Tudo Sobre

Empregos Secretarias

São Paulo: aprovadas 100 vagas de auditor fiscal

A criação dos postos veio a partir de um projeto de lei autorizado, em 19 de fevereiro, na Câmara Municipal. Além disso, o salário da categoria passou de aproximadamente R$ 11 mil para R$ 14 mil



Fernando Cezar Alves
Publicado em 24/02/2014, às 10h08

Boa notícia para quem pretende participar do concurso que será promovido pela Secretaria Municipal de Finanças de São Paulo (SMF-SP) para os cargos de auditor fiscal tributário e especialista em administração, orçamento e finanças públicas. Na última quarta (19) foi aprovado, na Câmara Municipal de São Paulo, o projeto de lei 683/2013 (PL 683/13) que aumenta o quadro da carreira fiscal e reestrutura os fatores de multiplicação do prêmio de produtividade. Com isto, ficam criadas 100 vagas para o cargo de auditor fiscal e a remuneração inicial da categoria passa de aproximadamente R$ 11 mil para R$ 14 mil.As novas vagas já contam com força de lei, desde sábado (22), quando o projeto foi sancionado pelo prefeito Fernando Haddad, como lei número 15.972.

Ao todo, a secretaria conta com 198 vagas para o concurso,  autorizado pelo prefeito Fernando Haddad em 31 de outubro. Destas, 100 são para especialistas e 98 para auditores. Com a aprovação da lei, a expectativa é de que as 100 novas vagas de auditores sejam preenchidas por remanescentes do concurso, caso não sejam incluídas no edital, previsto para ser publicado em março.

Para concorrer a auditor fiscal basta possuir curso de nível superior em qualquer área de formação. Já no caso de especialistas,  a exigência é de nível superior nas áreas de ciências contábeis ou ciências atuariais, além de contar com registro no respectivo conselho regional. A remuneração dos especialistas é de R$ 1.838,11, mas os aprovados podem contar com gratificação de desempenho de até 70% do inicial, chegando a R$ 3.124,78.

A comissão do concurso, formada por membros das secretarias de finanças e de planejamento, atualmente trabalha no processo de escolha da organizadora, que deve ser anunciada nos próximos dias. Também deve ser confirmado se os dois editais serão divulgados ao mesmo tempo. Caso isto não ocorra, a tendência é de que seja dada prioridade para o de auditor.

Projeto de Lei – O projeto de lei 683 foi aprovado por unanimidade, com 38 votos.  Quando da votação, o vereador Eduardo Tuma (PSDB) ressaltou a importância da criação de vagas e valorização salarial no sentido de evitar a grande evasão de servidores pela qual a carreira vem passando.  Com isto, o quadro de fiscais da prefeitura de São Paulo passa a contar com 843 auditores.

Seleção – O último concurso para auditor fiscal ocorreu em 2012 e foi organizado pela Fundação Carlos Chagas. Ao todo foram registrados 8.514 inscritos para a oferta de 120 vagas, sendo 100 para a área de gestão tributária e 20 para tecnologia da informação.  Ainda será confirmado se haverá distinção de áreas para o próximo. A seleção contou com três provas objetivas para cada especialidade, com 80 questões cada, além de prova dissertativa, também diferenciada de acordo com a opção, aplicada em dois dias. 

APOSTILA CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS - CLIQUE AQUI

+ Resumo Empregos Secretarias

Secretarias
Vagas: 198
Taxa de inscrição: Não definido
Cargos: Auditor fiscal e especialista em administração
Áreas de Atuação: Administrativa, Fiscal, Tributária
Escolaridade: Ensino Superior
Faixa de salário:
Organizadora: O próprio órgão
Estados com Vagas: SP

+ Agenda

24/02/2015 Divulgação do Resultado Adicionar no Google Agenda

Comentários

Mais Lidas