O poder de um bom livro

Um bom material significa, na minha opinião, 50% da conquista da vaga em qualquer um dos poderes.

Redação
Publicado em 15/04/2015, às 11h12

Cláudia Jones

Uma das dúvidas mais comuns para quem começa a se dedicar aos estudos de olho em uma vaga na administração pública é sobre a importância do concurseiro ter um bom material de estudo nas mãos e como fazer para ter acesso a ele.

Um bom material significa, na minha opinião, 50% da conquista da vaga em qualquer um dos poderes. O bom material é mantido atualizado, segue rigorosamente o que é cobrado nos editais e, principalmente, está de acordo com a banca organizadora daquele concurso. Por isso, sempre alerto que é importante o aluno ficar atento ao que é oferecido no mercado, buscando autores com credibilidade, preferencialmente especialistas em concursos públicos. Esses saberão muito além das disciplinas: conhecem dicas, macetes, o que as bancas mais costumam cobrar e como elas cobram o conteúdo.

Hoje temos qualidade no trabalho das editoras em material para concursos públicos. Elas estão, a cada dia, se especializando mais, assim como todos os profissionais envolvidos com concursos. E essa especialização atende cada vez mais áreas específicas. Passou o tempo em que qualquer material para concurso público “servia” para todos os concursos. O trabalho das editoras está muito direcionado e de qualidade, em geral, excelente.

Essas editoras abastecem os cursinhos preparatórios, por exemplo, mas estes trabalham mais com apostilas, pois fazem uma compilação do que é mais importante para o concurso A, B ou C. Sendo assim, fique atento às suas necessidades e peça opinião dos professores ou pessoas do ramo em quem confia.

Bons estudos!

Cláudia Jones, especialista em concursos do site Questões de Concursos.

Comentários

Mais Lidas