Novos editais da PF já estão prontos para publicação

De acordo com a Coordenação de Recrutamento e Seleção da Polícia Federal (Corec), as minutas dos editais já estão prontas. Contudo, o órgão ainda aguarda parecer do MPOG sobre a dispensa de licitação para escolha da empresa organizadora

Redação
Publicado em 30/04/2012, às 13h02

Depois de divulgados os editais para agente de polícia e papiloscopista, com um total de 600 vagas, a Polícia Federal se prepara para lançar os próximos editais. As novas oportunidades somarão mais 600 vagas entre os cargos de delegado, escrivão e perito.
De acordo com um cronograma inicial divulgado pela Polícia Federal no início do ano, os três editais – um para cada cargo – seriam publicados em abril. Isso, no entanto, por questões administrativas, não foi possível. A expectativa do órgão é divulgar os editais em maio, antes do fim do prazo concedido pelo Ministério do Planejamento (MPOG); que vai até o dia 12 de junho.
De acordo com a Coordenação de Recrutamento e Seleção da Polícia Federal (Corec), a versão preliminar, comumente denominada minuta, dos editais já está pronta. Contudo, o órgão ainda aguarda parecer do MPOG sobre a dispensa de licitação para escolha da empresa organizadora, que deverá ser, mais uma vez, o Cespe/UnB – tradicionalmente, o organizador dos concursos da Polícia Federal.
PM/SP Confira o edital completo para as 1.160 vagas de soldado masculino e feminino (nível médio) abertas essa semana pela Polícia Militar de São Paulo. Você também já pode começar a estudar pelas questões de português do concurso anterior da corporação, que também teve a Vunesp como organizadora.
Educação A área da educação promete boas novidades em breve. A Secretaria Municipal de Educação de São Paulo, já se prepara para instituir a comissão organizadora do concurso para professor dos ensinos básico II em todas as disciplinas. Já está autorizada pelo prefeito Gilberto Kassab a abertura de 2.208 postos para os docentes na rede pública de ensino.
Já em âmbito estadual, os profissionais do magistério podem aguardar para o segundo semestre a realização de novo concurso também para os professores da educação básica (PEB II), informação confirmada pela Secretaria de Estado da Educação. 
Os docentes com formação de doutorado contam com as 2.655 vagas aprovadas para repor o quadro funcional da USP (Universidade de São Paulo). O projeto de lei, aprovado recentemente pela Assembleia Legislativa, determina que, desse total, 700 cargos sejam efetivamente criados e os outros 1.955 sejam para repor a vacância natural dos postos.
E a proposta que cria 77.178 vagas na educação federal foi aprovada na última semana pela Câmara dos Deputados e segue agora para o Senado. O projeto de lei cria cargos de professor para as instituições federais de níveis superior, básico, técnico e tecnológico e também para a carreira técnico administrativa, além de cargos de direção e funções gratificadas.
Quando aprovado, o projeto dará condições para abertura de diversos novos concursos nas universidades federais, Institutos Federais de Educação Ciência e Tecnologia (IFs), escolas técnicas entre outros por todo o país.
Confira essas e outras novidades na versão impressa do JC&E que está nas bancas.

Comentários

Mais Lidas