertas

Todos os níveis
Guapó/GO divulga edital de concurso com 861 vagas

Nível médio
Concurso Sejuc/SE: últimos dias do prazo para 100 vagas

Todos os níveis
Olho D’água das Cunhãs/MA divulga concurso com 257 vagas

Salários de até R$ 6,2 mil
Câmara de Cocos/BA reabre inscrições para concurso

Salários de até R$ 9,8 mil
Concurso Fortaleza/CE: 2.467 vagas com inscrição até 6/5

Níveis médio/técnico e superior
Consórcio de Saúde de Alagoinhas: concurso tem 57 vagas

Todos os níveis
Liberato Salzano/RS inscreve para concurso com 20 vagas

Salários de até R$ 11,9 mil
Prefeitura de Mafra/SC: concurso reúne 16 ofertas

Nível médio
Câmara de Santa Lúcia/PR: concurso tem vaga para agente

 

 

Confira aqui todos os concursos com inscrições abertas

Continuar lendo

Atualizado: 27/04/2018 - 10:32

Cosmópolis/SP: escolhida banca para diversos cargos

Número de vagas ainda não foi divulgado, mas cargos que serão oferecidos na seleção já estão definidos. Edital deve ser publicado em breve

Todos os níveis

JC Concursos - Fernando Cezar Alves - Informe o Erro

A Prefeitura de Cosmópolis, no interior paulista, a 130 km da capital e próxima a Campinas, divulgou, por meio de publicação em diário oficial, nesta sexta-feira, 27 de abril, o nome da banca organizadora do seu novo concurso público para o preenchimento de vagas em diversos cargos, com opções para quem possuí níveis fundamental, médio e superior. A escolhida é a Directa Desenvolvimento Institucional e de Carreiras. Agora, o próximo passo é a assinatura do contrato, que deve ocorrer nos próximos dias. A seguir, o edital de abertura de inscrições já poderá ser publicado.  O número de vagas ainda não foi divulgado pela prefeitura. Porém, as carreiras que serão oferecidas na seleção já foram antecipadas.


Os cargos que contarão com oportunidades na seleção serão os seguintes: agente fiscal tributário II - fiscal de posturas, agente fiscal tributário II  - fiscal tributário, agente comunitário de saúde, inspetor de alunos feminino e masculino, motorista, motorista escolar, nutricionista – clínica, assistente social , psicólogo, recepcionista, secretário de escola, técnico de enfermagem do trabalho, auxiliar operacional, operador de ETA e ETE e guarda municipal I masculino e feminino.


De acordo com o edital de licitação, as taxas já estão definidas e deverão ser de R$ 38 para cargos com exigência de ensino fundamental, R$ 43 para ensino médio e R$ 60 para nível superior.


O prazo para a realização de todos os procedimentos da seleção será de seis meses, contando da data de assinatura do contrato com a banca.
 
   

 

Continuar lendo

Atualizado: 20/04/2018 - 14:05

Concurso em Carapicuíba/SP inscreve para 53 vagas

Com oportunidades em diversos cargos, Prefeitura Municipal de Carapicuíba mantém as inscrições abertas até o dia 18 de maio. Os salários iniciais oferecidos chegam a R$ 3,1 mil

Todos os níveis

JC Concursos - Fernando Cezar Alves - Informe o Erro

Encontram-se abertas as inscrições dos dois editais de concurso público da Prefeitura Municipal de Carapicuíba, situada na Região Metropolitana de São Paulo, a apenas 28 km da capital. Ao todo, a seleção preencherá 23 vagas do seu quadro de pessoal.  

 

Candidatos alfabetizados podem se inscrever para a função de artífice nas especialidades de jardineiro (1 vaga), operador de motosserra (1) e pedreiro (5). O salário inicial é de R$ 976,14.

 

Já para quem tem o ensino fundamental, as chances são para os empregos de eletricista de auto e máquinas (1) e motorista (5). Os respectivos vencimentos são de R$ 1.040,85 e R$ 1.162,27.

 

O cargo de guarda civil municipal (30) exige ensino médio completo, altura mínima de 1,60m para as mulheres e 1,65m para os homens e carteira de habilitação nas categorias “A” e “B”. O inicial é de R$ 978,18.

 

Curso técnico específico é requisito no concurso da Prefeitura de Carapicuíba para o posto de técnico em infraestrutura de rede e telefonia (2), cujo ganho é de R$ 1.612,22.

 

Aqueles que têm o nível superior estão aptos às carreiras de arquiteto (1), dentista (1), engenheiro civil (1), farmacêutico (1), fisioterapeuta (1), fonoaudiólogo (1) e terapeuta ocupacional (2). As remunerações variam de R$ 1.782,24 a R$ 3.145,69.

 

 

Etapas do concurso da Prefeitura de Carapicuíba/SP

 

 

As inscrições deverão ser realizadas no endereço eletrônico da RBO Assessoria Pública e Projetos Municipais (www.rboconcursos.com.br) até as 15h do dia 18 de maio. O valor da taxa de participação, para todos os cargos, é de R$ 23, 70.

 

O concurso da Prefeitura de Carapicuíba será constituídos das seguintes etapas: prova objetiva para todos os empregos; avaliação prática para os níveis alfabetizado, fundamental, médio e técnico; e aferição de altura, teste de aptidão física e avaliação psicológica para guarda civil municipal.

 

A prova objetiva será composta por questões de múltipla escolha que versarão sobre as disciplinas de língua portuguesa, matemática, conhecimentos em informática e/ou conhecimentos específicos.

 

A avaliação será aplicada na cidade de Carapicuíba/SP no dia 24 de junho para a função de guarda civil municipal e dia 1º de julho para todos os demais postos. As informações sobre os locais e horários de realização dos exames serão divulgadas no edital de convocação, a ser publicado, oportunamente, no site da RBO. 

 

APOSTILAS CONCURSO PREFEITURA CARAPICUÍBA 2018 - TÉCNICO DE INFRAESTRUTURA DE REDE E TELEFONIA

Continuar lendo

Atualizado: 09/04/2018 - 12:04

Leme/SP prepara novo concurso para 198 vagas

Seleção contará com oportunidades para diversos cargos, com remunerações iniciais de até R$ 9 mil. Em fase de licitação

JC Concursos - Fernando Cezar Alves - Informe o Erro

A Prefeitura de Leme, no interior paulista, próxima a 190 km da capital e próxima a Piracicaba, realizará concurso público para o preenchimento de 198 vagas em seu quadro de pessoal, sendo cinco para cargos com exigência de alfabetização, 55 para ensino fundamental completo ou incompleto, 54 para ensino médio e 84 para quem possui formação de nível superior, com remunerações iniciais que variam de R$ 800  a R$ 9.036,45.


O processo está em fase de licitação para a escolha da banca, que está sendo feito pelo critério de pregão eletrônico, com abertura das propostas marcada para o próximo dia 20 de abril. Somente após a contratação da empresa será definida a data de publicação do edital de abertura de inscrições.

 

Alfabetização
Quem possui alfabetização poderá concorrer ao cargo de coletor, com remuneração inicial de R$ 058,40 e taxa de até R$ 16,93.

