Edital em breve

PM SC forma comissão do novo concurso para 1.000 vagas

De acordo com o governador Carlos Moisés, o novo concurso da PM/SC (Polícia Militar do Estado de Santa Catarina) contará com uma oferta de 1000 vagas. Exigência será de nível superior em qualquer área, com inicial de aproximadamente R$ 4 mil

0,00(0.0%)0 voto(s)

Fernando Cezar Alves
Publicado em 29/03/2019, às 10h56

PM/SC (Polícia Militar de Santa Catarina) deu mais um passo para a realização do seu novo concurso público para o preenchimento de 1.000 vagas para o cargo de soldado. Acontece que foi divulgada na última quinta-feira, 28 de março, por meio de publicação em diário oficial, a relação dos nomes dos membros da comissão organizadora do certame. Em paralelo, o órgão já trabalha no processo de escolha da bancaa, por meio de pregão presencial. Porém, o processo licitatório, inciado na quinta, dia 28, foi suspenso pela segunda vez. A expectativa é de que um novo documento seja divulgado em breve. Somente após a confirmação da empresa poderá ser definida a data de publicação do edital de abertura de inscrições.  

De acordo com o edital de licitação, do total de postos, 900 serão destinados para homens e 100 para mulheres.  

• CURSO PARA SOLDADO DA PM

Para concorrer ao cargo de soldado será necessário possuir formação de nível superior, idade de 18 a 30 anos, altura mínima de 1,65m para homens e 1,60m para mulheres e carteira de habilitação. A remuneração inicial é de  aproximadamente R$ 4 mil

A comissão é composta de sete membros, sendo presidida pelo coronel PM subcomandante geral da PM, contando, ainda, com a diretora de pessoal do órgão, diretor da instituição de ensino, chefe da agência central de inteligência, chefe do centro de estudos, seleção e ingresso de pessoal, chefe do setor de contratos e chefe da divisão de saúde. Os nomes não foram divulgados na publicação do Diário Oficial.  

Atribuições

Como aluno-soldado, cabe ao servidor exercer atividades acadêmicas, em regime de dedicação integral, e demais atividades internas e externas de serviço de policiamento, atreladas à sua formação policial, durante o período de duração do curso de formação, conforme legislação subsidiária, regulamento da PMSC e da instituição de ensino onde encontrar-se matriculado. Como soldado PM, exercer atribuições inerentes a soldado PM, com atribuições e deveres previstos em leis, regulamentos e demais instruções pertinentes.

Provas

Segundo o edital de licitação, a prova objetiva contará com 58 questões, com duração de cinco horas, aplicada nas cidades de Balneário Camboriú, Blumenau, Canoinhas, Chapecó, Criciúma, Florianópolis, Joaçaba, Joinville, Lages, Rio do Sul, São Miguel do Oeste e Tubarão.

Das 58 questões serão oito de noções de direito constitucional, oito de noções de direito penal comum,  noções de direito processual penal comum, oito de legislação institucional, dez de língua portuguesa, oito de informática e oito de raciocínio lógico.

Também haverá redação com tema sobre segurança pública.

Posteriormente, a seleção contará com exames de saúde, avaliação física, avalição psicológica, preenchimento de QIS e investigação social. 

Último concurso

O último concurso para o cargo ocorreu em 2015, quando foram oferecidas 658 vagas, sendo  619 para homens e 39 para mulheres. 

A banca foi o Instituto O Barriga Verde e a seleção contou com prova objetiva, avaliação de saúde, avaliação física, análise psicológica, investigação social, entrega de documentos e exame toxicológico.
A parte objetiva contou com 50 questões, sendo oito de noções de direito constitucional, oito de noções de direito penal comum, oito de noções de direito processual penal comum, oito de legislação institucional, dez de língua portuguesa e oito de informática.  
 

Comentários

Mais Lidas