Publicado: 03/05/2018 - 10:34 | Atualizado: 16/05/2018 - 10:00

Concurso PC/SP 2018: abertas inscrições para 500 vagas

As chances no concurso da Polícia Civil do Estado de São Paulo são para os cargos de agente de telecomunicações policial e papiloscopista policial, que requerem ensino médio completo

Ganho de R$ 4,2 mil

Por JCConcursos - Patricia Lavezzo

Entra em vigor nesta quinta-feira (3) o prazo de inscrição dos dois editais de concurso da Polícia Civil do Estado de São Paulo (PC/SP). Oportunidade é de 500 vagas, sendo 300 para o cargo de agente de telecomunicações policial e 200 para papiloscopista policial.

Para ingressar nas carreiras de agente de telecomunicações policial e de papiloscopista policial é necessário possuir diploma de conclusão de curso de ensino médio, carteira de habilitação na categoria “B” e ter conduta irrepreensível na vida pública e privada.

A remuneração inicial de ambas as funções é de R$ 4.281,51, incluindo salário básico de R$ 3.589,87 e adicional de insalubridade de R$ 691,64.

APOSTILAS CONCURSO PC/SP  2018 - AGENTE DE TELECOMUNICAÇÕES
APOSTILAS CONCURSO PC/SP 2018 - PAPILOSCOPISTA POLICIAL

As inscrições do concurso da Polícia Civil/SP serão recebidas até o dia 1º de junho. A ficha cadastral está disponível no endereço eletrônico da Fundação Vunesp (www.vunesp.com.br). O valor da taxa de participação é de R$ 56,54.

Provas do concurso da Polícia Civil/SP 2018

A primeira etapa a ser disputada pelos candidatos será a prova preambular, de caráter eliminatório e classificatório. Ela será constituída de 80 questões objetivas, consistentes em testes de múltipla escolha.

Para o cargo de agente de telecomunicações policial serão 30 questões de língua portuguesa, seis de noções de direito, quatro de noções de criminologia, 30 de noções de informática e comunicação, quatro de noções de lógica e seis de atualidades.


Ads

Cursos Online para Papiloscopista e Agente de Telecomunicações PC-SP 2018

Estude para o Concurso da Polícia Civil de São Paulo com cursos online, em PDF + videoaulas, 100% focados no edital. Teste por 30 dias. Confira.

Já para papiloscopista policial são 20 questões de língua portuguesa, cinco de noções de direito, cinco de noções de criminologia, cinco de noções de medicina e odontologia legal, cinco de noções de biologia, 20 de noções de informática, sete de noções de lógica, oito de noções de identificação e cinco de atualidades.

Com quatro horas de duração, a prova preambular será aplicada na data prevista de 1º de julho, nas cidades de Araçatuba, Bauru, Campinas, Presidente Prudente, Ribeirão Preto, Santos, São José do Rio Preto, São José dos Campos, São Paulo (Capital e Grande São Paulo), Piracicaba e Sorocaba. As informações sobre os locais e horários estarão disponíveis no edital de convocação, a ser publicado, oportunamente, no site da Fundação Vunesp.

Os inscritos no concurso da Polícia Civil/SP 2018 ainda serão avaliados por meio de comprovação de idoneidade e conduta escorreita mediante investigação social, de caráter unicamente eliminatório.

Serão convocados para a comprovação de idoneidade os candidatos habilitados na prova preambular que obtiverem as maiores notas, incluindo-se aqueles eventualmente empatados, no total de 450 para o cargo de agente de telecomunicações policial e 400 para papiloscopista policial.

Atribuições dos cargos da Polícia Civil/SP

Agente de telecomunicações policial - tarefas de transmissão ou recepção de informações de qualquer natureza por fio, radio, eletricidade, meios óticos ou qualquer outro processo eletromagnético, dentre outras a elas relacionadas ou delas decorrentes, além daquelas descritas na Lei Complementar n.º 207, de 5 de janeiro de 1979, e na Portaria DGP-30, de 14 de novembro de 2012.

Papiloscopista policial - estudo das impressões digitais na palma das mãos, dedos e na sola dos pés através das papilas dérmicas aptas a identificar o ser humano. Também cuida dos trabalhos de coleta, análise, pesquisa e arquivamento dos documentos pertinentes, assistindo ao delegado de polícia, além daquelas descritas na Lei Complementar n.º 207, de 5 de janeiro de 1979, e na Portaria DGP-30, de 14 de novembro de 2012. Planejar, coordenar e controlar a realização de captura e pesquisa em banco de dados automatizados de leitura, comparação e identificação de impressões papilares. Realizar a inserção de fragmentos papilares questionados no banco de dados automatizados, bem como o processamento da imagem, pesquisa, leitura, comparação e identificação das impressões papilares padrão; realizar pesquisa nos acervos decadactilar, monodactilar, quiroscópico, podoscópico e fotográfico, bem como a organização sistemática dos mesmos. Proceder à identificação civil e criminal de indivíduos, realizando pesquisas em banco de dados civis e/ou criminais, retrato falado, bem como perícias papiloscópicas em locais de crime ou desastres, em veículos, objetos, documentos e correlatos, requisitadas pelas autoridades policiais e judiciárias, culminando na elaboração de laudo pericial papiloscópico. Aplicar e desenvolver técnicas científicas e procedimentos para o tratamento e aproveitamento do tecido dérmico ou epidérmico de cadáveres, reconstituindo as impressões papilares visando à identificação. Proceder à identificação de cadáveres em diferentes estados, através de perícia necropapiloscópica. Efetuar busca através das impressões papilares de pessoas desaparecidas. Comparecer aos locais de crimes, proceder à técnica de levantamento papiloscópico para posterior localização, revelação, decalque e transporte de fragmentos digitais, palmares e plantares em objetos de diferentes superfícies. Realizar perícias de projeções de envelhecimento e rejuvenescimento facial humana para fins de identificação. Efetuar trabalhos técnicos fotográficos e macro-fotográficos para instruir laudos periciais papiloscópicos e necropapiloscópicos.

APOSTILAS CONCURSO PC/SP 2018 - PAPILOSCOPISTA

Vídeos Polícia Civil

Mais Lidas

Mais Recentes

Atualizado: 15/05/2018 - 14:35

Rio Grande da Serra/SP abre concurso com 664 vagas

Oportunidades no concurso da Prefeitura Municipal de Rio Grande da Serra são para candidatos de todos os níveis escolares. Inscrições serão recebidas até o dia 4 de junho

Vários cargos

Por JCConcursos - Patricia Lavezzo

No Estado de São Paulo, a Prefeitura Municipal de Rio Grande da Serra abriu as inscrições do concurso público que visa o provimento de 664 vagas, sendo 184 imediatas e 480 para formação de cadastro reserva (CR). Oportunidades são para candidatos de todos os níveis escolares.

 

Para alfabetizados, as chances são para as funções de roçador (4 vagas + 20 CR) e servente de serviço geral (13 + 70 CR).

 

Quem tem o ensino fundamental pode se inscrever para os cargos de agente de controle (3 + 10 CR), agente de defesa civil (10 + 10 CR), agente de serviço externo (1 + 10 CR), agente de trânsito (10 + 10 CR), auxiliar de almoxarifado (3 + 5 CR), auxiliar de compras (3 + 10 CR), auxiliar de educação infantil (8 + 10 CR), auxiliar de odontologia (4 + 5 CR), auxiliar de tesouraria (1 + 2 CR), coveiro (2 + 5 CR), digitador (1 + 2 CR), eletricista (2 + 5 CR), encanador (1 + 2 CR), fotógrafo (1 + 2 CR), instrutor de esporte (4 + 4 CR), marceneiro (1 + 3 CR), mecânico (1 + 3 CR), operador de máquina (1 + 2 CR), pedreiro (2 + 5 CR) e pintor (2 + 5 CR).

 

Ensino médio e/ou curso técnico são requisitos para os empregos de agente de fiscalização sanitária (3 + 10 CR), artesão (1 + 3 CR), assistente de pessoal (1 + 3 CR), auxiliar de farmácia (10 + 5 CR), fiscal (5 + 5 CR), fiscal de meio ambiente (1 + 5 CR), fiscal de trânsito (8 + 5 CR), fiscal de turismo (1 + 5 CR), guarda municipal (30 + 80 CR), guia de turismo (2 + 5 CR), instrutor de arte (1 + 3 CR), técnico de enfermagem (3 + 30 CR), técnico de odontologia (2 + 10 CR), técnico de turismo (1 + 5 CR) e tesoureiro (1 + 2 CR).

 

Aqueles que têm o nível superior estão aptos às carreiras de analista ambiental I (1 + 10 CR), analista ambiental II (1 + 10 CR), arquiteto (1 + 10 CR), assistente jurídico (3 + 10 CR), assistente social (8 + 10 CR), bibliotecário (1 + 2 CR), biólogo (1 + 2 CR), engenheiro ambiental (1 + 2 CR), engenheiro civil (1 + 2 CR), engenheiro de tráfego (1 + 2 CR), estatístico (1 + 2 CR), farmacêutico (6 + 5 CR), jornalista (1 + 2 CR), nutricionista (2 + 5 CR), pedagogo (1 + 5 CR), professor de educação física (4 + 15 CR), terapeuta ocupacional (1 + 5 CR) e turismólogo (1 + 5 CR).

 

Os salários iniciais oferecidos pela Prefeitura de Rio Grande da Serra variam de R$ 1.071,58 a R$ 3.556,20.

 

 

Como participar do concurso da Prefeitura de Rio Grande da Serra/SP

 

 

As inscrições deverão ser realizadas no endereço eletrônico www.caipimes.com.br até o dia 4 de junho. Os valores da taxa de participação são de R$ 40 para níveis alfabetizado e fundamental, R$ 55 para ensino médio e curso técnico e R$ 65 para formação superior.

 

Serão aceitas inscrições para mais de um cargo, desde que pertencentes a blocos distintos, especificados a seguir: bloco I para agente de serviço externo, agente de trânsito, analista ambiental I, analista ambiental II, arquiteto,  assistente jurídico, assistente social, auxiliar de almoxarifado, auxiliar de compras, auxiliar de odontologia, auxiliar de tesouraria, bibliotecário, biólogo, engenheiro ambiental, engenheiro civil, engenheiro de tráfego, estatístico, farmacêutico, jornalista, nutricionista, pedagogo, professor de educação física, roçador, servente de serviço geral, terapeuta ocupacional e turismólogo; e bloco II para os demais empregos.