 

Ensino Fundamental
No caso de ensino fundamental: agente comunitário de saúde (5, R$ 1.232,22, com taxa até R$ 17,60),  agente de controle de vetores (5, r$ 1.232,22, R$ 17,60), agente de serviços públicos (20, R$ 1.232,22, R$ 17,60), inspetor de alunos (5, R$ 1232,22, R$ 17,60), monitor de projetos (5, R$ 958,40, R$ 17,60), motorista (10, com carteira de habilitação “D”, R$ 1.232,22, R$ 17,60), oficial de manutenção (3, com fundamental incompleto, R$ 1.232,22, R$ 17,60), tratorista (1, com carteira de habilitação “D”, R$ 1.232,22, R$ 17,60) e vigilante patrimonial (1, R$ 958,40, R$ 17,60).

 

Ensino Médio

Para ensino médio: agente administrativo (25, R$ 1.232,22, R$ 17,27), agente de fiscalização municipal (1, R$ 1.232,22, R$ 17,27), auxiliar de saúde bucal (1, com curso profissional e registro no conselho, R$ R$ 1.232,22, R$ 17,27), fiscal de vigilância sanitária e ambiental (1, R$ 1.232,22, R$ 17,27), guarda civil (5, R$ 1.095,30, R$ 17,27), monitor de educação (1, R$ 1.232,22, R$ 17,27), técnico de enfermagem (5, com registro profissional, R$ 1.506,06, R$ 17,27), técnico de enfermagem em saúde da família (1, com registro profissional, R$ 2.122,19, R$ 17.27), técnico em farmácia (1,com registro, R$ 1.506,06, R$ 17,27), técnico em gesso (1, com registro, R$ 1.506,06, R$ 17,27), técnico em radiologia (1, com registro, R$ 1.506,06, R$ 17,27), técnico em segurança do trabalho (1, com registro, R$ 2.122,19, R$ 17,27), topógrafo (1, com registro, R$ 1.506,06, R$ 17,27), cuidador plantonista (3, com curso na área da saúde, R$ 800, R$ 17,27), técnico de enfermagem plantonista (5,  com registro profissional, R$ 1.440, R$ 17,27) e técnico em informática (1, com registro profissional, R$ 1.506,06, R$ 17,27).

 

Nível Superior
Por fim, para nível superior: analista em gestão municipal (1, com formação em administração de empresas, administração pública, economia, gestão financeira, gestão de RH, ciências sociais, estatística ou direito, R$ 4.107,47, R$ 17,93), arquiteto (1, R$ 3.354,42, R$ 17,93), assistente de procurador (1, registro em direito, R$ 3.354,42, R$ 17,93), assistente social (5, R$ 2.122,19, R$ 17,93), diretor de escola (5, com licenciatura plena em pedagogia ou pós em gestão/administração escolar e cinco anos de magistério ou mínimo de cinco anos em suporte pedagógico, R$ 3.696,70, R$ 17,93), educador esportivo (1, formação em educação física, R$ 2.122,19, R$ 17,93), enfermeiro (1, R$ 2.122,19, R$ 17,93), enfermeiro em saúde da família (1, R$ 3.354,42, R$ 17,93), engenheiro agrimensor (1, R$ 3.354,42, R$ 17,93), engenheiro civil (1, R$ 3.354,42, R$ 17,93), farmacêutico (1, R$ 2.122,,19, R$17,93), fiscal de rendas (1, formação em administração de empresas, administração pública, gestão financeira, economia, ciências contábeis ou direito, R$ 2.122,19, R$ 17,93), fisioterapeuta (1, R$ 2.122,19, R$ 17,93), médico psiquiatra do caps (1, R$ 9.036,45, R$ 17,93), médico veterinário (1, R$ 3.354,42, R$ 17,93), nutricionista (1, R$ 2.122,19, R$ 17,93), procurador (1, R$ 4.792,05, R$ 17,93), professor de educação básica PEB I (10, licenciatura plena em pedagogia com habilitação específica ou curso normal superior, R$ 1.712,03, R$ 17,93), professor de educação básica II PEB II (10, licenciatura plena em disciplinas específicas, R$ 1.883,26, R$ 17,93), professor substituto (10, licenciatura plena em pedagogia com habilitação específica ou curso normal superior, R$ 1.150,08, R$ 17,93), psicólogo (5, R$ 2.122,19, R$ 17,93), psicopedagogo (1, R$ 2.122,19, R$ 17,93), supervisor de ensino (1, licenciatura em pedagogia ou pós em gestão na área de educação e sete anos de magistério ou cinco em função de suporte pedagógico, R$ 3,833,63, R$ 17,93), terapeuta ocupacional (1, R$ 2.122,19, R$ 17,93), médico horista (1, R$ 2.400, R$ 17,93), médico horista cardiologista (1, R$ 3.000, R$ 17,93), médico horista dermatologista (1, 3.000, R$17,93), médico horista ginecologista e obstetrícia (1, R$ 3.000, R$ 17,93), médico horista infectologista (1, R$ 3.000, R$ 17,93), médico horista mastologista (1, R$ 3.000, R$ 17,93), médico horista neurologista (1, R$ 3.000, R$ 17,93), médico horista oftalmologista (1, R$ 3.000, R$ 17,93), médico horista pediatra (1, R$ 3.000, R$ 17,93), médico horista psiquiatria infantil (1, R$ 3.000, R$ 17,93), médico horista psiquiatra (1, R$ 3.000, R$ 17,93), médico horista urologista (1, R$ 3.000, R$ 17,93), médico horista vascular (1,R$ 3.000, R$ 17,93), odontólogo horista (1, R$ 1.800, R$ 17,93), gerontólogo (1, R$ 2.400, R$ 17,93), advogado do SUAS (1, R$ 3.354,42, R$ 17,93), auditor municipal de controle interno (1, formação em gestão de políticas públicas, administração pública, gestão pública, administração, contabilidade, economia ou direito, R$ 3.354,42, R$ 17,93), médico (1, R$ 3.354,42, R$ 17,93) e odontólogo (1, R$ 2.122,19, R$ 17,93).                 

 

Continuar lendo

Atualizado: 19/01/2018 - 14:10

Guarujá/SP: divulgado concurso com 2.125 vagas

Oportunidades no concurso da Prefeitura Municipal de Guarujá são para candidatos de todos os níveis escolares. Inscrições serão abertas em 1º de fevereiro

