Salário de R$ 4,7 mil

Concurso PM RR: último dia para 400 postos de soldado

Oportunidades são destinadas a candidatos de ambos os sexos. A carreira cobra ensino médio completo e carteira de habilitação na categoria "B"

Samuel Peressin
Publicado em 04/10/2018, às 10h03

Chega ao fim nesta quinta-feira (4) o prazo de inscrição do concurso público da Polícia Militar de Roraima (PM/RR) para a carreira de soldado. Estão em disputa 400 vagas, sendo 340 destinadas a homens e 60 a mulheres. 

Os candidatos devem possuir ensino médio completo, Carteira Nacional de Habilitação (CNH) na categoria "B" ou superior e idade entre 18 e 35 anos. Para participantes dos sexos feminino e masculino, a altura mínima exigida é de 1,55m e 1,60m, respectivamente. A remuneração inicial é de R$ 4.792,96.

Além da capital, as oportunidades estão distribuídas entre seis áreas no interior do Estado, com abrangência nos seguintes municípios: região II (Pacaraima, Uiramutã, Vila de Maracá, Amajarí e Tepequém); região III (Caracaraí, Iracema, Campos Novos e Santa Maria do Boiaçú); região IV (Rorainópolis, Nova Colina, Equador, Jundiá e Novo Paraiso); região V (Mucajaí, Cantá, Alto Alegre, Apiaú, Taiano, São Silvestre, Felix Pinto e Samaúma); região VI (Bonfim, Normandia e São Francisco); e região VII (São Luiz do Anauá, São João da Baliza, Caroebe e Entre Rios).

• APOSTILAS CONCURSO PM RR 2018 - SOLDADO
• CURSO PARA CONCURSO POLÍCIA MILITAR DE RORAIMA 2018 - SOLDADO

O processo de seleçãoé organizado pela Universidade Estadual de Roraima. As inscrições devem ser realizdas por meio do site https://cpc.uerr.edu.br . A taxa custa R$ 180.

Detalhes sobre as provas

A seleção envolverá quatro etapas. Na primeira delas, prevista para o dia 9 de dezembro, na capital, haverá prova objetiva com 80 questões de múltipla escolha e duração de quatro horas.

As perguntas abordarão língua portuguesa, legislação, conhecimentos específicos, história e geografia de Roraima, atualidades e noções de direito nas áreas constitucional, penal, processual penal e administrativo.

Nas demais fases do certame, os candidatos passarão por exames médicos, odontológicos, toxicológicos e de aptidão física; avaliação psicológica; e investigação social, em datas a serem definidas.

Respeitando a ordem de classificação, os concorrentes aprovados em todas as etapas serão convocados para o Curso de Formação de Soldados do Quadro de Praças Combatentes Policial Militar (CFSd QPCPM), com duração mínima de seis meses.

De acordo com o edital, o concurso terá validade de dois anos, prorrogável por mais dois, a critério do Governo do Estado de Roraima. No total, segundo a banca, poderão ser classificados até 1.200 participantes.  

Conteúdo programático parcial

Língua portuguesa - Compreensão e interpretação de textos de gêneros variados. Reconhecimento de tipos e gêneros textuais; Domínio da ortografia oficial. Emprego das letras. Emprego da acentuação gráfica. Domínio dos mecanismos de coesão textual. Emprego de elementos de referenciação, substituição e repetição, de conectores e outros elementos de sequenciação textual. Emprego/correlação de tempos e modos verbais. Domínio da estrutura morfossintática do período. Emprego das classes de palavras. Relações de coordenação entre orações e entre termos da oração. Relações de subordinação entre orações e entre termos da oração. Emprego dos sinais de pontuação. Concordância verbal e nominal. Emprego do sinal indicativo de crase. Colocação dos pronomes átonos. Reescrita de textos de diferentes gêneros e níveis de formalidade. Correspondência oficial (conforme Manual de Redação da Presidência da República). Adequação da linguagem ao tipo de documento. Adequação do formato do texto ao gênero.

Legislação - Crimes Hediondos (Lei nº 8.072/1990). Abuso de Autoridade (Lei nº 4.898/1965). Lei de Tortura (Lei nº 9.455/1997). Dos Crimes no Estatuto da Criança e do Adolescente (Lei nº 8.069/1990). Estatuto do Desarmamento (Lei nº 10.826/2003). Crimes contra o Meio Ambiente (Lei nº 9.605/1998). Lei Maria da Penha (Lei nº 11.340/2006). Lei de Drogas (Lei nº 11.343/2006). Investigação Criminal (Lei nº 12.830/2013). Organizações Criminosas (Lei nº 12.850/2013). Código Penal Militar (Decreto-Lei Nº 1.001, de 21 de outubro de 1969). Código de Processo Penal Militar (Decreto-Lei Nº 1.002, de 21 de outubro DE 1969).

Conhecimentos específicos - Lei Complementar nº 194 de 13 de fevereiro de 2012; Lei Complementar 051/2001, Capítulos, I, II, VI, X e XI; 3. Lei n° 081, de 10 de novembro de 2004, Título I, Capítulo Único, Título II, Capítulo I, II III e IV e Título III, Capítulo I; Decreto nº 158, de 11 de agosto de 1981 (Regulamento Disciplinar da Polícia Militar de Roraima); Lei Complementar nº 963/2014 (Código de Ética e Disciplina dos Policiais e Bombeiros Militares de Roraima). Constituição do Estado de Roraima (arts. 12, 13, 40, 62, 63, 77, 175, 179 a 180, com as alterações da Emenda Constitucional 011, de 19 de dezembro de 2001); Lei Complementar nº 226, de 04 de abril de 2014; Lei Complementar nº 224, de 28 de janeiro de 2014 (Sistema Remuneratório dos Militares do Estado de Roraima por meio de subsidio e dá outras providências); Lei Complementar nº 260, de 02 de agosto de 2017.

Confira o conteúdo programático completo para o concurso da PM/RR

Mais Lidas