 

 

Provas do concurso da Prefeitura de Rio Grande da Serra/SP

 

 

Todos os candidatos serão avaliados por meio de prova objetiva de múltipla escolha de conhecimentos gerais e específicos. Ela será aplicada no município de Rio Grande da Serra/SP no dia 24 de junho, em locais e horários a serem comunicados no edital de convocação, a ser divulgado em momento oportuno.

 

O concurso da Prefeitura de Rio Grande da Serra ainda contará com as seguintes etapas: teste antropométrico (aferição de altura) e prova de aptidão física para os cargos de guarda civil municipal e agente de defesa civil; avaliação psicológica, investigação social e exame toxicológico para guarda civil municipal; e prova prática para coveiro, digitador, eletricista, encanador, marceneiro, mecânico, operador de máquina, pedreiro, pintor, roçador e servente de serviço geral.

Continuar lendo

Atualizado: 14/05/2018 - 14:39

Concurso São Bernardo/SP: edital a qualquer momento

Oportunidades serão para diversos cargos, em todos os níveis de escolaridade, com destaque para 325 vagas de professores de educação básica. Iniciais de até R$ 9.348,71

782 vagas

Por JCConcursos - Fernando Cezar Alves e Camila Diodato

Previsto para ser lançado no último dia 13 de maio, o edital do novo concurso público da Prefeitura de São Bernardo do Campo, na Grande São Paulo está em elaboração final e sairá a qualquer momento. O processo seletivo ofertará um total de 782 vagas distribuídas entre diversos cargos.

Organizada pela Fundação Vunesp, a seleção contará com oportunidades para 12 secretarias municipais, com opções em vários níveis de escolaridade, incluindo áreas de educação, serviços urbanos e para a Guarda Civil Metropolitana (GCM). As remunerações iniciais devem variar de R$ 1.675,86 a R$ 9.348,71. 

Outro ponto já confirmado é que a maior parte das vagas será para cargos na área de educação, incluindo 325 vagas para o cargo de professor de educação básica, 50 para diretor de escola, 35 para coordenador pedagógico e dez para professor de educação especial. Para a Guarda Civil Metropolitana serão oferecidas 100 oportunidades;

As demais oportunidades serão para as secretarias de Administração, Desenvolvimento Social, Finanças, Gestão Ambiental, Habitação, Obras, Planejamento Urbano, Serviços Urbanos e Transportes.

Segundo declaração do secretário de administração e modernização administrativa, Pedro Pinheiro, além da reposição de cargos técnicos e complemento em secretarias estratégicas, a seleção contará com uma oferta de 100 vagas para o cargo de oficial administrativo, que deverá contar com oportunidades para todas as pastas da administração municipal.


Outra novidade do concurso da Prefeitura de São Bernardo do Campo/SP é a oferta para as carreiras de agentes de controladoria, analista tributário e analista de transportes. Para estas funções esta será a primeira vez que a prefeitura realiza concurso. Até então, o preenchimento era feito por meio de contratação de funcionários comissionados.

Veja cargos, vagas e salários do concurso da Prefeitura de São Bernardo

A distribuição completa de vagas por função é a seguinte: agente contábil (5 vagas, com inicial de R$ 4.586,94), agente de controladoria I (2, R$ 4.586,64), agente de tesouraria I (3, R$ 4.586,94), analista de transportes (3, R$ 3.837,96), analista tributário financeiro I (1, R$ 7.687,20), arquiteto (10, R$ 7.867,20), assistente jurídico (1, R$ 5.434,17), assistente social (1, R$ 5.045,63), auxiliar de serviços de agrimensura (1, R$ 2.732,83), contato I (3, R$ 7.687,20), coordenador pedagógico (35, R$ 5.245,85), desenhista (1, R$ 4.967,61), diretor de escola (50, R$ 5.464,36), engenheiro (11, R$ 7.687,20), fiscal de cadastro tributário (5, R$ 4.586,94), fiscal I (62, R$ 4.586,94), fisioterapeuta I (1, R$ 3.784,28), fonoaudiólogo (1, R$ 5.045,63), geólogo (1, R$ 5.783,97), guarda civil metropolitano 3ª classe (100, R$ 1.675,86), oficial administrativo I (100, R$ 1.675,86), orientador pedagógico (5, R$ 5.486,36), procurador (9, R$ 9.348,71), professor de educação especial – audiocomunicação (1, R$ 3.014,40), professora de educação especial – deficiência mental (8, R$ 3.014,40), professor de educação especial – deficiência visual (1, R$ 3.014,40), professor de educação básica (300, R$ 2.710,52), professor de educação básica 2 – artes (10, R$ 2.873,15), professor de educação básica 2 – educação artística (15, R$ 2.873,15), psicólogo (9, R$ 5.783,97), psicólogo (1, R$ 5.045,63), técnico em agrimensura (9, R$ 6.355,02), técnico em licitações (13, R$ 4.206,41), técnico em meio ambiente (3, R$ 4.586,94) e terapeuta ocupacional (1, R$ 3.784,28).   

Continuar lendo

Atualizado: 14/05/2018 - 14:12

Concurso PC/SP: prova para delegado ocorre neste mês

Estão em disputa 250 vagas. Válida pela primeira das quatro fases do concurso da Polícia Civil/SP, prova objetiva será aplicada em 27 de maio

 Salário de R$ 10,5 mil

Por JCConcursos - Da Redação

Os concorrentes aos 250 postos de delegado no novo concurso da Polícia Civil/SP (PC/SP) realizam a prova objetiva, válida pela primeira das quatro fases do processo seletivo, em 27 de maio.

 

A convocação para o exame, contendo informações sobre locais e horários de aplicação, será oportundamente divulgada no site da Vunesp, banca que organiza a seleção.  

 

Leia também: Polícia Civil/SP: saiu edital com 1.400 vagas para escrivão e investigador

 

A carreira exige diploma de curso superior em direito, além de Carteira Nacional de Habilitação (CNH) categoria "B" ou superior e comprovação de, no mínimo, dois anos de atividade jurídica ou de efetivo exercício em cargo de natureza policial civil.

 

O salário inicial é de R$ 10.579,71 (já considerando o adicional de insalubridade de R$ 691,64), conforme correção do valor oficializada por meio de retificação. Antes da atualização, os vencimentos correspondiam a R$ 10.199,41.

APOSTILA CONCURSO PC/SP 2018 - DELEGADO
APOSTILA CONCURSO PC/SP 2018 - DIVERSOS CARGOS
CURSOS CONCURSO PC/SP -  DELEGADO / AGENTE/ ESCRIVÃO/ PERITOCRIMINAL/ INVESTIGADOR

 

Com taxa de R$ 84,81, as inscrições foram recebidas até 11 de maio. Do total de vagas em disputa, 13 são reservadas a pessoas com deficiência. 

 

Sobre as provas do concurso da Polícia Civil de São Paulo 2018

 

Em 27 de maio, os participantes farão prova objetiva com 100 questões de múltipla escolha sobre informática, legislação especial, medicina legal e conhecimentos em direito penal, processual penal, constitucional, direitos humanos, administrativo e civil.

 

Haverá aplicação em Araçatuba, Bauru, Campinas, Piracicaba, Presidente Prudente, Ribeirão Preto, Santos, São José do Rio Preto, São José dos Campos, São Paulo e Sorocaba.

 

Os candidatos com melhores notas na primeira fase do concurso da Polícia Civil/SP realizarão, na sequência, exame escrito contendo uma pergunta dissertativa e quatro discursivas. As questões serão corrigidas considerando três aspectos: domínio da norma culta, coesão e coerência textual.

 

Válida pela terceira etapa, a avaliação oral, gravada em áudio e vídeo, versará sobre as disciplinas de direito penal, processual penal, constitucional, administrativo e direitos humanos, além de legislação especial. A banca analisará cinco quesitos: domínio do conhecimento jurídico, adequação da linguagem, articulação do raciocínio, capacidade de argumentação e uso correto do vernáculo. 

 

Os aprovados na fase oral do concurso da PC/SP 2018 serão convocados para apresentação de títulos, na Academia de Polícia (praça Professor Reinaldo Porchat, 219, Cidade Universitária, São Paulo). Além de cursos de especialização, mestrado e doutorado, os concorrentes poderão obter pontos por publicação de livro ou artigo e exercício de docência em curso superior.

 

Quem passar por todas as etapas seletivas realizará, por fim, curso de formação técnico-profissional na Academia de Polícia “Dr. Coriolano Nogueira Cobra”, localizada na capital. Para definição da lotação, a classificação obtida no treinamento determinará a ordem da escolha das vagas nas unidades disponibilizadas pela PC/SP.

 

De acordo com o edital, o concurso da Polícia Civil de São Paulo para delegado terá validade de dois anos, prorrogável por mais dois, a critério do órgão. 

 

Atribuições do delegado no concurso da Polícia Civil/SP 2018

 

Exercer atos inerentes à gestão dessa atividade; presidir os atos de polícia judiciária e a apuração das infrações penais, praticar atos de polícia administrativa e exercer policiamento preventivo especializado, presidir a investigação criminal e as ações a ela relacionadas, dentre as quais aquelas previstas no Código de Processo Penal e na legislação extravagante; portar arma e atuar com possibilidade de exposição a situações de risco; mediar conflitos.

 


Ads

Comece sua carreira na Polícia Civil

A Central vai ajudar você a passar no concurso da Polícia Civil de São Paulo. Aproveite os descontos especiais. Passa na Central que você passa. Confira.


   

 

Conteúdo programático parcial para o concurso de delegado da Polícia Civil/SP 2018

 

Informática - MS-Windows 7: conceito de pastas, diretórios, arquivos e atalhos, área de trabalho, área de transferência, manipulação de arquivos e pastas, uso dos menus, programas e aplicativos, interação com o conjunto de aplicativos MS-Office 2010. MS-Word 2010: estrutura básica dos documentos, edição e formatação de textos, cabeçalhos, parágrafos, fontes, colunas, marcadores simbólicos e numéricos, tabelas, impressão, controle de quebras e numeração de páginas, legendas, índices, inserção de objetos, campos predefinidos, caixas de texto. MS-Excel 2010: estrutura básica das planilhas, conceitos de células, linhas, colunas, pastas e gráficos, elaboração de tabelas e gráficos, uso de fórmulas, funções e macros, impressão, inserção de objetos, campos predefinidos, controle de quebras e numeração de páginas, obtenção de dados externos, classificação de dados. MS-PowerPoint 2010: estrutura básica das apresentações, conceitos de slides, anotações, régua, guias, cabeçalhos e rodapés, noções de edição e formatação de apresentações, inserção de objetos, numeração de páginas, botões de ação, animação e transição entre slides. Correio Eletrônico: uso de correio eletrônico, preparo e envio de mensagens, anexação de arquivos. Internet: navegação na Internet, principais navegadores, conceitos de URL, links, sites, busca e impressão de páginas.