Vários cargos

JC Concursos - Fernando Cezar Alves - Informe o Erro

No litoral sul paulista, a Prefeitura Municipal de Guarujá publicou dois novos editais de concurso público. A seleção visa o preenchimento de 2.125 vagas, sendo 230 para posse imediata e 1.895 para formação de cadastro reserva (CR) de futuras oportunidades. 
Aqueles que têm o ensino fundamental completo podem concorrer para as funções de agente comunitário de saúde (15 vagas + 137 CR), agente de controle de endemias (15 + 115 CR), agente de serviços gerais (15 + 140 CR), auxiliar de saúde bucal (3 + 20 CR) e inspetor de alunos (3 + 24 CR). 
Quem possui o ensino médio e/ou curso técnico está apto às carreiras de agente de defesa civil (5 + 40 CR), assistente administrativo (50 + 400 CR), auxiliar de desenvolvimento infantil (10 + 85 CR), desenhista (1 + 4 CR), guarda civil municipal (20 + 100 CR) e técnico em segurança do trabalho (2 + 12 CR).
Nível superior é requisito para os cargos de arquiteto (2 + 15 CR), assistente social (5 + 40 CR), engenheiro civil (2 + 15 CR), engenheiro ambiental (1 + 4 CR), engenheiro de segurança do trabalho (1 + 4 CR), farmacêutico (1 + 8 CR), fisioterapeuta (5 + 40 CR), fonoaudiólogo (1 + 8 CR), geólogo (1 + 8 CR), odontólogo (4 + 35 CR), nutricionista (4 + 35 CR), psicólogo (2 + 25 CR), professor de educação especial nas áreas de deficiência auditiva (2 + 12 CR), deficiência intelectual (2 + 12 CR) e deficiência visual (2 + 12 CR) e médico nas especialidades de cardiologista (2 + 20 CR), cirurgião cabeça e pescoço (1 + 5 CR), cirurgião pediátrico (1 + 10 CR), clínico geral socorrista (10 + 100 CR), coloproctologista (1 + 5 CR), endocrinologista (1 + 10 CR), geriatra (2 + 25 CR), ginecologista (5 + 50 CR), hematologista (1 + 5 CR), infectologista (1 + 10 CR), mastologista (1 + 10 CR), nefrologista (1 + 5 CR), neurologista (2 + 20 CR), oftalmologista (1 + 15 CR), ortopedista (1 + 15 CR), otorrinolaringologista (2 + 25 CR), pediatra (5 + 50 CR), pediatra socorrista (10 + 100 CR), pneumologista (2 + 15 CR), psiquiatra (3 + 30 CR), reumatologista (1 + 5 CR), urologista (1 + 5 CR) e veterinário (1 + 10 CR). 
APOSTILA CONCURSO PREFEITURA DE GUARUJÁ/SP 2018 - AGENTES / INSPETOR DE ALUNOS / AUXILIAR ADMINISTRATIVO / GUARDA CIVIL
Os salários iniciais oferecidos pela Prefeitura de Guarujá oscilam entre R$ 7,96 e R$ 31,32 por hora de trabalho. 

Como participar do concurso da Prefeitura de Guarujá/SP


As inscrições serão recebidas no período de 1º a 25 de fevereiro. A ficha de cadastro estará disponível nos endereços eletrônicos www.caipimes.com.br e www.guaruja.sp.gov.br. Os valores da taxa de participação variam de R$ 45 a R$ 88 e o seu pagamento deverá ser efetuado até o dia 26 desse mesmo mês, observado o horário de funcionamento do banco. 
Os candidatos poderão se inscrever para mais de um cargo, desde que pertencentes a blocos distintos, especificados a seguir: bloco I (dia 25 de março) para agente de controle de endemias, auxiliar de saúde bucal, farmacêutico, fisioterapeuta, fonoaudiólogo, médicos, nutricionista, odontólogo e psicólogo; bloco II (dia 25 de março) para arquiteto, assistente administrativo, assistente social, desenhista, engenheiro civil, engenheiro ambiental, engenheiro de segurança do trabalho, geólogo e técnico em segurança do trabalho; bloco III (dia 8 de abril) para auxiliar de desenvolvimento infantil e guarda civil municipal; e bloco IV (dia 8 de abril) para agente de defesa civil, agente de serviços gerais, inspetor de alunos e professores. Apenas a função de agente comunitário de saúde realizará a prova em 18 de março. 
APOSTILA CONCURSO PREFEITURA DE GUARUJÁ/SP 2018 - INSPETOR DE ALUNOS

Provas do concurso da Prefeitura de Guarujá/SP 2018 


Todos os participantes serão submetidos à prova objetiva, de caráter eliminatório e classificatório. Ela será composta por questões de múltipla escolha que versarão sobre as disciplinas de português, matemática, pacote Office 2010, noções de saúde pública, legislação e/ou conhecimentos específicos. 
As provas objetivas serão aplicadas no município de Guarujá/SP nos dias 18 e 25 de março e 8 de abril, em locais e horários a serem divulgados em momento oportuno. 
O concurso da Prefeitura de Guarujá ainda contará com as seguintes etapas: prova de aptidão física para guarda civil municipal e agente de defesa civil; teste antropométrico, avaliação psicológica e investigação social para guarda civil municipal; e análise de títulos para agente comunitário de saúde.
APOSTILA CONCURSO PREFEITURA DE GUARUJÁ/SP 2018 - ASSISTENTE SOCIAL



Continuar lendo

Atualizado: 14/12/2017 - 13:30

Prefeitura de Barretos/SP: concurso reúne 411 vagas

Ofertas no concurso da Prefeitura Municipal de Barretos são destinadas a candidatos de todos os níveis escolares, com salários iniciais que chegam a R$ 8 mil

Vários cargos

JC Concursos - Fernando Cezar Alves - Informe o Erro

No interior do Estado de São Paulo, a Prefeitura Municipal de Barretos publicou quatro novos editais de concurso público. Ao todo, a seleção preencherá 411 vagas de todos os níveis de escolaridade. 
As inscrições serão recebidas entre os dias 9 de janeiro e 15 de fevereiro de 2018. O cadastro deverá ser realizado exclusivamente pela internet, através do endereço eletrônico da Fundação Vunesp (www.vunesp.com.br). As taxas variam de R$ 60 a R$ 123. 
Todos os candidatos serão avaliados por meio de prova objetiva. Ela será composta por questões de múltipla escolha que versarão sobre as disciplinas de língua portuguesa, matemática, raciocínio lógico, noções de informática, atualidades, conhecimentos de direito administrativo, política de saúde e/ou conhecimentos específicos. 
A avaliação será aplicada na cidade de Barretos/SP no dia 8 de abril de 2018, em locais e horários a serem comunicados no edital de convocação, a ser publicado no site da Fundação Vunesp em momento oportuno. 
O concurso da Prefeitura de Barretos/SP ainda contará com as seguintes etapas, para alguns cargos: teste prático; prova de aferição de altura; teste de aptidão física; e avaliação psicológica.

