Tudo Sobre

Concurso TRT

Provas do TRT 10 são remarcadas para 3 de fevereiro

A data inicial era a de 11 de novembro, porém as avaliações do período da tarde nesta data foram suspensas e as da manhã serão desconsideradas. Os salários oferecidos chegam a R$ 6.611,39



Redação
Publicado em 13/11/2012, às 10h56

As provas do concurso que visa preencher 28 vagas, além de formar cadastro reserva, nos cargos de técnico e analista judiciários para o Tribunal Regional do Trabalho da 10ª Região (TRT 10), foram remarcadas para o dia 3 de fevereiro.

A data inicial era a de 11 de novembro, porém as avaliações do período da tarde nesta data foram suspensas e as da manhã serão desconsideradas. Segundo nota divulgada pelo Centro de Seleção e de Promoção de Eventos da Universidade de Brasília (CESPE/UnB), organizador do processe seletivo, isso ocorreu “em função de problemas na estrutura do prédio da Universidade Paulista (UNIP), localizada na quadra 913 sul, em Brasília (DF)”.

Ernani Pimentel, presidente da Associação Nacional de Proteção e Apoio aos Concursos (Anpac), considera a decisão justa e afirma que as provas devem ser reaplicadas para todos os candidatos. “O Cespe agiu certo, porque se fossem aplicar outras provas apenas para os candidatos que estavam na Unip se incorreria um erro contra isonomia do processo seletivo”, avalia.

Sobre o reembolso aos candidatos que não pretendem mais participar da seleção, Pimentel opina que não há necessidade de ressarcimento e complementa: “O incidente não é responsabilidade da banca, trata-se de um motivo de força maior”.

Decisão – A presidente do Tribunal, desembargadora Elaine Vasconcelos, e os representantes do Cespe/UnB e da comissão do concurso decidiram a data em reunião realizada ontem (12). De acordo com informações divulgadas no site do TRT 10, “a nova data atende aos quesitos de segurança, eficácia e qualidade do certame, bem como às inúmeras manifestações de candidatos que pediram para que as provas fossem realizadas após o período de férias”.

Saiba mais – Profissionais com formação superior se inscreveram para analista judiciário nas áreas administrativa (6 + CR), administrativa – contabilidade (CR), apoio especializado – arquitetura (1 + CR), engenharia (CR), medicina (CR), psicologia (CR), tecnologia da informação (CR), judiciária (3 + CR) e judiciária – execução de mandados (CR). A remuneração é de R$ 6.611,39 para jornada de trabalho de 40 horas semanais.

Para técnico, era exigido o nível médio. As ofertas são nas áreas administrativa (16 + CR), de apoio especializado – enfermagem (2 + CR) e tecnologia da informação (CR). Com jornada de trabalho de 40 horas semanais, o salário é de R$ 4.052,96.

Os aprovados serão lotados no Distrito Federal e no Estado do Tocantins, conforme a necessidade do tribunal.

Carolina Pera

+ Resumo do Concurso TRT

TRT
Vagas: 28
Taxa de inscrição: R$ 60 e R$ 98
Cargos: Não definido
Áreas de Atuação: Judiciária / Jurídica, Administrativa, Fiscal, Tributária
Escolaridade: Ensino Médio, Ensino Superior
Faixa de salário: De R$ 4052,96 Até R$ 6611,39
Organizadora: CESPE/UnB
Estados com Vagas: DF, TO

+ Agenda do Concurso

13/11/2013 Divulgação do Resultado Adicionar no Google Agenda

Comentários

Mais Lidas