 

Medicina legal - Medicina Legal: conceito; da necessidade e da utilidade da Medicina Legal nos diversos ramos do Direito. Perícia e perito: conceitos; da necessidade da perícia no Direito; da atuação do perito nos diversos ramos do Direito; da manifestação dos peritos; documentos médico-legais. Traumatologia médico-legal. Toxicologia médico-legal. Asfixiologia médico-legal. Tanatologia médico-legal. Lei sobre Transplante e Doação de Órgãos (Lei 9.434/97). Sexologia médico-legal: dos crimes contra a dignidade sexual; do abortamento e do infanticídio. Psicologia e Psicopatologia médico-legais. Identidade e identificação: identificação policial ou judicial e identificação antropológica, incluindo-se a genética. Infortunística.

 

Legislação especial -  Decreto-lei 3.688/1941 (Lei das Contravenções Penais). Lei 1.521/1951 (Crimes Contra a Economia Popular). Lei 2.889/1956 (Genocídio). Lei 4.737/1965 (Crimes Eleitorais). Lei 4.898/1965 (Lei de Abuso de Autoridade). Lei 6.766/1979 (Lei de Parcelamento do Solo Urbano). Lei 7.210/1984 (Lei de Execução Penal). Lei 7.492/1986 (Crimes contra o Sistema Financeiro Nacional). Lei 7.716/1989 (Preconceito racial). Lei 7.960/1989 (Prisão Temporária). Lei 8.069/1990 (Estatuto da Criança e do Adolescente). Lei 8.072/1990 (Lei dos Crimes Hediondos). Lei 8.078/1990 (Código de Defesa do Consumidor). Lei 8.137/1990 (Crimes Contra a Ordem Tributária). Lei 8.176/1991 (Crimes Contra a Ordem Econômica). Lei 8.666/1993 (Lei de Licitações). Lei 8.906/1994 (Estatuto da OAB). Lei 9.029/1995 (Práticas discriminatórias relativas à gravidez no trabalho). Lei 9.099/1995 (Juizados Especiais Cíveis e Criminais). Lei 9.279/1996 (Lei da propriedade industrial). Lei 9.296/1996 (Lei de Interceptação Telefônica). Lei 9.434/1997 (Lei do Transplante de Órgãos). Lei 9.455/1997 (Tortura). Lei 9.503/1997 (Código de Trânsito Brasileiro). Lei 9.605/1998 (Lei do Meio Ambiente). Lei 9.609/1998 (Lei do Software). Lei 9.610/1998 (Lei sobre Direitos Autorais). Lei 9.613/1998 (Lavagem de Capitais). Lei 9.807/1999 (Programa de Proteção à Testemunha). Lei 10.671/2003 (Estatuto de Defesa do Torcedor). Lei 10.741/2003 (Estatuto do Idoso). Lei 10.826/2003 (Estatuto do Desarmamento). Lei 11.101/2005 (Lei de Recuperação de Empresas e Falência). Lei 11.105/2005 (Lei de Biossegurança). Lei 11.340/2006 (Lei Maria da Penha). Lei 11.343/2006 (Lei Antidrogas). Lei 12.037/2009 (Identificação Criminal do Civilmente Identificado). Lei 12.288/2010 (Estatuto da Igualdade Racial). Lei 12.830/2013 (Investigação Criminal Conduzida pelo Delegado). Lei 12.850/2013 (Lei de Combate às Organizações Criminosas). Lei 12.852/2013 (Estatuto da Juventude). Lei 12.984/2014 (Lei discriminação de portadores de HIV). Lei 13.146/2015 (Estatuto da Pessoa com Deficiência. Lei 13.257/2016 (Políticas Públicas para a Primeira Infância). Lei 13.260/2016 (Lei Antiterrorismo). Lei 13.445/2017 (Lei de Migração).

 

Confira o conteúdo programático completo para o concurso da Polícia Civil de São Paulo

 

Continuar lendo

Atualizado: 11/05/2018 - 10:45

Concurso em Taubaté/SP reúne 12 postos de guarda

As inscrições do concurso da Prefeitura Municipal de Taubaté deverá ser realizada entre os dias 14 de maio e 4 de junho

Nível médio

Por JCConcursos - Patricia Lavezzo

A Prefeitura Municipal de Taubaté, situada no interior do Estado de São Paulo, a cerca de 134 km da capital, abrirá no dia 14 de maio as inscrições do concurso para guarda civil municipal de 3ª classe. Oferta é de 12 vagas, sendo 10 para os homens e duas às mulheres.

 

Para ingressar na carreira é necessário possuir diploma de conclusão de curso de ensino médio e carteira de habilitação na categoria “A” ou “B”. O salário inicial é de R$ 1.458,83 para carga horária semanal de 40 horas.

APOSTILA CONCURSO PREFEITURA DE TAUBATÉ - GUARDA MUNICIPAL

Entre as atribuições do guarda civil municipal, estão: executar serviços de vigilância, segurança e recepção dos bens públicos municipais, baseando-se em regras de conduta predeterminadas, para assegurar a ordem do prédio e a segurança do local; atuar no auxílio ao público; promover a vigilância de logradouros públicos; promover a fiscalização da utilização adequada dos parques, praças e outros bens de domínio público, evitando sua depredação; promover a vigilância e proteção dos bens materiais, equipamentos, veículos, serviços e instalações dos próprios municipais; promover a vigilância das áreas de preservação de meio ambiente, patrimônio histórico, cultural, ecológico e paisagístico do município; observar os demais deveres e obrigações constantes da Lei Orgânica do Município e de qualquer outra legislação disciplinadora das atividades da corporação; executar outras tarefas correlatas determinadas pelo superior imediato.

 

 

Seleção do concurso da Prefeitura de Taubaté/SP

 

 

As inscrições deverão ser realizadas exclusivamente pela internet, através do endereço eletrônico www.institutoexcelenciapr.com.br, até o dia 4 de junho. O valor da taxa de participação é de R$ 15,65.

 

Todos os inscritos no concurso da Prefeitura de Taubaté serão avaliados por meio das seguintes etapas: prova objetiva, de caráter classificatório e eliminatório; teste de capacitação física, eliminatório; teste de capacitação e aptidão psicológica, eliminatório; e pesquisa social, eliminatório.

 

A prova objetiva contemplará 50 questões de múltipla escolha, sendo dez de língua portuguesa e interpretação de textos (peso 2), dez de matemática e raciocínio lógico quantitativo (peso 1), dez de conhecimentos gerais e atualidades (peso 1) e 20 de conhecimentos específicos (peso 3).

 

A avaliação será aplicada no município de Taubaté/SP no dia 17 de junho, em locais e horários a serem comunicados no edital de convocação, a ser divulgado com antecedência de três dias.

Continuar lendo

Atualizado: 04/05/2018 - 10:30

Últimos dias do prazo para 5.707 vagas em 22 concursos

Oportunidades para cargos de todos os níveis escolares nos Estados de São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Goiás, Ceará, Bahia, Sergipe, Maranhão, Pará, Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Paraná

Ganhos de até R$ 11,9 mil

Por JCConcursos - Patricia Lavezzo

Chegam ao fim nesta sexta-feira (4), sábado (5) e domingo (6) as inscrições de 22 concursos públicos. Ao todo, eles selecionarão pelo menos 5.707 profissionais para cargos de todos os níveis escolares, com remunerações iniciais de até R$ 11,9 mil por mês.

As ofertas estão nos Estados de São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Goiás, Ceará, Bahia, Sergipe, Maranhão, Pará, Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Paraná.

 

São Paulo

 

No Estado de São Paulo, as oportunidades estão no Hospital do Servidor Público Municipal (HSPM); Câmara Pedro de Toledo/SP; e nas prefeituras de Ibaté, Itatiba, Sarapuí, Itariri e Santa Cruz da Esperança.

 

Demais Estados

 

Os interessados ainda podem se inscrever nos concursos do Instituto de Atenção Básica e Avançada à Saúde (Iabas/RJ); Universidade Federal do Sul da Bahia (UFSB); Secretaria de Justiça e de Defesa ao Consumidor (Sejuc/SE); Consórcio Público Interfederativo de Saúde da Região de Alagoinhas/BA; Universidade Federal do Pará (UFPA); câmaras de Cocos/BA e Santa Lúcia/PR; e nas prefeituras de Pará de Minas/MG, Itaocara/RJ, Guapó/GO, Eusébio/CE, Olho D’água das Cunhãs/MA, Fortaleza/CE, Liberato Salzano/RS e Mafra/SC.

 

 

Prepare-se para os concursos públicos

 

Videoaulas para concursos públicos

Provas Anteriores de concursos públicos

 

Confira abaixo todos os concursos que encerram inscrições:
 

 

Sexta-feira (4)

 

Salários de até R$ 7,2 mil
Concurso HSPM/SP encerra hoje inscrições para 85 vagas

Todos os níveis
Concurso Pará de Minas/MG: prazo de inscrição acaba hoje

Todos os níveis
Aberto concurso para 26 vagas na Prefeitura de Ibaté/SP

Níveis médio e superior
Inscrições abertas para 46 vagas em concurso da UFPA

 

 

Sábado (5)

 

Salários de até R$ 3,6 mil
Concurso em Sarapuí/SP reúne 13 oportunidades

Nível médio
Concurso em Eusébio/CE abre inscrições para 63 vagas

Nível superior
UFSB recebe inscrições de concurso com 73 vagas

 

Domingo (6)

 

Níveis médio e superior
Pedro de Toledo/SP reabre inscrições de concurso

Salários de até R$ 6 mil
Itaocara/RJ prorroga inscrição de concurso com 264 vagas

Níveis médio, técnico e superior
Itatiba/SP abre inscrições de concurso com 110 vagas

Saúde
Concurso Iabas/RJ: abertas inscrições para 13 vagas

Níveis dundamental e superior
Prefeitura de Itariri/SP: concurso com inscrição aberta

Superior
Santa Cruz da Esperança: concurso com inscrições abertas

Todos os níveis
Guapó/GO divulga edital de concurso com 861 vagas

Nível médio
Concurso Sejuc/SE: últimos dias do prazo para 100 vagas

Todos os níveis
Olho D’água das Cunhãs/MA divulga concurso com 257 vagas

Salários de até R$ 6,2 mil
Câmara de Cocos/BA reabre inscrições para concurso

Salários de até R$ 9,8 mil
Concurso Fortaleza/CE: 2.467 vagas com inscrição até 6/5

Níveis médio/técnico e superior
Consórcio de Saúde de Alagoinhas: concurso tem 57 vagas

Todos os níveis
Liberato Salzano/RS inscreve para concurso com 20 vagas

Salários de até R$ 11,9 mil
Prefeitura de Mafra/SC: concurso reúne 16 ofertas

Nível médio
Câmara de Santa Lúcia/PR: concurso tem vaga para agente

 

 

Confira aqui todos os concursos com inscrições abertas

Continuar lendo

Atualizado: 03/05/2018 - 10:34

Concurso PC/SP 2018: abertas inscrições para 500 vagas

As chances no concurso da Polícia Civil do Estado de São Paulo são para os cargos de agente de telecomunicações policial e papiloscopista policial, que requerem ensino médio completo

Ganho de R$ 4,2 mil

Por JCConcursos - Patricia Lavezzo

Entra em vigor nesta quinta-feira (3) o prazo de inscrição dos dois editais de concurso da Polícia Civil do Estado de São Paulo (PC/SP). Oportunidade é de 500 vagas, sendo 300 para o cargo de agente de telecomunicações policial e 200 para papiloscopista policial.