Vagas do concurso da Prefeitura de Barretos/SP 


Para ensino fundamental, as chances são para as funções de carpinteiro (1 vaga), coveiro (3), eletricista (10), eletricista de autos (1), encanador (2), funileiro (1), marceneiro (1), motorista (5), motorista operador de Munck (1), motorista socorrista SAMU (6), operador de compactadora rolo (2), operador de máquinas (7), operador de motoniveladora (2), operador de motosserra (1), operador de pá-carregadeira (2), operador de retroescavadeira (2), padeiro (1), pedreiro II (10), pintor (6), trabalhador braçal (20), tratorista (1), auxiliar administrativo (6), auxiliar operacional de serviços gerais (40), jardineiro (3), merendeiro (25), oficial administrativo I (15) e servente de pedreiro (5). 
APOSTILAS ONLINE E IMPRESSA PREFEITURA BARRETOS - CUIDADOR
Quem tem o ensino médio e/ou curso técnico pode concorrer para os cargos de agente de segurança (20), bombeiro civil (5), cuidador (26), agente administrativo (2), agente de operações e fiscalização (5), auxiliar de consultório dentário (2), auxiliar de cuidados diários (70), auxiliar de topografia (1), desenhista II (2), desenhista projetista (1), gestor de operações aeroportuárias (1), educador ambiental (1), inspetor de alunos (2), líder de equipe de reparos e serviços (1), monitor de artes nas áreas de dança - balé clássico (2), danças urbanas (1), desenho e grafite (1) e sapateado (1), monitor de iniciação musical (2), monitor de piano (1), monitor de técnica vocal (1), monitor de violão(1), músico monitor em diversas especialidades (25), oficial de fiscalização ambiental (1), oficial de fiscalização sanitária e epidemiológica (1), secretário de escola (1), técnico de defesa do consumidor (1), técnico de enfermagem (3), técnico de processamento de dados (1), técnico de radiologia (1), telefonista (1) e topógrafo (1).
APOSTILAS ONLINE E IMPRESSA PREFEITURA BARRETOS - AUXILIAR CUIDADOS DIÁRIOS
Nível superior é requisito para os postos de administrador (1), advogado (1), agente de comunicação social (1), arquiteto (1), arquivista (1), assistente social (1), coordenador (1), dentista (5), dentista de pacientes especiais (1), dentista - endodontia (1), dentista - periodontista (1), enfermeiro (3), engenheiro agrônomo (1), engenheiro ambiental (1), engenheiro civil (2), engenheiro de segurança do trabalho (1), engenheiro de trânsito (1), engenheiro eletricista (1), engenheiro florestal (1), farmacêutico (2), fiscal tributário (1), fisioterapeuta (2), fisioterapeuta acupunturista (1), fonoaudiólogo (2), historiador (1), médico nas especialidades de dermatologista (1), gastroenterologista (1), neuropediatra (1), nutrólogo (1), radiologista (1), urologista (1) e veterinário (1), nutricionista (1), psicólogo (1), terapeuta ocupacional (1), tradutor e intérprete da língua brasileira dos sinais - libras (1) e zootecnista (1). 
Os salários iniciais oferecidos pela Prefeitura de Barretos/SP partem de R$ 1.046,96 e chegam a R$ 8.073,75. 
APOSTILAS ONLINE E IMPRESSA PREFEITURA DE BARRETOS/SP
Continuar lendo

Atualizado: 04/12/2017 - 11:36

Prefeitura de Buri/SP: concurso inscreve para 51 vagas

Oportunidades no concurso da Prefeitura Municipal de Buri são para os cargos de motorista, guarda municipal, agente administrativo, recepcionista, técnico de enfermagem, enfermeiro, médico, entre vários outros

Salários de até R$ 14,9 mil

JC Concursos - Fernando Cezar Alves - Informe o Erro

A Prefeitura Municipal de Buri, localizada no Estado de São Paulo, está com inscrições abertas em dois editais de concurso público. Ao todo, a seleção preencherá 51 vagas do seu quadro de pessoal. 
Aqueles que têm o ensino fundamental podem concorrer para as funções de ajudante de obras (4 vagas), gari (1), calceteiro (1) e motorista (10). Os salários iniciais oscilam entre R$ 937 e R$ 1.600,23. 
Quem tem o ensino médio está apto às carreiras de guarda municipal (10), agente administrativo (3), agente comunitário de saúde (2), eletricista (1), mecânico (1) e recepcionista (4).  Os vencimentos variam de R$ 941,31 a R$ 2.196,39.
Os cargos de técnico em enfermagem (5) e técnico em segurança do trabalho (1) exigem curso técnico. Os respectivos ganhos são de R$ 1.568,85 e R$ 1.359,67. 
Nível superior é requisito para os postos de assistente social (2), enfermeiro padrão (1), farmacêutico (1), fonoaudiólogo (2), médico PSF (1) e psicólogo (1). As remunerações partem de R$ 2.300,98 e chegam a R$ 14.994,23. 

Participação no concurso da Prefeitura de Buri


As inscrições deverão ser realizadas até o dia 8 de dezembro, exceto para o cargo de guarda municipal, cujo prazo encerrará no dia 12 de dezembro. A ficha de cadastro está disponível no endereço eletrônico www.integribrasil.com.br
Os valores da taxa de participação são de R$ 25 para ensino fundamental, R$ 35 para nível médio e curso técnico e R$ 45 para formação superior. 
Todos os candidatos executarão a prova objetiva no dia 28 de janeiro de 2018. Ela terá duração máxima de três horas e será composta por 40 questões de múltipla escolha. 
O concurso da Prefeitura de Buri ainda contará com as seguintes etapas: prova prática para os empregos de eletricista e mecânico; e teste de aptidão física, avaliação psicológica e curso de formação para guarda municipal. 
Continuar lendo

Atualizado: 07/11/2017 - 14:28

Matão/SP inscreve para concurso com 14 vagas

Oportunidades no concurso da Prefeitura de Matão são para cargos de agente de combate às endemias, guarda municipal e procurador jurídico. Inscrições até 16 de novembro

Todos os níveis

JC Concursos - Fernando Cezar Alves - Informe o Erro

Localizada a cerca de 300 km da capital paulista, a Prefeitura de Matão recebe inscrições até 16 de novembro para um concurso público que disponibiliza 14 vagas.

Para concorrer como agente de combate às endemias (1 posto e salário de R$ 1.171,77) é necessário possuir ensino fundamental completo.

O cargo de guarda municipal (12 - R$ 1.385,74) cobra nível médio e Carteira Nacional de Habilitação (CNH) categoria "AD". Do total de vagas, duas são para mulheres e dez para homens.

A carreira de procurador jurídico (1 - R$ 6.082,74) é destinada a profissionais com graduação em direito e registro na Ordem dos Advogados do Brasil (OAB).

As inscrições para o concurso da Prefeitura de Matão devem ser registradas pelo site do Instituto Brasileiro de Administração Municipal (Ibam), no endereço: www.ibamsp-concursos.org.br. A banca cobra taxas de R$ 52 para agente e guarda e R$ 83 para procurador.

Sobre as provas do concurso da Prefeitura de Matão


Prevista para 10 de dezembro, a prova objetiva apresentará questões de múltipla escolha sobre língua portuguesa e conhecimentos específicos para todos os cargos, além de matemática apenas para guarda e agente.

Na mesma data, os concorrentes ao posto de procurador farão prova prático-profissional, que cobrará a elaboração de um parecer jurídico.

O concurso da Prefeitura de Matão será finalizado com teste de aptidão física e avaliação psicológica para as vagas de guarda municipal, em datas a serem definidas.

Concurso Prefeitura Matão: atribuições do agente de combate às endemias


Executar os serviços de desinfecção em residências, para evitar a proliferação de insetos e animais peçonhentos; desenvolver atividades inerentes à prevenção e combate de doenças. Proferir palestras em escolas públicas e associações comunitárias com a finalidade de melhorar os hábitos e prevenir doenças. Zelar pela conservação dos materiais e equipamentos sob sua responsabilidade; atender às normas de segurança e higiene do trabalho e realizar outras tarefas afins.

