MenuJC Concursos
Busca
Notícias | | Aulas Grátis | Provas anteriores | Simulados | Empregos | Brasil
Tudo Sobre

Concurso Ministério da Economia 2022 - Temporários

Concurso Ministério da Economia está temporariamente suspenso; entenda

O concurso Ministério da Economia reúne 2.130 vagas temporárias, para cargos de níveis médio e superior. Salários até R$ 6,1 mil



Patricia Lavezzo | redacao@jcconcursos.com.br
Publicado em 17/01/2022, às 09h41 - Atualizado às 09h49

Concurso Ministério da Economia
Concurso Ministério da Economia - Divulgação
WhatsAppFacebookTwitterLinkedinGmail

O concurso Ministério da Economia está temporariamente suspenso. De acordo com comunicado publicado no site do Idib, organizador da seleção, a suspensão temporária foi determinada pelo próprio Ministério da Economia, por motivo de interesse público.

Os candidatos devem continuar acompanhando as informações sobre o certame através da publicação de aditivos e/ou editais por meio do site do IDIB.

O edital do concurso Ministério da Economia reúne 2.130 vagas, para contratos em caráter temporário, sendo 300 ofertas para preenchimento imediato e 1.830 para formar cadastro reserva.

As contratações serão para atuar na execução de atividades relativas à centralização dos serviços de inativos e pensionistas dos órgãos da administração pública federal direta, autárquica e fundacional e nos processos de compensação previdenciária entre regimes de previdência e atividades de natureza administrativa, no âmbito do Departamento de Centralização de Inativos, Pensionistas e Órgãos Extintos - DECIPEX do Ministério da Economia.

Ofertas do concurso Ministério da Economia

A função de técnico em atividades previdenciárias e de apoio (115 vagas imediatas + 690 CR) pode ser disputada por candidatos com ensino médio.

Profissionais graduados em qualquer área têm opções como analista de negócio (40 + 270 CR) e analista técnico de demandas previdenciárias, judiciais e de controle (145 + 870 CR).

Os salários são de R$ 1.700 (técnico), R$ 3.800 (analista técnico) e R$ 6.130 (analista de negócios). Para todas as carreiras, a jornada semanal é de 40 horas semanais.

O contrato de trabalho terá duração de um ano, podendo ser prorrogado por até cinco anos. A lotação dos aprovados será em Brasília, no Distrito Federal.

Concurso Ministério da Economia: provas

Todos os inscritos no concurso Ministério da Economia serão avaliados por meio de prova objetiva, de caráter eliminatório e classificatório. A prova contará com 60 questões, distribuídas da seguinte forma:

  • língua portuguesa (15 questões);
  • ética na administração pública e legislação (5);
  • noções de informática (10);
  • conhecimentos específicos (30).

As disciplinas de língua portuguesa, ética e informática terão peso um, enquanto conhecimentos específicos contará com peso dois.

Somente para os cargos de analista de negócios a seleção também contará com análise de títulos, com limite de dez pontos para a classificação final.

+ O JC Concursos disponibiliza mais detalhes sobre o edital, como atribuições, conteúdo programático e cronograma, na página do concurso Ministério da Economia.

Siga o JC Concursos no Google News e acompanhe nossos destaques

+ Resumo do Concurso Ministério da Economia 2022 - Temporários

Ministério da Economia
Vagas: 2130
Taxa de inscrição: De R$ 54,00 Até R$ 64,00
Cargos: Técnico, Analista
Áreas de Atuação: Administrativa
Escolaridade: Ensino Médio, Ensino Superior
Faixa de salário: De R$ 1700,00 Até R$ 6130,00
Organizadora: Idib
Estados com Vagas: DF
Cidades: Brasília - DF

+ Agenda do Concurso

10/01/2022 Abertura das inscrições Adicionar no Google Agenda
10/01/2022 Encerramento das inscrições Adicionar no Google Agenda
concursos publicosconcursos df (distrito federal)concursos 2022provas anteriores

Comentários

Voltar ao topo

+Mais Lidas

JC Concursos, o seu Jornal dos Concursos de sempre. Imparcial, independente, completo.