 

Para ingressar nas carreiras de agente de telecomunicações policial e de papiloscopista policial é necessário possuir diploma de conclusão de curso de ensino médio, carteira de habilitação na categoria “B” e ter conduta irrepreensível na vida pública e privada.

 

A remuneração inicial de ambas as funções é de R$ 4.281,51, incluindo salário básico de R$ 3.589,87 e adicional de insalubridade de R$ 691,64.

APOSTILAS CONCURSO PC/SP  2018 - AGENTE DE TELECOMUNICAÇÕES
APOSTILAS CONCURSO PC/SP 2018 - PAPILOSCOPISTA POLICIAL

As inscrições do concurso da Polícia Civil/SP serão recebidas até o dia 1º de junho. A ficha cadastral está disponível no endereço eletrônico da Fundação Vunesp (www.vunesp.com.br). O valor da taxa de participação é de R$ 56,54.

 

 

Provas do concurso da Polícia Civil/SP 2018

 

 

A primeira etapa a ser disputada pelos candidatos será a prova preambular, de caráter eliminatório e classificatório. Ela será constituída de 80 questões objetivas, consistentes em testes de múltipla escolha.

 

Para o cargo de agente de telecomunicações policial serão 30 questões de língua portuguesa, seis de noções de direito, quatro de noções de criminologia, 30 de noções de informática e comunicação, quatro de noções de lógica e seis de atualidades.

 


Ads

Cursos Online para Papiloscopista e Agente de Telecomunicações PC-SP 2018

Estude para o Concurso da Polícia Civil de São Paulo com cursos online, em PDF + videoaulas, 100% focados no edital. Teste por 30 dias. Confira.

 

Já para papiloscopista policial são 20 questões de língua portuguesa, cinco de noções de direito, cinco de noções de criminologia, cinco de noções de medicina e odontologia legal, cinco de noções de biologia, 20 de noções de informática, sete de noções de lógica, oito de noções de identificação e cinco de atualidades.

 

Com quatro horas de duração, a prova preambular será aplicada na data prevista de 1º de julho, nas cidades de Araçatuba, Bauru, Campinas, Presidente Prudente, Ribeirão Preto, Santos, São José do Rio Preto, São José dos Campos, São Paulo (Capital e Grande São Paulo), Piracicaba e Sorocaba. As informações sobre os locais e horários estarão disponíveis no edital de convocação, a ser publicado, oportunamente, no site da Fundação Vunesp.

 

Os inscritos no concurso da Polícia Civil/SP 2018 ainda serão avaliados por meio de comprovação de idoneidade e conduta escorreita mediante investigação social, de caráter unicamente eliminatório.

 

Serão convocados para a comprovação de idoneidade os candidatos habilitados na prova preambular que obtiverem as maiores notas, incluindo-se aqueles eventualmente empatados, no total de 450 para o cargo de agente de telecomunicações policial e 400 para papiloscopista policial.

 

 

Atribuições dos cargos da Polícia Civil/SP

 

 

Agente de telecomunicações policial - tarefas de transmissão ou recepção de informações de qualquer natureza por fio, radio, eletricidade, meios óticos ou qualquer outro processo eletromagnético, dentre outras a elas relacionadas ou delas decorrentes, além daquelas descritas na Lei Complementar n.º 207, de 5 de janeiro de 1979, e na Portaria DGP-30, de 14 de novembro de 2012.

 

Papiloscopista policial - estudo das impressões digitais na palma das mãos, dedos e na sola dos pés através das papilas dérmicas aptas a identificar o ser humano. Também cuida dos trabalhos de coleta, análise, pesquisa e arquivamento dos documentos pertinentes, assistindo ao delegado de polícia, além daquelas descritas na Lei Complementar n.º 207, de 5 de janeiro de 1979, e na Portaria DGP-30, de 14 de novembro de 2012. Planejar, coordenar e controlar a realização de captura e pesquisa em banco de dados automatizados de leitura, comparação e identificação de impressões papilares. Realizar a inserção de fragmentos papilares questionados no banco de dados automatizados, bem como o processamento da imagem, pesquisa, leitura, comparação e identificação das impressões papilares padrão; realizar pesquisa nos acervos decadactilar, monodactilar, quiroscópico, podoscópico e fotográfico, bem como a organização sistemática dos mesmos. Proceder à identificação civil e criminal de indivíduos, realizando pesquisas em banco de dados civis e/ou criminais, retrato falado, bem como perícias papiloscópicas em locais de crime ou desastres, em veículos, objetos, documentos e correlatos, requisitadas pelas autoridades policiais e judiciárias, culminando na elaboração de laudo pericial papiloscópico. Aplicar e desenvolver técnicas científicas e procedimentos para o tratamento e aproveitamento do tecido dérmico ou epidérmico de cadáveres, reconstituindo as impressões papilares visando à identificação. Proceder à identificação de cadáveres em diferentes estados, através de perícia necropapiloscópica. Efetuar busca através das impressões papilares de pessoas desaparecidas. Comparecer aos locais de crimes, proceder à técnica de levantamento papiloscópico para posterior localização, revelação, decalque e transporte de fragmentos digitais, palmares e plantares em objetos de diferentes superfícies. Realizar perícias de projeções de envelhecimento e rejuvenescimento facial humana para fins de identificação. Efetuar trabalhos técnicos fotográficos e macro-fotográficos para instruir laudos periciais papiloscópicos e necropapiloscópicos.

 

APOSTILAS CONCURSO PC/SP 2018 - PAPILOSCOPISTA

Continuar lendo

Atualizado: 03/05/2018 - 09:20

PC/SP: saíram editais com 600 vagas de agente e auxiliar

Estes eram os últimos editais de uma série que abriu 2.750 vagas na corporação. Cargos de agente policial e auxiliar de papiloscopista requerem nível médio e tem salário de R$ 3,5 mil

Agente e auxiliar

Por JCConcursos - Patricia Lavezzo

Foram publicados, nesta quinta-feira (3), os últimos dois editais do concurso da Polícia Civil do Estado de São Paulo (PC/SP). Eles oficializaram a abertura de mais 600 vagas, desta vez para os cargos de agente policial (400) e auxiliar de papiloscopista policial (200).

 

Para concorrer a uma das vagas é necessário possuir ensino médio completo, carteira de habilitação na categoria “B” para auxiliar e categoria “D” para agente e ter conduta irrepreensível na vida pública e privada.

 

A remuneração inicial tanto para agente policial quanto para auxiliar de papiloscopista é de R$ 3.596,98, incluindo salário básico de R$ 2.905,34 e adicional de insalubridade de R$ 691,64.

APOSTILA CONCURSO PCSP 2018 - AUXILIAR DE PAPILOSCOPISTA 

Vale ressaltar que todas as carreiras da corporação contaram, recentemente, com melhorias salariais, instituídas em 22 de março, por meio da lei complementar 1.317, que define aumento de salários para o funcionalismo público estadual. O documento determina um aumento de 3,5% a 7%, variando de acordo com a área. No caso específico da Polícia Civil, o reajuste é de 4%. Além disso, a partir do último dia 1º de março, a categoria também contou com reajuste de 2,27% no adicional de insalubridade, que passou de R$ 634,78 para R$ 691,64. 

 

 

Como participar do concurso do Polícia Civil/SP 2018

 

 

As inscrições serão recebidas entre os dias 10 de maio e 8 de junho. A ficha cadastral estará disponível no endereço eletrônico da Fundação Vunesp (www.vunesp.com.br), banca organizadora do processo de seleção.

 

Será cobrada uma taxa de participação do concurso da Polícia Civil/SP, no valor de R$56,54 para ambas as funções, e o seu pagamento deverá ser efetuado até a data limite do prazo, observado o horário de funcionamento da rede bancária.

 

Provas do concurso da Polícia Civil/SP 2018

 

 

A primeira etapa a ser disputada pelos candidatos será a prova preambular, de caráter eliminatório e classificatório. Ela será constituída de 80 questões objetivas, consistentes em testes de múltipla escolha.


Ads

Seja um Agente Policial da PC-SP 2018

Tenha uma preparação completa, através de materiais de acordo com o Edital e totalmente focados na sua aprovação. Acesse.

 

Para agente policial, a prova contará com 20 questões de língua portuguesa, dez de  noções de direito, dez de noções de criminologia, 20 de noções de informática, dez de  noções de lógica e dez de atualidades.

APOSTILA CONCURSO PCSP 2018 - AGENTE POLICIAL

Já para auxiliar, a avaliação será composta por 25 questões de língua portuguesa, cinco de noções de direito, cinco de noções de criminologia, cinco de noções de medicina e odontologia legal, dez de noções de informática, cinco de noções de lógica, dez de noções de identificação, dez de conhecimentos gerais e cinco de atualidades.

 

A prova preambular será aplicada no dia 8 de julho nas seguintes regiões do Estado de São Paulo: Araçatuba; Bauru; Campinas; Presidente Prudente; Ribeirão Preto; Santos; São José do Rio Preto; São José dos Campos; São Paulo (Capital e Grande São Paulo); Piracicaba e Sorocaba.

 

A etapa final do concurso da Polícia Civil/SP será a comprovação de idoneidade e conduta escorreita mediante investigação social, de caráter unicamente eliminatório.