Atribuições do guarda municipal no concurso da Prefeitura de Matão


Proteger bens, serviços, logradouros públicos municipais e instalações do Município. Zelar pelo patrimônio ecológico, histórico, cultural, arquitetônico e ambiental do Município. Prevenir e inibir, pela presença e vigilância, bem como coibir, infrações penais ou administrativas e atos infracionais que atentem contra bens, serviços e instalações municipais. Colaborar de forma integrada com os órgãos de segurança pública, em ações conjuntas que contribuam com a paz social. Fazer respeitar e manter a ordem pública com medidas preventivas ou repressivas para proteger as pessoas e os bens contra os perigos e os atos delituosos. Cooperar com os demais órgãos de defesa civil em suas atividades. Cuidar para que a qualidade dos trabalhos desenvolvidos se mantenha sempre dentro dos padrões definidos e determinados pela Prefeitura de Matão.
Continuar lendo

Atualizado: 01/11/2017 - 15:39

Marinha divulga programação de concursos para 2018

Editais dos novos concursos públicos da Marinha devem somar milhares de vagas em todas as regiões do país. Níveis fundamental, médio, técnico e superior de ensino

Diversos cargos

JC Concursos - Fernando Cezar Alves - Informe o Erro

A Marinha publicou documento com a programação de todos os concursos que organizará no decorrer de 2018. O número de vagas não foi revelado, mas deverá ser milhares distribuídas em vários níveis de escolaridades.
Pelo que consta no cronograma, na segunda quinzena de janeiro serão divulgados os editais da Escola de Aprendizes-Marinheiros, da Escola Naval e do Colégio Naval. As provas ocorrerão na segunda quinzena de abril para o primeiro, e na segunda quinzena de junho para os demais.
Já na primeira semana de março, o órgão lançará o certame para o Corpo de Engenheiros, cujos testes acontecerão na segunda quinzena do mês de maio.
Em abril, quatro processos seletivos sairão: Corpo de Saúde (médicos, dentistas e apoio à saúde), Quadro Técnico, Capelão Naval e Quadros Complementares de Oficiais da Armada, Fuzileiros Navais e Intendentes da Marinha. Avaliações entre a primeira quinzena de julho e a primeira quinzena de setembro.
E na primeira quinzena de agosto será publicado o edital do concurso da Marinha para o Corpo Auxiliar de Praças. Os exames estão marcados para a segunda quinzena de novembro.

Mais detalhes dos concursos da Marinha


O ingresso na Marinha ocorre por meio de concursos públicos que aceitam participantes de ambos os sexos e com idades mínima e máxima estipuladas no edital.
No geral, os concorrentes são submetidos a provas objetivas com questões de múltipla escolha sobre assunto de conhecimentos gerais, aplicadas em todo o país. Outras fases variam de acordo com cada carreira.
Continuar lendo

Atualizado: 19/10/2017 - 10:30

Abertas 78 vagas para concurso em Mogi das Cruzes/SP

Chances no concurso da Prefeitura de Mogi das Cruzes estão distribuídas entre funções destinadas a profissionais de todas as escolaridades. Inscrições começam em 23 de outubro

Iniciais de até R$ 7,1 mil

JC Concursos - Fernando Cezar Alves - Informe o Erro

Cidade com cerca de 430 mil habitantes, Mogi das Cruzes, na Grande São Paulo, abriu concurso público para preencher 78 vagas, além de formar cadastro reserva (CR), no quadro de servidores efetivos da prefeitura. Do total de oportunidades, oito são destinadas a pessoas com deficiência.  

Quem não completou o nível fundamental pode concorrer ao cargo de pedreiro (1 posto e salário de R$ 1.819,99), enquanto aqueles que concluíram tal ciclo escolar estão aptos a disputar as funções de agente sepultador (2 - R$ 1.879,40), operador de máquinas (1 - R$ 2.753,15) e soldador (1 - R$ 3.849,52).

A seleção traz ofertas com exigência de ensino médio para agente escolar (5 - R$ 1.763,92) e auxiliar de apoio administrativo (5 - R$ 2.753,15). Também serão selecionados 15 guardas municipais (dez do sexo masculino e cinco do feminino). A carreira paga R$ 2.216,68 e é restrita a participantes com idade entre 21 e 35 anos, CNH categoria "AB" e altura mínima de 1,60m (mulheres) e 1,68m (homens).

Em nível superior há oportunidades no concurso da Prefeitura de Mogi das Cruzes para arquiteto (CR - R$ 7.147,57), dentista (1 - R$ 5.441,51), enfermeiro auditor (1 - R$ 5.121,39) e médico nas seguintes áreas: auditor (1), clínico geral (21), ginecologista (10), pediatra (10) e psiquiatra (4), com vencimentos de R$ 6.401,67.
 

Concurso Prefeitura Mogi das Cruzes: inscrições e provas

 
Organizado pela Vunesp, o concurso da Prefeitura de Mogi das Cruzes recebe inscrições entre 23 de outubro e 29 de novembro, por meio do site www.vunesp.com.br. O valor das taxas é de R$ 35 para empregos de nível fundamental, R$ 51,50 de médio e R$ 60 de superior.

Todos os candidatos farão, em 14 de janeiro, prova objetiva com 40 ou 50 questões de múltipla escolha, a depender do cargo, sobre conhecimentos gerais e específicos.

O processo seletivo inclui ainda: teste prático para agente sepultador, operador de máquinas, pedreiro e soldador; e aferição de altura, exame físico e avaliação psicológica para guarda municipal, em datas a serem definidas.

A validade do concurso da Prefeitura de Mogi das Cruzes será de dois anos, prorrogável por mais dois, a critério do governo municipal, conforme estabelecem os editais - disponíveis para consulta entre os anexos da notícia.
 

Atribuições do agente sepultador no concurso da Prefeitura de Mogi das Cruzes


Controlar, segundo normas estabelecidas, o cumprimento das exigências para sepultamento, exumação e localização de sepulturas; preparar sepulturas, escavando a terra e escorando as paredes da abertura, ou retirando a lápide e limpando o interior das covas já existentes, para o sepultamento; carregar e colocar o caixão na cova aberta; manipular as cordas de sustentação, para facilitar o posicionamento do caixão na sepultura; fechar a sepultura, recobrindo-a de terra e cal ou fixando-lhe uma laje, para assegurar a inviolabilidade do túmulo; manter a limpeza e conservação de jazigos e covas; realizar a exumação dos cadáveres, quebrando o lacre que une as placas de cimento e as paredes do túmulo e/ou cavando a terra até a urna, retirando os restos mortais, transferindo-os para urnas menores ou outro recipiente; realizar, em alguns casos, a cremação do cadáver; zelar pela conservação de cemitérios, máquinas e ferramentas de trabalho; zelar pela segurança do cemitério; executar outras atribuições afins.

Concurso Prefeitura Mogi das Cruzes: atribuições do agente escolar


Coordenar a movimentação de alunos no estabelecimento de ensino, na entrada e saída, durante as aulas e intervalo, no recreio e na merenda. Auxiliar a direção da escola na coordenação de turno. Encaminhar e acompanhar os alunos quando da realização de atividades extraclasse e curriculares. Subsidiar as atividades curriculares e extracurriculares, viabilizando o uso de material didático-pedagógico. Receber e entregar correspondências. Acompanhar alunos quando solicitado pela direção da escola. Auxiliar o professor na sala de aula, quando solicitado. Encaminhar à direção da escola, situações que coloquem em risco a segurança dos alunos. Desenvolver junto ao educando: hábitos de higiene, boas maneiras, educação informal, saúde e orientar no sentido de despertar o senso de responsabilidade. Zelar pela manutenção e conservação dos aparelhos e equipamentos existentes na escola. Executar outras atividades delegadas pelos níveis hierárquicos superiores relacionados à sua área de atuação.

