Tudo Sobre

Concurso Prefeitura

Votuporanga/SP oferece 164 postos em todos os níveis

Interessados terão de desembolsar quantias de até R$ 25 para a taxa de participação e enfrentar, dependendo da função escolhida, até quatro fases de avaliação



Pâmela Lee Hamer
Publicado em 04/12/2013, às 16h01

Com ofertas distribuídas em dois editais, a Prefeitura de Votuporanga irá contratar 164 servidores de todos os níveis escolares para o município, que está situado na região noroeste do Estado de São Paulo, a 521 km da capital paulista.
O prazo para se candidatar aos postos já começou, e vai até o dia 18 de dezembro, pelo site www.makiyama.com.br. A taxa de inscrição oscila conforme o nível de instrução e pode ser de R$ 25 (educador infantil, professor e cargos de nível superior), R$ 20 (nível médio) e R$ 15 (nível fundamental).
Educação – A área de atuação reserva 49 oportunidades. Pessoas que terminaram o curso normal, têm magistério com habilitação em pré-escola ou são licenciadas em pedagogia com habilitação em educação infantil e nos anos iniciais do ensino fundamental disputam as profissões de educador infantil (8) e PEB I (14). Os salários são de R$ 1.629,81 e 1.876,97, para jornadas semanais de 40 horas e 32 horas, respectivamente.
Quem possui diploma de graduação superior e habilitação no ramo de interesse concorre aos empregos de PEB II nas disciplinas de arte (6), ciências biológicas (3), educação física (3), geografia (3), história (3), inglês (3), língua portuguesa (3) e matemática (3). As cargas semanais de trabalho são de 24 horas, e conferem remuneração mensal de R$ 1.494,75.
Demais ofertas – Os outros 115 empregos ofertados estão no segundo edital e se destinam a todos os níveis de instrução, com vencimentos de R$ 750,59 a R$ 2.521,92, em jornadas semanais de 20 a 40 horas.
Para candidatos com ensino fundamental completo são reservadas ocupações de técnico do executivo – telefonia (2). O nível inacabado habilita para as funções de agente operacional em serviços gerais (10), serviços funerários (2), alvenaria e construção (2), carpintaria (1), lavagem e lubrificação (1), manutenção hidráulica (1), direção veicular (10) e operação de máquinas pesadas (4). As carreiras de agente operacional – lavagem e lubrificação e manutenção hidráulica também pedem Carteira Nacional de Habilitação (CNH) na categoria “C”, enquanto os setores de direção veicular e operação de máquinas requerem CNH “D”.
Concursandos que completaram o ensino médio e têm CNH “A “ou “B” se candidatam para 14 ocupações de agente fiscal em medição técnica, fiscalização de obras e fiscalização de trânsito. No mesmo estágio de formação, e sem a exigência de CNH estão disponíveis as vagas de técnico do executivo - administração geral (5); técnico em saúde – combate de endemias (12); e técnico em educação nos ramos de inspetoria de alunos (3), desenvolvimento infantil (10) e cursos livres em artes musicais (3), expressão corporal (3) e informática (3).
Curso técnico habilita para técnico do executivo em contabilidade pública (1); segurança do trabalho – requer CNH “A” ou “B” (1); e tecnologia da informação (2).
Já no nível superior há postos para analista do executivo: contabilidade pública (3) e engenharia de trânsito, com CNH “A” ou “B” (1); assistente social (5); educador social (5); especialista em saúde – psicologia clínica (3) e odontologia (1); técnico do executivo – administração geral (6); e técnico em educação – hidroginástica (1).
Provas – A primeira etapa de avaliação foi remarcada para o dia 2 de fevereiro e consistirá em prova objetiva, no horário das 14h às 17h, e entrega de títulos (empregos de técnico em educação – hidroginástica e cursos livres; educador infantil e social; PEB I e II; agente operacional em direção veicular e operação de máquinas; técnico do executivo - administração geral; analista do executivo - contabilidade pública e engenharia de trânsito; assistente social; e especialista em saúde). A convocação será feita em 18 de janeiro.

Exames práticos serão aplicados para os pretendentes a agente fiscal (medição técnica, lavagem e lubrificação, manutenção hidráulica e carpintaria); técnico do executivo - contabilidade pública e tecnologia de informação; e técnico em educação – hidroginástica.
Quem almeja os postos de agente operacional (serviços gerais, serviços funerários, alvenaria e construção; técnico em saúde - combate de endemias; e agente fiscal – fiscalização de trânsito também será avaliado por teste aptidão física (TAF).
Outra etapa do concurso será a avaliação psicológica, válida para as funções de educador infantil e social; PEB I e II; agente operacional em direção veicular e operação de máquinas; técnico em educação; técnico do executivo - administração geral e segurança do trabalho; analista do executivo - contabilidade pública; assistente social; e especialista em saúde – psicologia clínica; e agente fiscal - fiscalização de trânsito e de obras.
Cinco por cento das oportunidades são para pessoas com necessidades especiais.

Atualizada às 9h50 do dia 9 de janeiro de 2014 em virtude da alteração da data das provas

+ Resumo do Concurso Prefeitura

Prefeitura
Vagas: 164
Taxa de inscrição: R$ 15 a R$ 25
Cargos: Não definido
Áreas de Atuação: Administrativa, Saúde, Educação, Operacional, Fiscal
Escolaridade: Alfabetizado, Ensino Fundamental, Ensino Médio, Ensino Técnico, Ensino Superior
Faixa de salário: De R$ 750,59 Até R$ 2521,92
Organizadora: Makiyama
Estados com Vagas: SP

+ Agenda do Concurso

30/11/2013 Abertura das inscrições Adicionar no Google Agenda
18/12/2013 Encerramento das inscrições Adicionar no Google Agenda
02/02/2014 Prova Adicionar no Google Agenda
02/02/2015 Divulgação do Resultado Adicionar no Google Agenda

Comentários

Mais Lidas