Continuar lendo

Atualizado: 27/04/2018 - 10:32

Cosmópolis/SP: escolhida banca para diversos cargos

Número de vagas ainda não foi divulgado, mas cargos que serão oferecidos na seleção já estão definidos. Edital deve ser publicado em breve

Todos os níveis

Por JCConcursos - Fernando Cezar Alves

A Prefeitura de Cosmópolis, no interior paulista, a 130 km da capital e próxima a Campinas, divulgou, por meio de publicação em diário oficial, nesta sexta-feira, 27 de abril, o nome da banca organizadora do seu novo concurso público para o preenchimento de vagas em diversos cargos, com opções para quem possuí níveis fundamental, médio e superior. A escolhida é a Directa Desenvolvimento Institucional e de Carreiras. Agora, o próximo passo é a assinatura do contrato, que deve ocorrer nos próximos dias. A seguir, o edital de abertura de inscrições já poderá ser publicado.  O número de vagas ainda não foi divulgado pela prefeitura. Porém, as carreiras que serão oferecidas na seleção já foram antecipadas.


Os cargos que contarão com oportunidades na seleção serão os seguintes: agente fiscal tributário II - fiscal de posturas, agente fiscal tributário II  - fiscal tributário, agente comunitário de saúde, inspetor de alunos feminino e masculino, motorista, motorista escolar, nutricionista – clínica, assistente social , psicólogo, recepcionista, secretário de escola, técnico de enfermagem do trabalho, auxiliar operacional, operador de ETA e ETE e guarda municipal I masculino e feminino.


De acordo com o edital de licitação, as taxas já estão definidas e deverão ser de R$ 38 para cargos com exigência de ensino fundamental, R$ 43 para ensino médio e R$ 60 para nível superior.


O prazo para a realização de todos os procedimentos da seleção será de seis meses, contando da data de assinatura do contrato com a banca.
 
   

 

Continuar lendo

Atualizado: 25/04/2018 - 11:48

Pirapora do Bom Jesus/SP abre concurso para guarda civil

Edital destina 15 postos a homens e cinco a mulheres. Inscrições para o concurso da Prefeitura de Pirapora do Bom Jesus seguem disponíveis até 14 de maio

Nível médio

Por JCConcursos - Samuel Peressin

No interior de São Paulo, a Prefeitura de Pirapora do Bom Jesus abriu nesta quarta-feira (25) as inscrições do concurso para 20 vagas de guarda civil municipal.

 

O edital destina 15 postos a homens e cinco a mulheres. Os candidatos devem possuir ensino médio completo e idade mínima de 18 anos (até a data de convocação para posse).

 

A remuneração inicial é de R$ 1.741,80, já considerando o salário-base (R$ 954) e os seguintes complementos: 30% de adicional de periculosidade (R$ 286,20), 40% de gratificação especial (R$ 381,60) e R$ 120 de abono por assiduidade. Além disso, os contratados terão direito a salário-família.

 

O processo seletivo é organizado pela banca Integri Brasil, que recebe inscrições até 14 de maio, no endereço www.integribrasil.com.br. O valor da taxa é de R$ 40.

 

Sobre as provas do concurso da Prefeitura de Pirapora do Bom Jesus 2018

 

Prevista para 24 de junho, a prova objetiva apresentará 40 perguntas de múltipla escolha sobre língua portuguesa, matemática, legislação, conhecimentos sobre o município e conhecimentos gerais e específicos da função.

 

Nas outras três fases, os candidatos realizarão, respectivamente, teste de aptidão física, avaliação psicológica e curso de formação, em datas a serem definidas.

 

A validade do concurso da Prefeitura de Pirapora do Bom Jesus será de dois anos, com possibilidade de prorrogação uma vez, por igual período, conforme prevê o edital.

 

Atribuições do guarda civil no concurso da Prefeitura de Pirapora do Bom Jesus

 

Execução de Patrulhamento Urbano, ambiental e escolar ostensivo e preventivo; Executar atividades de policiamento e vigilância na proteção de bens, serviços e instalações da administração pública municipal; Dirigir as viaturas da Guarda Civil Municipal; Comunicar ao superior hierárquico qualquer irregularidade ocorrida no posto de serviço ou que tenha conhecimento; Executar outras tarefas correlatas determinadas pelo superior hierárquico; Promover a proteção dos bens e patrimônio público através de vigilância ostensiva; Fiscalização da utilização adequada dos parques, jardins, praças, cemitérios, mercados, feira livre, bibliotecas e outros bens de domínio público, evitando sua depredação; Atuar no auxílio ao público em geral junto aos órgãos municipais; Atender a população nas atividades de assistência social em geral, dando prioridade naquelas voltadas a crianças, adolescentes, idosos e pessoas com necessidades especiais; Prestar pronto atendimento nos casos de qualquer sinistro ou evento de calamidade pública; Participar de maneira ativa nas comemorações cívicas, festas e fatos de caráter municipais visando a exaltação do patriotismo;  Colaborar com a fiscalização dos serviços públicos, dando apoio à fiscalização de postura visando a proteção dos agentes públicos e a realização dos trabalhos.

Continuar lendo

Atualizado: 20/04/2018 - 14:05

Concurso em Carapicuíba/SP inscreve para 53 vagas

Com oportunidades em diversos cargos, Prefeitura Municipal de Carapicuíba mantém as inscrições abertas até o dia 18 de maio. Os salários iniciais oferecidos chegam a R$ 3,1 mil

Todos os níveis

Por JCConcursos - Patricia Lavezzo

Encontram-se abertas as inscrições dos dois editais de concurso público da Prefeitura Municipal de Carapicuíba, situada na Região Metropolitana de São Paulo, a apenas 28 km da capital. Ao todo, a seleção preencherá 23 vagas do seu quadro de pessoal.  

 

Candidatos alfabetizados podem se inscrever para a função de artífice nas especialidades de jardineiro (1 vaga), operador de motosserra (1) e pedreiro (5). O salário inicial é de R$ 976,14.

 

Já para quem tem o ensino fundamental, as chances são para os empregos de eletricista de auto e máquinas (1) e motorista (5). Os respectivos vencimentos são de R$ 1.040,85 e R$ 1.162,27.

 

O cargo de guarda civil municipal (30) exige ensino médio completo, altura mínima de 1,60m para as mulheres e 1,65m para os homens e carteira de habilitação nas categorias “A” e “B”. O inicial é de R$ 978,18.

 

Curso técnico específico é requisito no concurso da Prefeitura de Carapicuíba para o posto de técnico em infraestrutura de rede e telefonia (2), cujo ganho é de R$ 1.612,22.

 

Aqueles que têm o nível superior estão aptos às carreiras de arquiteto (1), dentista (1), engenheiro civil (1), farmacêutico (1), fisioterapeuta (1), fonoaudiólogo (1) e terapeuta ocupacional (2). As remunerações variam de R$ 1.782,24 a R$ 3.145,69.

 

 

Etapas do concurso da Prefeitura de Carapicuíba/SP

 

 

As inscrições deverão ser realizadas no endereço eletrônico da RBO Assessoria Pública e Projetos Municipais (www.rboconcursos.com.br) até as 15h do dia 18 de maio. O valor da taxa de participação, para todos os cargos, é de R$ 23, 70.

 

O concurso da Prefeitura de Carapicuíba será constituídos das seguintes etapas: prova objetiva para todos os empregos; avaliação prática para os níveis alfabetizado, fundamental, médio e técnico; e aferição de altura, teste de aptidão física e avaliação psicológica para guarda civil municipal.

 

A prova objetiva será composta por questões de múltipla escolha que versarão sobre as disciplinas de língua portuguesa, matemática, conhecimentos em informática e/ou conhecimentos específicos.

 

A avaliação será aplicada na cidade de Carapicuíba/SP no dia 24 de junho para a função de guarda civil municipal e dia 1º de julho para todos os demais postos. As informações sobre os locais e horários de realização dos exames serão divulgadas no edital de convocação, a ser publicado, oportunamente, no site da RBO. 

 

APOSTILAS CONCURSO PREFEITURA CARAPICUÍBA 2018 - TÉCNICO DE INFRAESTRUTURA DE REDE E TELEFONIA

Continuar lendo

Atualizado: 19/04/2018 - 09:55

Concurso PM/SP: prazo para 2.700 vagas encerra hoje (19)

As chances no concurso da Polícia Militar de São Paulo (PM/SP) são destinadas a candidatos de nível médio, de ambos os sexos e com idade entre 17 e 30 anos

Para soldado

Por JCConcursos - Patricia Lavezzo

Chega ao fim nesta quinta-feira (19) o prazo de inscrição do concurso público da Polícia Militar do Estado de São Paulo (PM/SP). A seleção visa o provimento de 2.700 cargos de soldado PM de 2ª classe, destinados a candidatos do sexo masculino e feminino.

Para ingressar na carreira é necessário ter diploma de conclusão de curso de nível médio, idade entre 17 e 30 anos, altura mínima de 1,55m para as mulheres e 1,60m para os homens e carteira de habilitação entre as categorias “B” e “E”. 

APOSTILA CONCURSO PM/SP 2018 - SOLDADO 2ª CLASSE

A remuneração básica inicial para o cargo de soldado PM de 2ª classe é de R$ 3.049,41, sendo que as parcelas que a compõem são: R$ 1.178,88 de padrão, R$ 1.178,88 de Regime Especial de Trabalho Policial (RETP) e R$ 691,65 insalubridade. 

 

Inscrições do concurso da PM/SP 2018

 

As inscrições devem ser realizadas exclusivamente pela internet, através do endereço eletrônico da banca organizadora, a Fundação Vunesp (www.vunesp.com.br).

Será cobrada uma taxa de participação do concurso da PM/SP 2018, no valor de R$ 50, e o seu pagamento deverá ser efetuado até a data limite do prazo, observado o horário de funcionamento do banco. 

 

Provas do concurso da PM/SP 2018

 

A primeira etapa a ser disputada pelos candidatos o exame de conhecimentos, que será dividido em prova objetiva e prova dissertativa. A Prova Objetiva será composta por 60 questões de múltipla escolha, sendo 18 de língua portuguesa e interpretação de texto, 12 de matemática, 14 de conhecimentos gerais, oito de noções básicas de informática e oito de noções de administração pública.

Já a prova dissertativa será composta de uma redação, na qual se espera que o candidato produza uma dissertação em prosa na norma-padrão da língua portuguesa, a partir da leitura de textos auxiliares, que servem como um referencial para ampliar os argumentos produzidos pelo próprio candidato. Ele deverá demonstrar domínio dos mecanismos de coesão e coerência textual, considerando a importância de apresentar um texto bem articulado.

 


Ads

Garanta sua aprovação no concurso da PM-SP

Uma das 2.700 vagas de soldado será sua! A Central de Concursos oferece curso intensivo para você se preparar com o melhor material didático e time de professores do Brasil.  Confira.
 

Com duração de quatro horas, o exame de conhecimentos será aplicado no dia 3 de junho nas cidades de Araçatuba; Bauru; Campinas; Piracicaba; Presidente Prudente; Ribeirão Preto; Santos; São José do Rio Preto; São José dos Campos; São Paulo e Sorocaba. 

