Todos os níveis

Conceição do Pará MG oferece 56 vagas em diversos cargos

Concurso conta com oportunidades para diversas carreiras, com remunerações iniciais de até R$ 8,1 mil

0,00(0.0%)0 voto(s)

Fernando Cezar Alves
Publicado em 25/06/2018, às 12h59

A Prefeitura de Conceição do Pará, em Minas Gerais, realiza concurso público para o preenchimento de 56 vagas em seu quadro de pessoal, sendo cinco para cargos com exigência de alfabetização, 11 para ensino fundamental, 13 para ensino médio e 27 para nível superior. As remunerações iniciais variam de R$ 937 a R$ 8.151,43, com jornadas de trabalho de 20 a 40 horas semanais. O atendimento será feito no período de 27 de agosto a 26 de setembro.

Alfabetização
Quem possui alfabetização poderá concorrer aos cargos de auxiliar de serviços (1 vagas, com inicial de R$ 937, para 40horas semanais), meio oficial (1, R$ 1.000,17, 40 horas), oficial (1, R$ 1.126,77, 40 horas) e operário (2, R$ 937, 40 horas).

Ensino Fundamental
Para ensino fundamental: auxiliar de administração (1, R$ 1.367,37, 30 horas), mestre de obras (1, R$ 2.054,08, 40 horas), motorista (4, com carteira de habilitação “D”, R$ 1.478,92, 40 horas),  operador de máquinas (1, com carteira de habilitação “C”, R$ 2.054,07, 40 horas),  ronda (1, com carteira de habilitação “B” e curso de vigilante, R$ 1.367,37, 40 horas) e servente escolar (3, R$ 937, 30 horas).

Ensino Médio
Para ensino médio: agente de saúde (1, com registro no conselho, R$ 1.126,79, 30 horas), assistente de administração (1, R$ 2.420,32, 30horas), auxiliar de biblioteca (1, R$ 937,30 horas), auxiliar de enfermagem (1, com registro no conselho, R$ 1.478,92, 30 horas), auxiliar de enfermagem II (2, com registro no conselho, R$ 1.775,55, 40 horas), auxiliar em saúde bucal (1, com registro no conselho, R$ 961,73, 40 horas), fiscal de obras, serviços e posturas (1, R$ 1.367,37, 30 horas), fiscal de rendas (1, R$ 1.367,37, 30horas) fiscal de vigilância sanitária (1, R$ 1.367,37, 30 horas), oficial de administração (1, R$ 1.848,64, 40 horas), técnico de higiene dental (1, com registro no conselho, R$ 1.367,37, 30horas) e técnico em saúde bucal (1, com registro no conselho, R$ 1.709,15, 40 horas).   

Nível Superior
Para nível superior: assistente social (1, com registro no conselho, R$ 2.136,25, 30 horas), coordenador administrativo (1, com registro no conselho, R$ 2.420,32, R$ 40 horas), enfermeiro padrão ( 2, com registro no conselho, R$ 4.561,48, 40horas), especialista em educação – auxiliar pedagógico (1, com licenciatura plena e dois anos de docência, R$ 1.848,62, 25 horas), especialista em educação – coordenador pedagógico (1, com licenciatura plena e dois anos de docência, R$ 2.327,27, 25 horas), fonoaudiólogo (1, com registro no conselho, R$ 2.136,25, 30 horas), médico cardiologista (1, com registro no conselho, R$ 4.066,27, 20 horas), médico psiquiatra (1, com registro no conselho, R$ 4.066,27, 20 horas), médico II (2, com registro no conselho, R$ 8.151,53), odontólogo (1, com registro no conselho, R$ 4.743,96, 40horas), professor de educação básica PEB I (4, com licenciatura plena ou normal superior, R$ 1.490,53, 25 horas), professor de educação básica II – arte (1, formação específica, R$ 16,52 hora/aula), professor de educação básica II – ciências da natureza (1, formação específica, R$ 16,52 por hora/aula), professor de educação básica PEB II – educação física (1, formação específica, R$ 16,52 hora/aula), professor de educação básica PEB II – ensino religioso (1, com formação específica, R$ 16,52 hora/aula), professor de educação básica PEB II – geografia (1, R$ 16,52 hora aula), professor de educação básica PEB II – história (1, com formação específica, R$ 16,62 hora aula), professor de educação básica PEB II – língua estrangeira moderna (1, R$ 16,52 hora aula), professor de educação básica PEB II – língua portuguesa (1, R$ 16,62 hora aula), professor de educação básica PEB II – matemática (1, formação específica, R$ 16,52, hora aula), psicólogo I (1, registro no conselho, R$ 2.136,25, 20 horas) e psicólogo II (1, com registro no conselho, R$ 3.211,67, 30horas).


As inscrições poderão ser feitas pela internet, na página eletrônica da organizadora, que é a Exame Consultores, que é www.exameconsultores.com.br.


Quem não possui computador poderá comparecer pessoalmente, na prefeitura, na Praça Januário Valério, 206, das 7 às 12 e das 13 às 17 horas, munido de original da cédula de identidade e CPF.


Também serão aceitas por procuração, desde que apresentado o respectivo instrumento de procuração, junto com os documentos de identidade do candidato.   


As taxas serão de R$ 50 para cargos de alfabetização, ensino fundamental e nível médio e R$ 100 para nível superior.


Quem deixar a inscrição para o último dia poderá efetuar o pagamento da taxa até 27 de setembro.


A aplicação das provas está marcada para ocorrer em 21 de outubro.


As contratações serão feitas pelo regime estatutário, durante o prazo de validade do concurso, que será de dois anos, podendo ser prorrogado uma vez, pelo mesmo período.
 

Sobre Prefeitura Conceição do Pará

O Brasil conta, hoje, com 5.570 prefeituras espalhadas por municípios dos 26 Estados do país, além do Distrito Federal. Os municípios são uma circunscrição territorial dotada de personalidade jurídica e com certa autonomia administrativa, sendo as menores unidades autônomas da Federação. Uma prefeitura é a sede do poder executivo do município (semelhante à câmara municipal, em Portugal). Esta é comandada por um prefeito (nas cidades brasileiras e por um presidente de câmara nos municípios portugueses) e dividida em secretarias de governo, como educação, saúde ou meio ambiente. O termo prefeitura também pode designar o prédio onde está instalada a sede do governo municipal, também chamado de paço municipal onde geralmente se localiza o gabinete do prefeito. A instituição da prefeitura de seu encarregado maior, o "prefeito", é algo relativamente novo na história do Brasil. O poder hoje exercido pela prefeitura foi anteriormente exercido pela câmara municipal, pelo conselho de intendência e pela intendência municipal. As prefeituras são órgãos independentes, que não precisam de autorização por parte das administrações federal ou estaduais para realizarem seus concursos públicos, seja para preenchimento na própria sede ou em secretarias vinculadas à ela.

Comentários

Mais Lidas