Fundamental e superior

Concurso MP SP: editais para 61 vagas nos próximos dias

Oportunidades serão para auxiliar administrativo na área administrativa e em áreas especializadas, além de analista técnico científico. Iniciais até R$ 13 mil

0,00(0.0%)0 voto(s)

Fernando Cezar Alves
Publicado em 14/08/2018, às 12h15

O Ministério Público do Estado de São Paulo (MP/SP) já está com os três editais de seus próximos concursos públicos praticamente finalizados, dependendo apenas de alguns ajustes finais, que estão sendo feitos com a banca organizadora, que será a Fundação Vunesp para os três cargos.  Ao todo serão oferecidas 61 vagas, sendo 24 para a carreira de auxiliar de promotoria I na área administrativa, 28 para auxiliar de promotoria I em diversas outras áreas e nove para analista técnico científico. Além disso, no caso de auxiliar na área administrativa, o concurso também servirá para formar cadastro reserva de pessoal.

De acordo com informações obtidas junto a responsáveis pelo setor de recursos humanos do MP/SP, a intenção é publicar ao menos um dos editais nos próximos dias, ainda em agosto. Porém, isto ainda depende dos últimos acertos que estão sendo feitos, inclusive no que diz respeito ao conteúdo programático. Adiantam, ainda, que já está certo que os editais de auxiliar administrativo na área administrativa e em diversas áreas serão publicados no mesmo dia, mas ainda não está certo se o de analista técnico científico, que conta com conteúdo programático mais extenso, será liberado na ocasião, o que deve ser confirmado nos próximos dias.

Explicam ainda que, uma vez que concluídos os últimos ajustes, as versões finais deverão ser encaminhadas para a diretoria geral do órgão para aprovação, o que pode ou não ocorrer de forma rápida. De qualquer forma, mesmo considerando eventuais atrasos no processo, a tendência é de que sejam liberados, no mais tardar, até o início de setembro.   

Para concorrer ao cargo de auxiliar de promotoria é necessário apenas possuir ensino fundamental, sem necessidade de conhecimentos específicos para a área administrativa, com remuneração inicial de R$ 3.765,13, considerando o salário inicial da carreira, de R$ 2.865,13, e auxílio alimentação de R$ 900.

Já no caso de analista técnico científico, para concorrer será necessário possuir formação de nível superior nas áreas de administração, contabilidade ou economia, com inicial de R$ 13.065,55, considerando o inicial de 12.165,55 e os R$ 900 de alimentação.      

   

Lotação das Vagas

No caso de auxiliar de promotoria na área administrativa, um dos cargos mais concorridos do órgão, as 24 vagas para preenchimento imediato serão destinadas para diversas localidades do estado, enquanto para a capital o certame será para formar cadastro reserva de pessoal.

Saiba o que foi cobrado no último concurso para este cargo clicando aqui


Já das demais 28 vagas de auxiliar, em diversas áreas,  20 são destinadas para a primeira região administrativa, que inclui a capital paulista Grande São Paulo, Santos e Vale do Ribeira. Neste caso, as oportunidades serão para as áreas de eletricista, encanador, marceneiro, pedreiro, pintor e serralheiro.

 As oito vagas restantes serão para um cargo de eletricista e um de encanador para cada uma das demais quatro áreas regionais.  A segunda região inclui as cidades de Campinas e Taubaté. A terceira inclui Sorocaba e Piracicaba. Na quarta, Araçatuba, Bauru e Presidente Prudente. Por fim, na quinta, Franca, Ribeirão Preto e São José do Rio Preto.

Outras informações para auxiliar em diversas áreas também podem ser conferidas clicando aqui

É importante ressaltar que a oferta de  vagas diz respeito somente às necessidades imediatas. A própria autorização  dos concursos já determina que o concurso também será para suprir eventuais necessidades que forem surgindo, o que garante a nomeação de muitos remanescentes durante o prazo de validade do certame.


Último concurso
 A última seleção para auxiliar de promotoria I na área administrativa ocorreu em 2014, quando foram registrados nada menos do que 54.793 inscritos para a oferta inicial de 37 oportunidades. A banca também foi a Fundação Vunesp

A prova foi compota de 60 questões, sendo 25 de língua portuguesa, 15 de matemática e 20 de conhecimentos gerais, incluindo seis de história, seis de geografia, seis de atualidades e duas de legislação.

Para analista técnico científico, o certame foi em 2015, também organizado pela Vunesp.
 

Sobre Vunesp

Criada em 1979, a Fundação para o Vestibular da Universidade Estadual Paulista (Vunesp) possui personalidade jurídica de direito privado, sem fins lucrativos. A banca tem como principais atividades: planejar, organizar, executar e supervisionar o  vestibular da Unesp; realizar vestibulares e concursos diversos para outras instituições e promover as atividades de pesquisa e extensão de serviços à comunidade, na área educacional.

Comentários

Mais Lidas