MenuJC Concursos
Busca
Últimas Notícias | | Empregos | Sociedade | youtube jc | WEBSTORIES

Concurso PC SP "será feito com a maior celeridade", anuncia secretário Guilherme Derrite

Concurso PC SP (Polícia Civil do Estado de São Paulo contará com 3.500 vagas para cargos de nível superior, até R$ 15,2 mil

Concurso PC SP "será feito com a maior celeridade", anuncia secretário  Guilherme Derrite
Concurso PC SP: secretário de Segurança Pública Guilherme Derrite: wikipedia
Fernando Cezar Alves

Fernando Cezar Alves

fernando@jcconcursos.com.br

Publicado em 20/06/2023, às 09h47 - Atualizado às 14h25

WhatsAppFacebookTwitterLinkedinGmailGoogle News

A realização do novo concurso PC SP (Polícia Civil do Estado de São Paulo) "deve ser  feita com a maior celeridade". A confirmação é do secretário de segurança pública do Estado de São Paulo, Guilherme Derrite, em declaração feita na última segunda-feira, 19 de junho, para o jornal Gazeta do Povo. "Temos 2.900 vagas do concurso que está em andamento e autorizadas mais 3.500. A diferença é que para as vagas que estamos abrindo agora vamos dar uma celeridade muito maior do que os editais anteriores. Ainda em 2024, esses 2.900 mais os 3.500 vão estar juntos. Estamos falando de 6.400 policiais, reduzindo em grande parte o percentual de defasagem da Polícia Civil”,   

De acordo com o secretário, a expectativa é de que dentro de um prazo de 13 meses os novos servidores já estejam atuando. Atualmente, a corporação conta com um deficit de 33% do quadro de policiais civis, que é considerado o maior da história. 

Neste sentido, o governador Tarcísio de Freitas já anunciou que busca atingir, em seu mandato, um total de 30 mil policiais, com o objetivo de sanar a defasagem.

Concurso PC SP: editais para 3.500 vagas até 31 de julho

O novo concurso PC SPdeve ter seus editais de abertura de inscrições publicados até o dia 31 de julho, de acordo com declaração feita no último dia 13, pelo diretor-geral da corporação, Arthur José Dian, em entrevista ao programa "Pânico", da Jovem Pan.

Ao todo serão oferecidas 3.500 vagas, em diversos cargos, todos com exigência de nível superior, distribuídas da seguinte forma:

  • escrivão de polícia - 1.333 vagas
  • investigador de polícia - 1.225
  • delegado de polícia - 552
  • médico legista - 116
  • perito criminal - 249

Para todos os cargos, além de nível superior, é necessário possuir carteira de habilitação a partir da categoria "B".

Com o atual reajuste de 20% sancionado pelo governador Tarcísio, para os cargos de investigador e escrivão, o inicial deve passar a ser de R$ 6.665,35 considerando o salário básico de R$ 2.939,84, RETP de R$ 2.939,84 e limite de R$ 785,67 do adicional de insalubridade.

Para legista e perito criminal, o inicial deve passar para R$ 13.740,07, considerando o salário básico de R$ 6.477,20 , RETP de R$ 6.477,20 e os R$ 785,67 de insalubridade.

Por fim, para delegado, o inicial passa para R$ 15.283,39, considerando o salário básico de R$ 5.943,87, RETP de R$ 5.943,87, adicional de direção de atividade policial de R$ 2.609,98 e limite de R$ 785,67 do adicional de insalubridade.

A banca organizadora já está definida e será a Fundação Vunesp. A assinatura do contrato deve ser divulgada no decorrer dos próximos dias.

Saiba como foi a última seleção

O último concurso PC SP ainda está em andamento. Teve início em 2022, com 2.939 vagas, também para cargos com exigência de nível superior. A banca organizadora, na ocasião, foi a Fundação Vunesp.

A distribuição de vagas foi a seguinte:

  • escrivão de polícia - 1.600 vagas
  • investigador de polícia - 900 vagas
  • delegado - 250 vagas
  • médico legista - 189 vagas

Para investigador e escrivão, a prova objetiva foi composta de 80 questões, da seguinte forma:

Investigador

Módulo 1:

  • Língua Portuguesa: 15 (quinze) questões;
  • Noções de Direito: 15 (quinze) questões;
  • Noções de Criminologia: 10 (dez) questões;

Módulo 2:

  • Noções de Informática: 20 (vinte) questões;
  • Noções de Lógica: 20 (vinte) questões.

Para escrivão:

Módulo 1:

  • Língua Portuguesa: 24 (vinte e quatro) questões;
  • Noções de Lógica: 16 (dezesseis) questões;

Módulo 2:

  • Noções de Direito e de Criminologia: 20 (vinte questões);
  • Noções de Informática: 20 (vinte) questões

Já a prova escrita avaliou o domínio do conhecimento do conteúdo das disciplinas e da norma culta, bem como o desenvolvimento dos temas na estrutura proposta, a adequação da linguagem, a articulação do raciocínio lógico e a capacidade de argumentação e constituída por quatro questões discursivas, abrangendo disciplinas objeto do programa

No caso de investigador:

  • Língua Portuguesa - 01 (uma) questão;
  • Noções de Direito - 02 (duas) questões;
  • Noções de Criminologia - 01 (uma) questão

Para escrivão:

  • Língua Portuguesa - 2 (duas) questões;
  • Noções de Direito e de Criminologia – 2 (duas) questões;

Para delegado:

No caso de delegado, a prova objetiva contou com 100 questões, da seguinte forma:

Módulos - Disciplina - Quantidade de Questões

  • Módulo I - Direito Penal - 14
  • Módulo II - Direito Processual Penal - 14
  • Módulo III - Legislação Especial - 14
  • Módulo IV - Direito Constitucional - 14
  • Módulo V - Direitos Humanos - 14
  • Módulo VI - Direito Administrativo - 14
  • Módulo VII - Medicina Legal - 4
  • - Direito Civil - 4
  • - Noções de Criminologia - 4
  • - Noções de Informática - 4
  • Total - 100

A prova escrita avaliou o domínio do conhecimento jurídico, do conteúdo das disciplinas deste edital e da norma culta, bem como o desenvolvimento dos temas na estrutura
proposta, a adequação da linguagem, a articulação do raciocínio lógico e a capacidade de argumentação e será constituída por 1 (uma) dissertação e 4 (quatro) questões discursivas, sobre as seguintes disciplinas:

  • Direito Penal;
  • Legislação Especial;
  • Direito Processual Penal;
  • Direito Constitucional;
  • Direitos Humanos;
  • Direito Administrativo

Para médico legista:

No caso de legista, a prova objetiva contou com 80 questões, da seguinte forma:

  • MÓDULO I - 48 QUESTÕES - Medicina Legal e Criminalística - 48
  • MÓDULO II - 32 QUESTÕES - Língua Portuguesa - 08
  • - Noções de Criminologia - 08
  • - Noções de Direito - 08
  • - Noções de Informática - 04
  • - Noções de Lógica - 04
  • TOTAL - 80

A prova escrita avaliou o domínio do conhecimento do conteúdo das disciplinas deste edital e da norma culta, bem como o desenvolvimento dos temas na estrutura proposta, a adequação da linguagem, a articulação do raciocínio lógico e a capacidade de argumentação e será constituída por 4 (quatro) questões discursivas, da seguinte forma:

  • Medicina Legal e Criminalística: 02 (duas) questões;
  • Língua Portuguesa: 01 (uma) questão;
  • Noções de Criminologia: 01(uma) questão

O último concurso PC SP para o cargo de perito criminal ocorreu em 2013, quando foram oferecidas 447 vagas. A banca organizadora, na ocasião, foi a Fundação Vunesp.

Na ocasião, a oferta foi para pessoas com bacharelado nas seguintes áreas:

  • Análise de Sistemas,
  • Arquitetura e Urbanismo,
  • Biologia,
  • Biomedicina,
  • Biotecnologia,
  • Ciências da Computação,
  • Ciências Físicas e Biomoleculares,
  • Ciências Moleculares,
  • Contabilidade,
  • Direito,
  • Enfermagem,
  • Engenharia,
  • Estatística,
  • Farmácia,
  • Farmácia e
  • Bioquímica,
  • Física,
  • Fonoaudiologia,
  • Geografia,
  • Geologia,
  • Informática,
  • Matemática,
  • Medicina,
  • Medicina Veterinária,
  • Museologia,
  • Nutrição,
  • Odontologia,
  • Química,
  • Sistemas de Informação e
  • Tecnologia da Informação.

A seleção foi composta de cinco etapas, da seguinte forma:

  • prova preambular, de caráter eliminatório e classificatório, constituída de questões objetivas, consistentes em testes de múltipla escolha
  • prova de aptidão psicológica
  • prova de aptidão física, de caráter unicamente eliminatório, pela Academia de Polícia “Dr. Coriolano Nogueira Cobra”.
  • comprovação de idoneidade e conduta escorreita, mediante investigação social, de caráter unicamente eliminatório, de responsabilidade da Academia de Polícia “Dr.
    Coriolano Nogueira Cobra”.
  • prova de títulos, de caráter unicamente classificatório,pela Academia
    de Polícia “Dr. Coriolano Nogueira Cobra”.

A prova objetiva contou com 100 questões, distribuídas da seguinte forma:

  • Língua Portuguesa - 14 questões
  • Noções de Direito - 8
  • Noções de Criminologia - 4
  • Noções de Criminalística - 5
  • Noções de Medicina Legal - 5
  • Conhecimentos em Lógica - 7
  • Conhecimentos em Informática - 7
  • Biologia - 10
  • Física - 10
  • Química - 10
  • Matemática - 10
  • Contabilidade 10

Siga o JC Concursos no Google News

Sobre Vunesp

Criada em 1979, a Fundação para o Vestibular da Universidade Estadual Paulista (Vunesp) possui personalidade jurídica de direito privado, sem fins lucrativos. A banca tem como principais atividades: planejar, organizar, executar e supervisionar o  vestibular da Unesp; realizar vestibulares e concursos diversos para outras instituições e promover as atividades de pesquisa e extensão de serviços à comunidade, na área educacional.

+ Resumo do Concurso PC SP 2023

PC SP - Polícia Civil de São Paulo
Vagas: 3500
Taxa de inscrição: De R$ 113,06
Cargos: Delegado, Investigador, Escrivão
Áreas de Atuação: Segurança Pública
Escolaridade: Ensino Superior
Faixa de salário: De R$ 5879,68 Até R$ 15037,99
Organizadora: Vunesp
Estados com Vagas: SP

+ Agenda do Concurso

11/09/2023 Abertura das inscrições Adicionar no Google Agenda
10/10/2023 Encerramento das inscrições Adicionar no Google Agenda
26/11/2023 Prova Adicionar no Google Agenda
03/12/2023 Prova Adicionar no Google Agenda
concursosconcursos 2024concursos sp (são paulo)provas anteriores

JC Concursos - Jornal dos Concursos. Imparcial, independente, completo.