Atribuições do auxiliar de apoio administrativo no concurso da Prefeitura de Mogi das Cruzes


Coletar dados de suporte para ações de especialistas. Digitar e formatar textos. Escriturar e formatar planilhas e digitar dados. Organizar e controlar a tramitação de documentos. Ordenar, indexar, cadastrar e organizar componentes de processos públicos internos. Atender ao público. Colaborar na aplicação das leis de posturas. Subsidiar a tomada de decisões e executar tarefas correlatas e afins.

Continuar lendo

Atualizado: 17/10/2017 - 15:16

Cismetro/SP: concurso com inscrições abertas

Participação no concurso do Consórcio Intermunicipal de Saúde na Região Metropolitana de Campinas (Cismetro) deverá ser garantida até 5 de novembro

Todos os níveis

JC Concursos - Fernando Cezar Alves - Informe o Erro

No Estado de São Paulo, o Consórcio Intermunicipal de Saúde na Região Metropolitana de Campinas (Cismetro) está com inscrições abertas de concurso. A seleção visa à formação de cadastro reserva para futuras oportunidades. Ofertas serão lotadas na cidade de Cosmópolis. 
Aqueles que concluíram o ensino fundamental podem ser inscrever para as funções de ajudante geral e auxiliar de manutenção, cujos respectivos salários iniciais são de R$ 1.200 e R$ 1.126,72. 
Para ensino médio, as chances são para os empregos de motorista socorrista, assistente administrativo, auxiliar de farmácia, auxiliar de consultório odontológico, recepcionista e vigia. Os vencimentos oscilam entre R$ 1.100 e R$ 1.900. 
Já para os cargos de técnico de enfermagem, técnico em farmácia, técnico de informática, técnico de raio-x, técnico em manutenção e técnico de saúde bucal, a exigência é de curso técnico. Os ganhos chegam a R$ 2.134,84. 
Nível superior é requisito para os postos de assistente social, biólogo, cirurgião dentista, educador artístico para saúde, educador físico, enfermeiro, fisioterapeuta, fonoaudiólogo, nutricionista, psicólogo, terapeuta ocupacional, médico auditor, médico do trabalho e médico regulador. As remunerações variam de R$ 2.223,26 a R$ 6.878,92. 

Participação no concurso do Cismetro


As inscrições deverão ser realizadas exclusivamente pela internet, através do endereço eletrônico http://orhion.com.br, até o dia 5 de novembro. Os valores da taxa de participação são de R$ 30 para ensino fundamental, R$ 35 para nível médio/técnico e R$ 65 para formação superior. 
Todos os candidatos serão avaliados por meio de prova objetiva de múltipla escolha. O edital de convocação, contendo os locais, horários e dia da prova, será publicado no dia 14 de novembro. 
A etapa final do concurso do Cismetro será o teste prático, exclusivo para o cargo de motorista socorrista.
Continuar lendo

Atualizado: 22/08/2017 - 15:02

Espírito Santo do Turvo/SP: concurso com 13 ofertas

Participação no concurso da Prefeitura Municipal de Espírito Santo do Turvo deverá ser garantida até o dia 4 de setembro. Os salários iniciais chegam a R$ 10,3 mil

Todos os níveis

JC Concursos - Fernando Cezar Alves - Informe o Erro

No interior do Estado de São Paulo, a cerca de 332 km da capital, a Prefeitura Municipal de Espírito Santo do Turvo abriu as inscrições de dois editais de concurso público para provimento de 13 vagas. A seleção ainda contará com formação de cadastro reserva (CR) para futuras oportunidades. 
Para ensino fundamental completo, as ofertas são para as funções de agente comunitário de saúde (1 vaga + CR), agente de combate de endemias (1), agente de serviços gerais (1), operador de máquina pesada (1), operador de  trator (1) e vigilante (1). Os salários iniciais oscilam entre R$ 942 e R$ 1.602. 
Aqueles que têm o ensino médio completo estão aptos às carreiras de agente de organização escolar (1 + CR) e auxiliar de enfermagem (1), cujos respectivos vencimentos são de R$ 942 e R$ 1.237. 
Quem possui nível superior pode concorrer para os cargos de orientador de esportes (1), professor de educação básica - PEB I (CR), assistente social (CR), auxiliar docente (CR), cirurgião dentista (CR), enfermeiro (CR), fisioterapeuta (CR) e médico nas especialidades de clínico geral (1), clínico do PSF (CR), ginecologista (1), pediatra (1) e psiquiatra (1). As remunerações partem de R$ 1.583,96 e chegam a R$ 10.315. 

Processo seletivo da Prefeitura de Espírito Santo do Turvo


As inscrições presenciais deverão ser realizadas até o dia 4 de setembro, no horário das 9h às 11h e das 13h às 16h, na sede da prefeitura, situada na Rua Lino dos Santos, s/n°, Jardim Canaã. Os valores da taxa de participação são de R$ 11 para ensino fundamental e R$ 12 para níveis médio e superior. 
Todos os candidatos executarão prova objetiva na cidade de Espírito Santo do Turvo no dia 8 de outubro. Ela será composta por questões de múltipla escolha sobre as matérias de língua portuguesa, matemática, informática, conhecimentos gerais e/ou conhecimentos específicos.
O concurso da Prefeitura de Espírito Santo do Turvo ainda será constituído das seguintes etapas: teste de aptidão física para os empregos de agente comunitário de saúde, agente de combate de endemias e vigilante; prova prática para operador de máquina pesada, operador de trator e agente de serviços gerais; e análise de títulos para auxiliar docente e PEB I. 

Atribuições dos cargos de nível médio


Agente de organização escolar - organizar e manter atualizados prontuários de documentos de educando, procedendo ao registro e escrituração relativos à vida escolar, especialmente no que se refere à matrícula, frequência e histórico escolar; manter registros relativos a resultados anuais dos processos de avaliação e promoção, incineração de documentos, reuniões administrativas, termos de visita de supervisores pedagógicos e outras autoridades da administração do ensino; manter registros de levantamentos de dados estatísticos e informações educacionais; recebe, registra, distribui e expedem correspondências, processos e papéis em geral que tramitam na Unidade, organizando e mantendo o protocolo e arquivo escolar; organizar e manter atualizados assentamentos dos servidores em exercício na unidade escolar; requisitar, receber e controlar o material de consumo escolar e pedagógico; organizar e manter atualizado o documentário de leis, decretos, regulamentos, resoluções, portarias e comunicados de interesse para a unidade; atender os servidores da escola e os educando, prestando-lhes esclarecimentos relativos à escrituração e legislação; prestar atendimento ao público; executar outras tarefas. 
Auxiliar de enfermagem - executar ações de enfermagem em serviços, tais como: acolhimento, avaliação de enfermagem, verificação de sinais vitais, curativos, nebulização, coleta de material para exames laboratoriais, administração de medicamentos, identificar sinais e sintomas de risco (ao nível de sua qualificação), medidas de controle de infecção. Integrar e auxiliar a equipe de saúde. Zelar pela limpeza e ordem do material, equipamentos e dependências das unidades de saúde. Preencher formulários próprios da unidade de saúde e outros que se fizerem necessário para a realização, cumprimento ou comprovação do serviço. Registrar as ações realizadas em prontuário. Executar atividades de limpeza, desinfecção e esterilização dos materiais e equipamentos. Participar de programas de imunização, aplicação de vacinas, orientação sobre reações, agendamento de doses subsequentes e reforços, controle e manutenção de rede de frio e imunobiológicos, de acordo com as normas vigentes. Entre outras. 
Continuar lendo

Atualizado: 14/08/2017 - 09:27

Será que vale a pena prestar esse concurso?