O concurso PM/SP 2018 ainda será constituído das seguintes etapas: exames de aptidão física; exames de saúde; exames psicológicos; avaliação da conduta social, da reputação e da idoneidade; e análise de documentos.

 

Atribuições do soldado da PM/SP

 

O policiamento ostensivo e a preservação da ordem pública, envolvendo a repressão imediata às infrações penais e administrativas e a aplicação da lei, nas diversas modalidades de policiamento, sempre primando pela defesa da vida, da integridade física e da dignidade da pessoa humana, em conformidade com os princípios doutrinários de polícia comunitária, de direitos humanos e de gestão pela qualidade, por intermédio da conclusão com aproveitamento do Curso Superior de Técnico de Polícia Ostensiva e Preservação da Ordem Pública, destinado a formar, com solidez teórica e prática, o profissional ocupante do cargo inicial do Quadro de Praças da Polícia Militar.

APOSTILA CONCURSO PM/SP 2018 - SOLDADO

Continuar lendo

Atualizado: 09/04/2018 - 12:04

Leme/SP prepara novo concurso para 198 vagas

Seleção contará com oportunidades para diversos cargos, com remunerações iniciais de até R$ 9 mil. Em fase de licitação

Por JCConcursos - Fernando Cezar Alves

A Prefeitura de Leme, no interior paulista, próxima a 190 km da capital e próxima a Piracicaba, realizará concurso público para o preenchimento de 198 vagas em seu quadro de pessoal, sendo cinco para cargos com exigência de alfabetização, 55 para ensino fundamental completo ou incompleto, 54 para ensino médio e 84 para quem possui formação de nível superior, com remunerações iniciais que variam de R$ 800  a R$ 9.036,45.


O processo está em fase de licitação para a escolha da banca, que está sendo feito pelo critério de pregão eletrônico, com abertura das propostas marcada para o próximo dia 20 de abril. Somente após a contratação da empresa será definida a data de publicação do edital de abertura de inscrições.

 

Alfabetização
Quem possui alfabetização poderá concorrer ao cargo de coletor, com remuneração inicial de R$ 058,40 e taxa de até R$ 16,93.

 

Ensino Fundamental
No caso de ensino fundamental: agente comunitário de saúde (5, R$ 1.232,22, com taxa até R$ 17,60),  agente de controle de vetores (5, r$ 1.232,22, R$ 17,60), agente de serviços públicos (20, R$ 1.232,22, R$ 17,60), inspetor de alunos (5, R$ 1232,22, R$ 17,60), monitor de projetos (5, R$ 958,40, R$ 17,60), motorista (10, com carteira de habilitação “D”, R$ 1.232,22, R$ 17,60), oficial de manutenção (3, com fundamental incompleto, R$ 1.232,22, R$ 17,60), tratorista (1, com carteira de habilitação “D”, R$ 1.232,22, R$ 17,60) e vigilante patrimonial (1, R$ 958,40, R$ 17,60).

 

Ensino Médio

Para ensino médio: agente administrativo (25, R$ 1.232,22, R$ 17,27), agente de fiscalização municipal (1, R$ 1.232,22, R$ 17,27), auxiliar de saúde bucal (1, com curso profissional e registro no conselho, R$ R$ 1.232,22, R$ 17,27), fiscal de vigilância sanitária e ambiental (1, R$ 1.232,22, R$ 17,27), guarda civil (5, R$ 1.095,30, R$ 17,27), monitor de educação (1, R$ 1.232,22, R$ 17,27), técnico de enfermagem (5, com registro profissional, R$ 1.506,06, R$ 17,27), técnico de enfermagem em saúde da família (1, com registro profissional, R$ 2.122,19, R$ 17.27), técnico em farmácia (1,com registro, R$ 1.506,06, R$ 17,27), técnico em gesso (1, com registro, R$ 1.506,06, R$ 17,27), técnico em radiologia (1, com registro, R$ 1.506,06, R$ 17,27), técnico em segurança do trabalho (1, com registro, R$ 2.122,19, R$ 17,27), topógrafo (1, com registro, R$ 1.506,06, R$ 17,27), cuidador plantonista (3, com curso na área da saúde, R$ 800, R$ 17,27), técnico de enfermagem plantonista (5,  com registro profissional, R$ 1.440, R$ 17,27) e técnico em informática (1, com registro profissional, R$ 1.506,06, R$ 17,27).

 

Nível Superior
Por fim, para nível superior: analista em gestão municipal (1, com formação em administração de empresas, administração pública, economia, gestão financeira, gestão de RH, ciências sociais, estatística ou direito, R$ 4.107,47, R$ 17,93), arquiteto (1, R$ 3.354,42, R$ 17,93), assistente de procurador (1, registro em direito, R$ 3.354,42, R$ 17,93), assistente social (5, R$ 2.122,19, R$ 17,93), diretor de escola (5, com licenciatura plena em pedagogia ou pós em gestão/administração escolar e cinco anos de magistério ou mínimo de cinco anos em suporte pedagógico, R$ 3.696,70, R$ 17,93), educador esportivo (1, formação em educação física, R$ 2.122,19, R$ 17,93), enfermeiro (1, R$ 2.122,19, R$ 17,93), enfermeiro em saúde da família (1, R$ 3.354,42, R$ 17,93), engenheiro agrimensor (1, R$ 3.354,42, R$ 17,93), engenheiro civil (1, R$ 3.354,42, R$ 17,93), farmacêutico (1, R$ 2.122,,19, R$17,93), fiscal de rendas (1, formação em administração de empresas, administração pública, gestão financeira, economia, ciências contábeis ou direito, R$ 2.122,19, R$ 17,93), fisioterapeuta (1, R$ 2.122,19, R$ 17,93), médico psiquiatra do caps (1, R$ 9.036,45, R$ 17,93), médico veterinário (1, R$ 3.354,42, R$ 17,93), nutricionista (1, R$ 2.122,19, R$ 17,93), procurador (1, R$ 4.792,05, R$ 17,93), professor de educação básica PEB I (10, licenciatura plena em pedagogia com habilitação específica ou curso normal superior, R$ 1.712,03, R$ 17,93), professor de educação básica II PEB II (10, licenciatura plena em disciplinas específicas, R$ 1.883,26, R$ 17,93), professor substituto (10, licenciatura plena em pedagogia com habilitação específica ou curso normal superior, R$ 1.150,08, R$ 17,93), psicólogo (5, R$ 2.122,19, R$ 17,93), psicopedagogo (1, R$ 2.122,19, R$ 17,93), supervisor de ensino (1, licenciatura em pedagogia ou pós em gestão na área de educação e sete anos de magistério ou cinco em função de suporte pedagógico, R$ 3,833,63, R$ 17,93), terapeuta ocupacional (1, R$ 2.122,19, R$ 17,93), médico horista (1, R$ 2.400, R$ 17,93), médico horista cardiologista (1, R$ 3.000, R$ 17,93), médico horista dermatologista (1, 3.000, R$17,93), médico horista ginecologista e obstetrícia (1, R$ 3.000, R$ 17,93), médico horista infectologista (1, R$ 3.000, R$ 17,93), médico horista mastologista (1, R$ 3.000, R$ 17,93), médico horista neurologista (1, R$ 3.000, R$ 17,93), médico horista oftalmologista (1, R$ 3.000, R$ 17,93), médico horista pediatra (1, R$ 3.000, R$ 17,93), médico horista psiquiatria infantil (1, R$ 3.000, R$ 17,93), médico horista psiquiatra (1, R$ 3.000, R$ 17,93), médico horista urologista (1, R$ 3.000, R$ 17,93), médico horista vascular (1,R$ 3.000, R$ 17,93), odontólogo horista (1, R$ 1.800, R$ 17,93), gerontólogo (1, R$ 2.400, R$ 17,93), advogado do SUAS (1, R$ 3.354,42, R$ 17,93), auditor municipal de controle interno (1, formação em gestão de políticas públicas, administração pública, gestão pública, administração, contabilidade, economia ou direito, R$ 3.354,42, R$ 17,93), médico (1, R$ 3.354,42, R$ 17,93) e odontólogo (1, R$ 2.122,19, R$ 17,93).                 

 

Continuar lendo

Atualizado: 15/03/2018 - 12:10

GCM/SP: prefeito autoriza nomeação de 500 aprovados

Do total de remanescentes que serão convocados do último concurso, 437 são homens e 63 mulheres. Esta deve ser a última convocação de aprovados da seleção

Concurso de 2013

Por JCConcursos - Fernando Cezar Alves

Um dia após a polêmica atuação da Guarda Civil Metropolitana (GCM) de São Paulo, no embate com professores da rede municipal, que se manifestavam contra a reforma da previdência paulista na Câmara dos Vereadores, o prefeito João Doria divulgou, por meio de publicação em diário oficial, nesta quinta-feira, 15 de março, autorização para reforçar o quadro de servidores da corporação, com a nomeação de mais 500 guardas civis metropolitanos, remanescentes do último concurso público para a carreira, realizado em 2013.  Das 500 vagas autorizadas para preenchimento pelo prefeito, 437 são para homens e 63 para mulheres.  


Esta deve ser a última nomeação de remanescentes do concurso, cujo prazo de validade encerra este mês. A oferta inicial foi de 2 mil vagas, sendo 1.400 para homens e 600 para mulheres. Porém, com as novas 500 contratações, o certame deve encerrar com o preenchimento de 1.200 postos, número inferior à oferta inicial. Em abril de 2014 foram convocados 500 aprovados e em maio de 2017, mais 200, sendo 140 homens e 200 mulheres.


Na ocasião, o então prefeito Fernando Haddad alegou falta de condições financeiras para a contratação de todos os aprovados quando da homologação dos resultados finais.


A banca organizadora do concurso foi a Fundação Vunesp e o prazo de validade foi de dois anos, prorrogado em 2016, por mais dois.   

 

Continuar lendo

Atualizado: 08/03/2018 - 10:43

Depen: portaria abre caminho para novos concursos

Oportunidades do concurso do Departamento Penitenciário Nacional serão para os cargos de agente, técnico e especialista. Níveis médio, técnico e superior

Pedido de 1.580 vagas

Por JCConcursos - Camila Diodato

Boa notícia para quem pretende ingressar no Departamento Penitenciário Nacional (Depen). Acontece que o secretário executivo interno do Ministério de Segurança Pública, Carlos Alberto dos Santos Cruz, divulgou, por meio de publicação em diário oficial, nesta quinta-feira, 8 de março, a portaria 4/2018, que delega competências ao diretor-geral do Depen, incluindo procedimentos necessários às atividades de recursos humanos, bem como “assinar documentos e baixar atos relativos a provimento e vacância de cargos efetivos, bem como à realização de concurso público para provimento do quadro de pessoal do Depen”. Com isto, o órgão passa a ter maior autonomia para a realização de seus certames.


