Tudo Sobre

Concurso MP AP 2021

Concurso MP AP: assinado contrato com banca e edital já pode ser publicado

O novo concurso MP AM (Ministério Público do Amapá) deverá contar com vagas para técnicos, analistas e promotores, com iniciais de até R$ 20 mil



Fernando Cezar Alves | fernando@jcconcursos.com.br
Publicado em 04/12/2020, às 09h42 - Atualizado às 14h56

Concurso MP AP: sede do MP AP
Concurso MP AP: sede do MP AP - Google Maps

Boa notícia para quem pretende participar do próximo  concurso MP AP (Ministério Público do Estado do Amapá). Acontece que foi publicada, em diário oficial, na última quinta-feira, 3 de dezembro, a assinatura do contrato com a banca organizadora, que será o Cebraspe. De acordo com informações divulgadas pelo órgão, a publicação do edital de abertura de inscrições está prevista para ocorrer ainda neste mês. Os interessados devem ficar atentos.

Porém, além da assinatura do contrato, o documento também indica uma diminuição da oferta de vagas. Inicialmente, a expectativa era de 31 postos, sendo 6 de técnico ministerial na área administrativa, que pede apenas ensino médio para ingresso, 10 para analista ministerial na área de direito e 15 para promotor substituto, ambos com exigência de formação de nível superior na área de direito. No entanto, agora está confirmado que a oferta será de 19 oportunidades, sendo mantidas as 6 de técnico ministerial. No caso de analista, a oferta cai de 10 para 4 e para promotor, de 15 para 9. Também foram alteradas as áreas de atuação de analista ministerial, que serão para assistente social, psicólogo e área de tecnologia da informação. Apesar da diminiuição da oferta inicial, os cargos também serão destinados a formar cadastro reserva de pessoal, o que pode garantir mais convocações durante o prazo de validade.

Para promotor é necessário possuir três anos de prática jurídica e registro na Ordem dos Advogados do Brasil (OAB). As remunerações iniciais são de R$ 4.236,37 para técnicos, R$ 5.766,21 para analistas e R$ 20.677,84 para promotores. 

Embora a intenção seja publicar o edital ainda em dezembro, somente a comissão para promotor foi oficialmente divulgada. O grupo é presidido pela procuradora-geral de justiça do estado, Ivana Lúcia Franco Cei, tendo como suplente o procurador de justiça Jair José de Gouvea Quintas. Também fazem parte do grupo os procuradores Nicolau Eládio Bassalo Crispino e Estela Maria Pinheiro do Nascimento Sá, tendo como suplentes Maricélia Campelo  de Assunção e Joel Sousa das Chagas, bem como os promotores Ricardo José Ferreira e Vinicíus Mendonça Carvalho, tendo como suplentes Alcino Oliveira de Moraes e Jorge Luis Canezin. Representando a OAB-AP, o grupo conta com a advogada Virgínia Rufino Borges Agra, tendo como suplente Mauro Dias da Silva Júnior

Concurso MP AP:  veja a publicação oficial

Ministério Público
EXTRATO DO CONTRATO Nº 048/2020/MP-AP
OBJETO DO CONTRATO: A contratação de instituição
especializada na prestação de serviços técnicos, com
vistas à organização e realização de 2 (dois) Concursos
Públicos, um para provimento de 9 (nove) vagas no cargo
de Promotor de Justiça Substituto e outro para provimento
de 6 (seis) vagas para o cargo de Técnico Administrativo
– área administrativa – e de 4 (quatro) vagas para o cargo
de Analista Ministerial – Assistente Social, Psicólogo e
Tecnologia da Informação – ambos do quadro geral de
pessoal do Ministério Público do Estado do Amapá.

Concurso MP AP: saiba como foi a última seleção

O último concurso MP AP para técnicos e analistas ocorreu em 2012. Na ocasião, a oferta foi de 40 vagas, sendo 10 para o cargo de nível médio e 30 analistas. A banca organizadora, na ocasião, foi a Fundação Carlos Chagas

Para técnico, a prova objetiva contou com 50 questões, sendo 20 de conhecimentos gerais, com peso 1, e 30 de conhecimentos específicos, com peso 2. Em conhecimentos gerais foram abordados temas sobre língua portuguesa, matemática e raciocínio lógico.

As vagas de técnico foram para as áreas de motorista, informática e auxiliar administrativo, enquanto as de analistas foram para administração, arquitetura, biblioteconomia, ciências contábeis, direito, economia, engenharia civil, psicologia,  serviço social e tecnologia da informação.  

Para analistas foram 60, sendo 20 de conhecimentos gerais, com peso 1, e 40 de conhecimentos específicos, com peso 3. Conhecimentos gerais versou sobre língua portuguesa e legislação vinculada ao MP AP.

No caso de promotor o último concurso também ocorreu em 2012, com oferta de 10 vagas. A banca também foi a Fundação Carlos Chagas. A seleção contou com prova objetiva, duas provas dissertativas, avaliação oral, prova de tribuna e análise de títulos

A parte objetiva contou com 100 questões, sendo 10 de direito constitucional e direito tributário, 10 de direito administrativo, 10 de direito penal, 10 de direito processual penal, 10 de direito civil, 10 de direito processual civil, 6 de direito eleitoral, 8 de direito da criança e do adolescente, 8 de direito ambiental, 8 de legislação do Ministério Público  e 10 de língua portuguesa.

 

+ Resumo do Concurso MP AP 2021

MP AP - Ministério Público do Amapá
Vagas: 19
Taxa de inscrição: De R$ 84,00 Até R$ 160,00
Cargos: Técnico, Analista, Promotor
Áreas de Atuação: Judiciária / Jurídica, Administrativa
Escolaridade: Ensino Médio, Ensino Superior
Faixa de salário: De R$ 5957,00 Até R$ 30404,42
Organizadora: Cebraspe
Estados com Vagas: AP

+ Agenda do Concurso

07/04/2021 Abertura das inscrições Adicionar no Google Agenda
19/05/2021 Encerramento das inscrições Adicionar no Google Agenda
01/08/2021 Prova Adicionar no Google Agenda
08/08/2021 Prova Adicionar no Google Agenda
concursosconcursos ap (amapá)concursos 2022provas anteriores

Comentários

Mais Lidas