A dúvida é bastante comum entre os concurseiros, já que são muitos os fatores em jogo, como atribuições, perfil da vaga, localidade, entre outras questões abordadas nesta matéria especial. Confira!

Especial

JC Concursos - Fernando Cezar Alves - Informe o Erro

Prestar um concurso sempre foi uma ótima alternativa para ingressar no mercado de trabalho, já que a carreira em órgãos públicos é mais estável comparada com a iniciativa privada e geralmente oferece boa remuneração. Mesmo assim, é grande a quantidade de concurseiros que ficam receosos na hora de efetuar a inscrição e se questionam: vale a pena prestar esse concurso? Afinal, o candidato precisa avaliar se tem o perfil da vaga, facilidade com as atribuições do cargo e ou se demandará mudança de cidade ou Estado. Pensando nisso, o JC Concursos conversou sobre o tema com professor especialista na área e também um concurseiro para ajudar você a esclarecer esses eternos dilemas na vida dos candidatos. Confira!

Antes de fazer a inscrição, Thállius Moraes, professor e coordenador no AlfaCon Concursos Públicos e Oficial de Justiça Federal, explica que o candidato deve avaliar vários fatores. “Primeiramente, deve ser escolhida uma área que se enquadre nos objetivos traçados, lembrando que se trata de um trabalho e que boa parte da vida será no desempenho do mesmo. Outros pontos como a remuneração e o local de trabalho (se é perto ou longe da família), por exemplo, também são bastante importantes na hora de se fazer o planejamento”.

Ás vezes um concurso é bem remunerado e com boas condições de trabalho, mas a localidade é muito distante. Talvez não seja tão atrativo a longo prazo quanto outro certame que possua um salário menor, porém, fica no local onde o candidato pretende morar. Vale lembrar que esta questão varia muito de cada pessoa. “A dica é manter a mente aberta, pois muitas vezes queremos apenas ficar próximos de casa, mas temos muitos lugares maravilhosos para conhecer e talvez a ‘cidade da vida’ da pessoa ainda esteja para ser descoberta”, incentiva Moraes.

Perfil

Quando perguntado sobre um candidato que pretende concorrer a uma vaga fora do seu perfil profissional, Thállius, responde que em alguns casos, o concurso servirá como um mero treinamento para outra seleção que é realmente almejada. Já em outras situações, se o certame for de um setor que foge muito da área pretendida, essa finalidade fica perdida e a tentativa poderá frustrar o candidato. Um exemplo seria o concurseiro que tem por objetivo uma carreira policial, que é bem específica, ser aprovado em outra área. Nesse caso, a ocupação de um cargo administrativo poderia gerar um servidor insatisfeito e infeliz. “Muitos que buscam apenas um trabalho bem remunerado e estável, sem querer um envolvimento muito grande com o cargo, terminam por se frustrar em algumas atividades de caráter mais intenso, com um contato direto com o público (muitas vezes de maneira não agradável) como nas funções de policial, fiscais em geral ou oficiais de justiça”, explica.

Muitas pessoas se inscrevem em seletivas fora do perfil, mas pensando em passos maiores, conhecidos como “concurso trampolim” ou “concurso escada”. Desta forma, podem complementar os estudos e treinar para outro certame. Este é o caso de Sidnei de Oliveira, morador de Indaiatuba, no interior paulista, que prestou o concurso para o cargo de escrevente do Tribunal de Justiça de São Paulo no último mês de julho. “Fiz a prova por causa das questões sobre direito. Sou estudante da área jurídica e queria testar meus conhecimentos, pois acredito que poderá ajudar para outras vagas”, comenta.

Thállius explica que “os concursos usados como escada fazem parte da vida de pessoas que almejam um cargo cuja preparação demanda um prazo maior, mas enquanto isso precisam de algo para se manter. O ponto positivo é que ao ter uma renda, a pressão no estudo fica um pouco mais aliviada. O ponto negativo é justamente o perigo de se acomodar com essa renda e deixar de batalhar por um cargo mais atrativo, além, é claro, da diminuição do tempo disponível para estudar”. Outra orientação é ficar atento aos postos públicos que pagam pouco e exigem muito no trabalho, a chance de ficar preso em uma situação assim poderá colocar em risco o objetivo final.

Ter familiaridade com a função deve ser levada em consideração? Não necessariamente, explica Moraes. “Varia muito de acordo com a área pretendida. Caso a busca seja por uma atribuição mais tranquila e com boa remuneração, os cargos de natureza administrativa são os mais procurados. Mesmo que sejam em órgãos distintos, as atribuições são semelhantes. Contudo, em algumas áreas que possuem atribuições especiais, são também muito buscadas pelos candidatos, que objetivam a remuneração como algo secundário, pois o real desejo é por determinado cargo em particular”.

Pouco tempo

Candidatos com pouco tempo para estudar devem direcionar a preparação de maneira produtiva. “Fazer questões anteriores, simulados e resumos são algumas das ferramentas que irão auxiliar nessa preparação. Com o tempo mais escasso, deve-se priorizar sempre as matérias mais cobradas e os pontos mais importantes, mas essa estratégia também varia um pouco de acordo com a banca e o cargo desejado”, afirma Thállius.

Sidnei acrescenta que sua conduta é sempre a mesma, independente do concurso. “Preciso focar minha atenção na prova e estudar o que for preciso. Posso não ter interesse no cargo, mas se relaxar, não será proveitoso. Se não levar a sério, corro o risco de apenas perder tempo e dinheiro”, diz.

Outro ponto a ser observado é sobre dificuldade com uma ou mais disciplinas do conteúdo programático, fato que geralmente desanima o candidato. Um bom planejamento pode ajudar a encarar esse desafio, contudo, vale ressaltar que raramente alguém tem sintonia com todas as matérias do edital, afinal, é comum uns sentirem mais dificuldades em língua portuguesa, outros em matemática, alguns em determinadas matérias de direito e assim por diante. “A dica é pensar na disciplina como um simples meio para se alcançar um fim. Não precisa gostar, basta apenas aprender a responder a questão”, orienta Moraes. Muitas vezes o bloqueio com determinado tema é criado pelo próprio candidato. “Pensar de forma positiva, esforçar-se mais e manter-se sempre estudando, mesmo que em alguns momentos o resultado pareça não chegar, é fundamental”, complementa o professor do AlfaCon Concursos.

Vale a pena?

Para o indaiatubano Sidnei, de 27 anos, conhecer o cargo e suas atribuições pode incentivar, mas independentemente dessa identificação, o que muitas vezes faz a diferença é o aprendizado. “Acredito que vale muito a pena tentar! Sinto que saio mais fortalecido a cada concurso que tento a sorte. Na dúvida, sempre opto por fazer a prova. Como meu objetivo é maior, acho que é interessante pela preparação. Isso é muito válido”, conta.  