Vale lembrar que o Depen conta com um pedido de novo concurso para o preenchimento de 1.580 vagas tramitando no Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão (MPDG) desde 15 de fevereiro.


Do total de oportunidades do pedido, 1.440 são para o cargo de agente federal de execução penal. Neste caso, para concorrer é necessário possuir ensino médio e carteira de habilitação a partir da categoria “B”. A remuneração inicial é de R$ 6.030, incluindo gratificação de desempenho e auxílio-alimentação de R$ 458. Para os servidores veteranos, a remuneração chega a R$ 10.202,50.


O pedido também inclui 36 vagas para o cargo de técnico federal de apoio à execução penal, que pede formação de nível médio ou médico técnico, com inicial de R$ 4.120,28.


Por fim, as 104 vagas restantes são para o cargo de especialista federal em assistência à execução penal, para quem possui formação de nível superior em áreas específicas. O inicial, neste caso, é de R$ 5.865,70.

 

Saiba mais sobre o cargo de agente


Conhecido anteriormente como agente penitenciário federal, a função de agente federal de execução penal teve sua nomenclatura alterada com a lei 13.327/2016. Quem ocupa o posto tem o dever de fazer o exercício das atividades de atendimento, vigilância, custódia, guarda, escolta, assistência e orientação de pessoas recolhidas aos estabelecimentos penais e de internamento federais, integrantes da estrutura do Departamento Penitenciário Nacional do Ministério da Justiça e Cidadania, e das atividades de natureza técnica, administrativa e de apoio a elas relacionadas  

Último concurso do Depen

  Em 2014, o Departamento Penitenciário Nacional lançou edital com 258 vagas e cadastro reserva de pessoal. As oportunidades foram distribuídas entre as carreiras de agente, técnico e especialista.   A lotação ocorreu na sede (localizada em Brasília/DF) ou em uma das cinco penitenciárias federais situadas nas cidades de Brasília/DF, Campo Grande/MS, Catanduvas/PR, Mossoró/RN e Porto Velho/RO.   Sob a organização do Cespe/UnB, a triagem constou de provas objetivas, testes discursivos, aptidão física, avaliação psicológica, exame médico e investigação social.   Os exames objetivos apresentaram 120 questões sobre conhecimentos básicos (língua portuguesa, atualidades, noções de ética no serviço público, noções de direitos humanos e participação social), complementares e específicos. Já os testes discursivos foram compostos por um texto dissertativo de até 30 linhas acerca de tema baseado em conhecimentos básicos de atualidades.   As provas foram realizadas em todas as capitais brasileiras, mais o Distrito Federal e as cidades de Catanduvas/PR e de Mossoró/RN.
Continuar lendo

Atualizado: 05/03/2018 - 14:21

Carreira policial: concursos devem abrir 16 mil vagas

Diversos cargos de níveis médio e superior devem fazer parte dos concursos da PRF, Polícia Rodoviária, Polícias Civis e Polícias Militares. Salários de até R$ 22,1 mil

Em todo o país

Por JCConcursos - Da Redação/SP

Não há dúvidas de que os concursos para carreiras policiais estão entre os mais visados do funcionalismo público, seja pela estabilidade, os altos salários que oferecem ou até mesmo pela rotina das funções, que, apesar de “perigosa” para alguns, costuma agradar bastante quem sonha em ingressar no quadro de servidores de uma das polícias.
Fora todos esses atrativos, as carreiras policiais estão em alta também por conta do bom momento pelo qual estão passando, com processos de valorização e reajustes salariais, além de previsões bem seguras de editais nos próximos meses.
A mais recente novidade surgiu na última semana, quando o ministro da nova pasta de segurança pública, Raul Jungmann, anunciou, em uma entrevista coletiva, que a Polícia Federal (PF) e a Polícia Rodoviária Federal (PRF) já possuem autorizações para abrir 1.000 vagas, sendo 500 para cada corporação. 
Segundo Jungmann, as seleções vêm com o objetivo de dobrar o contingente de policiais federais em postos de fronteira, além de reforçar o combate aos crimes de corrupção, principais fatores que desencadearam a criação do novo Ministério de Segurança Pública.
Em paralelo, diversos órgãos estaduais também já se movimentam para lançar novos editais. Ao todo, eles devem preencher 15.932 vagas de níveis médio e superior.
Confira a relação completa de órgãos policiais que pretender abrir novos concursos em 2018:

Concurso PRF

A expectativa é de que, na PRF, as oportunidades sejam todas para a função de policial rodoviário, que admite formação de nível superior em qualquer área e, atualmente, oferece salário de R$ 9,9 mil – um reajuste programado para janeiro de 2019 o aumentará para R$ 10,3 mil. Saiba mais sobre o concurso.

Concurso PF

Já na PF, as ofertas devem ser divididas entre as carreiras de agente policial, perito médico, todos com exigência de nível superior (para agente, em qualquer área; para perito, em áreas específicas; e, para, delegado, em direito). Os vencimentos, neste caso, são de R$ 12,4 mil para agente e de R$ 23,1 mil para delegado - em janeiro de 2019, eles serão elevados para R$ 12,9 mil e R$ 24,1 mil, respectivamente. Saiba mais sobre o concurso.

Concurso Polícia Civil/SP


O governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, autorizou concurso com 2.750 vagas para a Polícia Civil, sendo 1.100 para cargos com exigência de ensino médio e 1.650 para carreiras com necessidade de nível superior. Remunerações chegam a R$ 10.142,55. Saiba mais detalhes aqui.

Concurso Polícia Civil/MG


Já foi autorizado um processo seletivo para o preenchimento de 119 chances no cargo de escrivão de polícia. Exigência de ensino superior completo em qualquer área e salário de R$ 4.098,43 para jornadas de 40 horas semanais. O próximo passo é a constituição da comissão organizadora. Saiba mais detalhes aqui.

Concurso Polícia Civil/DF


É grande a expectativa para que seja realizada a seleção da Polícia Civil do Distrito Federal com 2.100 postos distribuídos em diversos cargos, ainda não revelados. Saiba mais detalhes aqui.

Concurso Polícia Civil/GO


O governador Marconi Perillo autorizou concurso para o preenchimento de 650 oportunidades. Um total de 100 ofertas será para a carreira de delegado e o restante distribuído entre as funções de agente e escrivão. Para concorrer será necessário possuir formação superior completa. Saiba mais detalhes aqui.

Concurso Polícia Militar/MS


Foi formada a comissão do concurso da PM do Mato Grosso do Sul com 500 oportunidades. Todas as chances serão para o cargo de soldado, que necessita de ensino médio. Saiba mais detalhes aqui.

Concurso Polícia Civil/RN


No decorrer das próximas semanas deve ser definida a banca organizadora do concurso da Polícia Civil do Rio Grande do Norte. A seleção terá 157 ofertas, sendo 29 para a carreira de delegado de polícia, 17 para escrivão e 111 para agente. Todos os empregos são para quem possui curso superior. Saiba mais detalhes aqui.

Concurso Polícia Civil/AM


Deve ser publicado até dezembro o edital do concurso da Polícia Civil do Amazonas, de acordo com a Secretaria de Segurança Pública. Ao todo, serão abertos 2.394 postos em diversos cargos. Saiba mais detalhes aqui.

Concurso Polícia Militar/AM


Também no Amazonas, a Polícia Militar se prepara para realizar seleção para o preenchimento de 5.865 vagas. As chances serão para as colocações de soldado (ensino médio) e oficial (médio ou superior, de acordo com a especialidade). Saiba mais detalhes aqui.

Concurso Polícia Civil/PA


O próximo concurso público da Polícia Civil do Pará visará a selecionar 11 profissionais nos cargos de técnico em gestão pública - assistente social (9), técnico em gestão pública - contador (1) e técnico em gestão de informática - engenharia de sistemas (1). Todas as funções são de nível superior e apresentam inicial de R$ 2.727,54. No momento, o órgão está em fase de licitação para escolha da organizadora. Saiba mais detalhes aqui.

Concurso Polícia Civil/RR


Está previsto para ser lançado nos próximos dias o edital da Polícia Civil de Roraima com 330 vagas. Todas as oportunidades serão para a carreira de policial e estarão distribuídas de forma regionalizada. Saiba mais detalhes aqui.

Concurso Polícia Civil/PR


O edital com 776 oportunidades da Polícia Civil do Paraná deve ficar para 2018. Todas as vagas destinam-se ao emprego de investigador de polícia, que exige curso superior em qualquer área de atuação. Saiba mais detalhes aqui.

Concurso Polícia Militar/ES


O governador do Espírito Santo (PM/ES), Paulo Hartung, autorizou concurso para a Polícia Militar com o intuito de preencher 310 chances, sendo 290 para nível médio e 20 para formação superior. As ofertas são para as carreiras de soldado e oficial, cujos salários chegam a R$ 6.971,84. Saiba mais detalhes aqui.

CURSOS SEGURANÇA PÚBLICA
Continuar lendo

Atualizado: 22/02/2018 - 11:58

Prefeitura de Suzano/SP divulga concurso com 20 vagas

As oportunidades no concurso da Prefeitura Municipal de Suzano são destinadas a candidatos de nível médio e com idade entre 18 e 35 anos

Guarda civil municipal

Por JCConcursos - Patricia Lavezzo

Na região metropolitana de São Paulo, a cerca de 52 km da capital, a Prefeitura Municipal de Suzano divulgou um novo edital de concurso público para ingresso na carreira de guarda civil municipal. A seleção visa o preenchimento de 20 vagas, sendo seis reservadas às mulheres e 14 aos homens. 
O cargo exige diploma de conclusão de curso de ensino médio, idade entre 18 e 35 anos na data da posse, altura mínina de 1,60m para as mulheres e 1,65m para os homens e carteira de habilitação na categoria “A/B”. O salário inicial é de R$ 1.728,40 para carga horária semanal de 40 horas na proporção de 12x36. 
APOSTILAS CONCURSO SUZANO/SP - GUARDA CIVIL MUNICIPAL
Além do vencimento, a Prefeitura de Suzano/SP ainda oferece aos seus servidores os seguintes benefícios: vale-transporte, auxílio-alimentação e cesta básica.
De acordo com o edital, o candidato aprovado será admitido pelo regime estatutário e deverá prestar serviços dentro do horário estabelecido pela administração, podendo ser diurno e/ou noturno, em dias de semana, sábados, domingos e feriados, obedecida a carga horária semanal de trabalho.
Entre as atribuições do guarda civil municipal, estão: promover a proteção dos bens, instalações e serviços municipais por meio da vigilância interna e externa dos próprios públicos municipais em geral e fiscalização da adequada utilização dos parques, jardins, praças, cemitérios, mercados, feiras-livres, museus, bibliotecas e outros bens de domínio público, evitando a sua depredação; atuar no auxílio ao público em geral junto aos próprios públicos municipais; participar, de maneira ativa, nas comemorações cívicas de feitos e fatos programados pelo município, destinados à exaltação do patriotismo; atender à população; promover a vigilância de logradouros públicos e das áreas de preservação do patrimônio natural e cultural do município, bem como da preservação de mananciais e da defesa da fauna e da flora; garantir a realização dos serviços de responsabilidade do município e sua ação fiscalizadora no desempenho de atividades de polícia administrativa, em especial nos serviços ligados às áreas de educação, saúde pública, transporte coletivo e demais órgãos oficiais; executar outras tarefas. 

