Termina hoje prazo para 410 vagas no concurso da SEE/AC

Concurso da SEE/AC selecionará 410 bolsistas alfabetizadores para atuação no programa Quero Ler. Presenciais, inscrições são gratuitas

JC Concursos - Samuel Peressin - Informe o Erro
Publicado: 20/04/2018 - 09:02 | Atualizado: 20/04/2018 - 09:02

Terminam nesta sexta-feira (20) as inscrições do processo seletivo da Secretaria de Estado de Educação e Esporte do Acre (SEE/AC) para concessão de 410 bolsas para alfabetizadores do programa Quero Ler.

Os contratados atuarão na alfabetização de jovens e adultos, dedicando 15 horas semanais para interação direta com os alunos e oito horas mensais para planejamento didático e pedagógico. O valor da bolsa é de R$ 800.

As oportunidades em disputa no concurso da SEE/AC estão distribuídas entre as zonas rural e urbana de três municípios: Cruzeiro do Sul (100 postos), Rio Branco (210) e Sena Madureira (100).

Para participar, os interessados devem possuir escolaridade a partir de nível médio, além de formar uma turma para alfabetizar e providenciar o espaço para realização das aulas. O número mínimo de estudantes para classes rurais e urbanas é de 10 e 15 alunos, respectivamente.

Concurso SEE/AC: inscrições e seleção

Presenciais e gratuitas, as candidaturas podem ser registradas nas três cidades com oferta de vagas (confira os endereços aqui). As unidades funcionam das 7h30 às 12h e das 14h às 17h30. 

Os candidatos serão selecionados por meio de análise curricular, com base nas informações apresentadas no formulário de inscrição. Os critérios de avaliação incluem: formação da turma para alfabetização, qualificação acadêmica e experiência profissional. 

O resultado final sairá em 9 de maio. O concurso da SEE/AC terá validade de dois anos, prorrogável por mais dois, a critério da pasta, de acordo com o edital.

Concurso SEE/AC 2018: atribuições do alfabetizador

Realizar atividade de alfabetização de turmas de jovens e adultos, por um período de até seis meses; participar, obrigatoriamente, da formação inicial e continuada e das atividades de planejamento e avaliação do processo de ensino e aprendizagem, com a Coordenação Pedagógica; registrar, sistematicamente, em formulários próprios do Programa, os conteúdos das aulas ministradas e a frequência diária dos alfabetizandos, bem como os resultados da aprendizagem obtidos por cada aluno, ao longo do processo de alfabetização; elaborar relatórios mensais de diagnóstico de avanço e de frequência dos alfabetizandos; cumprir quinze horas aulas semanais, destinadas à função de alfabetizador e oito horas mensais para o planejamento didáticopedagógico; realizar avaliação final que consiste na escrita e leitura de textos em conformidade com o estabelecido pela Equipe Técnica e Coordenação Pedagógica do Programa Quero Ler; realizar outras atividades correlatas a função.

Vídeos Educação

Concursos Relacionados

Mais Lidas

Mais Recentes

Shopping