Ainda sobre motivação, Thállius dá a dica. “O estudo é na maior parte do tempo frustrante, cansativo e solitário, por isso tantos desistem no meio do caminho. O importante é aprender com os erros, ter em mente que desistir não é uma opção e manter sempre uma postura positiva. Pode demorar um pouco, pode ser difícil e exaustivo, mas aqueles que não desistem conseguem chegar lá”, finaliza.

Continuar lendo

Atualizado: 02/05/2017 - 14:36

Governo/SP: Estado tem carência de 287 mil servidores

De acordo com levantamento, divulgado no último dia 29 de abril, maiores necessidades são em áreas consideradas essenciais, como educação, saúde e segurança

Em diversas áreas

JC Concursos - Fernando Cezar Alves - Informe o Erro

O governo do Estado de São Paulo fechou o ano de 2016 com uma carência de nada menos do que 287.124 servidores em seu quadro de pessoal, que precisam ser preenchidos por meio de concursos públicos, de acordo com levantamento anual, divulgado no último dia 29 de abril. O total representa 1.551 vagas em aberto a mais que o levantamento anterior, anunciado em 30 de abril de 2016, quando foram registrados 285.573 cargos vagos. É importante lembrar que o levantamento é realizado com base até o dia 31 de dezembro de 2016. Desta forma, já pode contar com algumas alterações, de acordo com nomeações, afastamentos, aposentadorias e exonerações ocorridas nos primeiros meses de 2017.

Como normalmente ocorre, as áreas com maior defasagem de pessoal são, respectivamente, as de educação, saúde e segurança. No caso da educação, o Estado conta com uma necessidade de nada menos do que 148.947 servidores, sendo 118.681 somente para a própria Secretaria Estadual de Educação. O total representa um aumento de 2.054 vagas em aberto em relação ao levantamento anterior, que contava com uma carência de 146.893 servidores.

Além da própria Secretaria de Educação, outros órgãos com grande carência de pessoal são o Centro Estadual de Educação Tecnológica Paula Sousa (Ceeteps), com necessidade de 12.125 servidores; e as Faculdades de Medicina de Marília (300) e São José do Rio Preto (606), além da Universidade de São Paulo (14.640), Universidade Estadual de Campinas (2.441) e a Fundação para o Desenvolvimento da Educação, com 257.

Na área de saúde, segunda com maior necessidade de pessoal, o governo estadual conta com uma necessidade de 66.426 servidores, quantitativo que se manteve praticamente o mesmo do levantamento anterior, divulgado em 2016, que apresentava 66.470 vagas em aberto. Desse total, 55.913 são somente para a própria Secretaria Estadual de Saúde, para carreiras como técnico de enfermagem (15.858 vagas em aberto), auxiliar de saúde (11.233) e médico I, com 8.890 cargos vagos.

Além da própria Secretaria de Saúde, a Superintendência de Controle de Endemias apresenta uma necessidade funcional de 1.162 funcionários, enquanto o Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de São Paulo tem uma defasagem de 1.852. Já em outros hospitais universitários, o Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto precisa de 1.698 servidores, enquanto a de Botucatu apresenta defasagem de 563 e a da Marília, 3.703.

A terceira maior área com necessidade de servidores é a de segurança. A carência de pessoal é de 33.100 funcionários públicos, número ligeiramente mais elevado que o levantamento de 2016, que contava com 30.725. A própria Secretaria Estadual de Segurança Pública conta com uma defasagem de 14.133 servidores, enquanto a Polícia Militar (PM) apresenta 6.358 postos vagos. Já a Secretaria Estadual de Administração Penitenciária (SAP), que conta com novo concurso iminente, registra 12.418 vagas em aberto.

Por fim, nas empresas públicas, entre os órgãos com grande necessidade de contratações se destaca a Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo, a Sabesp, que apresenta um total de 4.723 vagas em aberto.

Além disso, a Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM), que também conta com novo concurso público já engatilhado, apresenta uma defasagem em seu quadro de pessoal de 610 funcionários.
Continuar lendo

Atualizado: 17/04/2017 - 16:03

Forças Armadas: 17 concursos sairão ainda este ano

Aeronáutica, Exército e Marinha se programam para lançar editais de concurso com várias carreiras até agosto. As provas acontecerão em todo o país

Diversos níveis

JC Concursos - Fernando Cezar Alves - Informe o Erro

As Forças Armadas do Brasil, compostas pela Aeronáutica, Exército e Marinha, divulgaram o cronograma contendo as datas para a realização dos seus próximos concursos públicos. Serão oportunidades para ambos os sexos e com provas de conhecimentos a serem realizadas em todo o país. Confira mais detalhes a seguir!

Concursos da Aeronáutica


Os programas de ingresso que ainda deverão ser abertos em 2017 são os seguintes: Curso de Adaptação de Médicos da Aeronáutica (Camar), Curso de Formação de Sargentos da Aeronáutica (CFS) e Curso Preparatório de Cadetes do Ar (CPCAR).
A estimativa é de que os novos editais saiam entre maio e agosto. Os processos de triagem constarão de exame de escolaridade, inspeção de saúde, exame de aptidão psicológica, prova prático-oral, teste de avaliação do condicionamento físico e/ou validação documental, de acordo com o programa aberto. 

Concursos do Exército


As seleções confirmadas para o Exército são as seguintes: EsSA - Combatentes/Aviação (Escola de Sargento das Armas), EsSLog (Escola de Sargentos de Logística), EsSLog - Saúde e Músico, EsFCEx (Escola de Formação Complementar do Exército), EsFCEx - Capelão, IME (Instituto Militar de Engenharia) e EsSEx (Escola de Saúde do Exército).
Pelo cronograma, em abril sairá o concurso EsPCEx; em maio, EsSA - Combatentes/Aviação, EsSLog e EsSLog - Saúde e Músico; em junho, EsFCEx, EsFCEx - Capelão e IME; e em julho, o da EsSEx.O número de vagas que serão oferecidas não foi revelado, mas levando em consideração os anos anteriores, as seleções devem somar mais de 1.000 ofertas.
As provas são sempre parecidas e uma dica é conferir os conteúdos programáticos dos certames anteriores. Fora os testes objetivos, os processos seletivos costumam apresentar comprovação de requisitos, inspeção de saúde, aptidão física e/ou exame de habilitação musical.

Concursos da Marinha


As oportunidades serão para candidatos que estão nos níveis médio, técnico e superior.
Em maio, durante a primeira quinzena, a Marinha divulgará os concursos para o quadro complementar da armada, quadro complementar de intendentes, quadro de apoio à saúde, quadro de médicos e quadro de cirurgiões-dentistas.
No decorrer da segunda quinzena de julho está previsto o processo seletivo para o corpo auxiliar de praças.
Tais seleções ocorrem anualmente e, juntas, somam centenas de vagas. As provas costumam ser aplicadas em todo o país, enquanto o curso de formação ocorre no Rio de Janeiro.

Mais detalhes dos concursos das Forças Armadas


Os concursos das Forças Armadas sempre estipulam uma idade específica para participar, que costuma ser de no máximo 36 anos em alguns casos. Cada edital mostrará as exigências específicas para as carreiras contempladas.
Continuar lendo

Shopping