Etapas do concurso da Prefeitura de Suzano/SP


As inscrições serão recebidas entre os dias 12 de março e 13 de abril. A ficha cadastral estará disponível na página eletrônica da banca organizadora da seleção, a Fundação Vunesp (www.vunesp.com.br). O valor da taxa de participação é de R$ 65. 
O concurso da Prefeitura de Suzano/SP será constituído das seguintes etapas: prova objetiva; exame antropométrico; prova de aptidão física; avaliação psicológica; exame médico; e pesquisa social. 
A prova objetiva, de caráter eliminatório e classificatório, será composta por 50 questões de múltipla escolha, sendo 20 de língua portuguesa, 10 de matemática, cinco de atualidades, cinco de noções de informática e 10 de conhecimentos específicos. Ela será aplicada na cidade de Suzano/SP no dia 10 de junho. 
APOSTILAS CONCURSO SUZANO/SP - GUARDA CIVIL MUNICIPAL
Continuar lendo

Atualizado: 15/02/2018 - 14:44

Concurso em São José dos Campos/SP oferece 50 vagas

As chances no concurso da Prefeitura Municipal de São José dos Campos são destinadas a candidatos que concluíram o nível médio, com idade entre 18 e 30 anos

Guarda civil municipal

Por JCConcursos - Patricia Lavezzo

No interior do Estado de São Paulo, a Prefeitura Municipal de São José dos Campos publicou um novo edital de concurso público. A seleção visa o provimento de 50 vagas para a carreira de guarda civil municipal 2ª classe. 
O cargo exige diploma de conclusão de curso de nível médio, idade entre 18 e 30 anos até o término das inscrições, altura mínima de 1,60m para as mulheres e 1,65 para os homens e carteira de habilitação na categoria “B”. 
O salário inicial é de R$ 1.591,86 para jornada semanal de trabalho de 44h. Como benefícios, a Prefeitura de São José dos Campos ainda oferece vale-refeição e vale-transporte. 
De acordo com o edital, os integrantes da guarda civil municipal estão sujeitos à jornada especial de trabalho, que se caracteriza pelo cumprimento de horário especial e de plantões noturnos.
Entre as atribuições do cargo, estão: sob o comando do guarda civil municipal 1ª classe, compor guarnição de viatura para cumprir as missões determinadas, inclusive a de motorista; responsabilizar-se pelos equipamentos e materiais utilizados no seu turno de serviço; exercer outras tarefas designadas e previstas nos regulamentos internos da corporação e compatíveis com o cargo.

Etapas do concurso da Prefeitura de São José dos Campos/SP


Interessados em concorrer a uma das vagas deverão se inscrever no período de 26 de fevereiro a 29 de março. O formulário de inscrição estará disponível na página eletrônica da banca organizadora, a Fundação Vunesp (www.vunesp.com.br). A taxa custa R$ 68,50. 
APOSTILA CONCURSO PREFEITURA DE SÃO JOSÉ DOS CAMPOS 2018 - GUARDA CIVIL MUNICIPAL 2ª CLASSE
O concurso da Prefeitura de São José dos Campos será constituído das seguintes fases: prova objetiva; aferição de altura e prova de aptidão física; e avaliação psicológica. 
A prova objetiva, de caráter eliminatório e classificatório, será composta por 50 questões de múltipla escolha, sendo 15 de língua portuguesa, 15 de matemática, cinco de atualidades, cinco de noções de informática e 10 de conhecimentos específicos. Ela será aplicada na cidade de São José dos Campos/SP no dia 6 de maio, com início às 9h. 

Conteúdo programático 


Língua portuguesa - leitura e interpretação de diversos tipos de textos (literários e não literários). Sinônimos e antônimos. Sentido próprio e figurado das palavras. Pontuação. Classes de palavras: substantivo, adjetivo, numeral, pronome, verbo, advérbio, preposição e conjunção: emprego e sentido que imprimem às relações que estabelecem. Concordância verbal e nominal. Regência verbal e nominal. Colocação pronominal. Crase. 
Matemática - operações com números reais. Mínimo múltiplo comum e máximo divisor comum. Razão e proporção. Porcentagem. Regra de três simples e composta. Média aritmética simples e ponderada. Juros simples. Equação do 1º e 2º graus. Sistema de equações do 1º grau. Relação entre grandezas: tabelas e gráficos. Sistemas de medidas usuais. Noções de geometria: forma, perímetro, área, volume, ângulo, teorema de Pitágoras. Resolução de situações-problema.
Atualidades - questões relacionadas a fatos políticos, econômicos, sociais e culturais, nacionais e internacionais, ocorridos a partir de setembro de 2017, divulgados na mídia local e/ou nacional.
Noções de informática - MS-Windows 7: conceito de pastas, diretórios, arquivos e atalhos, área de trabalho, área de transferência, manipulação de arquivos e pastas, uso dos menus, programas e aplicativos, interação com o conjunto de aplicativos MS-Office 2010. MS-Word 2010: estrutura básica dos documentos, edição e formatação de textos, cabeçalhos, parágrafos, fontes, colunas, marcadores simbólicos e numéricos, tabelas, impressão, controle de quebras e numeração de páginas, legendas, índices, inserção de objetos, campos predefinidos, caixas de texto. MS-Excel 2010: estrutura básica das planilhas, conceitos de células, linhas, colunas, pastas e gráficos, elaboração de tabelas e gráficos, uso de fórmulas, funções e macros, impressão, inserção de objetos, campos predefinidos, controle de quebras e numeração de páginas, obtenção de dados externos, classificação de dados. MS-PowerPoint 2010: estrutura básica das apresentações, conceitos de slides, anotações, régua, guias, cabeçalhos e rodapés, noções de edição e formatação de apresentações, inserção de objetos, numeração de páginas, botões de ação, animação e transição entre slides. Correio eletrônico: uso de correio eletrônico, preparo e envio de mensagens, anexação de arquivos. Internet: navegação na internet, conceitos de URL, links, sites, busca e impressão de páginas.
Conhecimentos Específicos - Direitos Humanos: Constituição da República Federativa do Brasil de 1988: Título I - Dos Princípios Fundamentais. Título II - Dos Direitos e Garantias Fundamentais: Capítulo I - Dos Direitos e Deveres Individuais e Coletivos. Declaração Universal dos Direitos Humanos.
Continuar lendo

Atualizado: 19/01/2018 - 14:10

Guarujá/SP: divulgado concurso com 2.125 vagas

Oportunidades no concurso da Prefeitura Municipal de Guarujá são para candidatos de todos os níveis escolares. Inscrições serão abertas em 1º de fevereiro

Vários cargos

Por JCConcursos - Patricia Lavezzo

No litoral sul paulista, a Prefeitura Municipal de Guarujá publicou dois novos editais de concurso público. A seleção visa o preenchimento de 2.125 vagas, sendo 230 para posse imediata e 1.895 para formação de cadastro reserva (CR) de futuras oportunidades. 
Aqueles que têm o ensino fundamental completo podem concorrer para as funções de agente comunitário de saúde (15 vagas + 137 CR), agente de controle de endemias (15 + 115 CR), agente de serviços gerais (15 + 140 CR), auxiliar de saúde bucal (3 + 20 CR) e inspetor de alunos (3 + 24 CR). 
Quem possui o ensino médio e/ou curso técnico está apto às carreiras de agente de defesa civil (5 + 40 CR), assistente administrativo (50 + 400 CR), auxiliar de desenvolvimento infantil (10 + 85 CR), desenhista (1 + 4 CR), guarda civil municipal (20 + 100 CR) e técnico em segurança do trabalho (2 + 12 CR).
Nível superior é requisito para os cargos de arquiteto (2 + 15 CR), assistente social (5 + 40 CR), engenheiro civil (2 + 15 CR), engenheiro ambiental (1 + 4 CR), engenheiro de segurança do trabalho (1 + 4 CR), farmacêutico (1 + 8 CR), fisioterapeuta (5 + 40 CR), fonoaudiólogo (1 + 8 CR), geólogo (1 + 8 CR), odontólogo (4 + 35 CR), nutricionista (4 + 35 CR), psicólogo (2 + 25 CR), professor de educação especial nas áreas de deficiência auditiva (2 + 12 CR), deficiência intelectual (2 + 12 CR) e deficiência visual (2 + 12 CR) e médico nas especialidades de cardiologista (2 + 20 CR), cirurgião cabeça e pescoço (1 + 5 CR), cirurgião pediátrico (1 + 10 CR), clínico geral socorrista (10 + 100 CR), coloproctologista (1 + 5 CR), endocrinologista (1 + 10 CR), geriatra (2 + 25 CR), ginecologista (5 + 50 CR), hematologista (1 + 5 CR), infectologista (1 + 10 CR), mastologista (1 + 10 CR), nefrologista (1 + 5 CR), neurologista (2 + 20 CR), oftalmologista (1 + 15 CR), ortopedista (1 + 15 CR), otorrinolaringologista (2 + 25 CR), pediatra (5 + 50 CR), pediatra socorrista (10 + 100 CR), pneumologista (2 + 15 CR), psiquiatra (3 + 30 CR), reumatologista (1 + 5 CR), urologista (1 + 5 CR) e veterinário (1 + 10 CR). 
APOSTILA CONCURSO PREFEITURA DE GUARUJÁ/SP 2018 - AGENTES / INSPETOR DE ALUNOS / AUXILIAR ADMINISTRATIVO / GUARDA CIVIL
Os salários iniciais oferecidos pela Prefeitura de Guarujá oscilam entre R$ 7,96 e R$ 31,32 por hora de trabalho. 

Como participar do concurso da Prefeitura de Guarujá/SP


As inscrições serão recebidas no período de 1º a 25 de fevereiro. A ficha de cadastro estará disponível nos endereços eletrônicos www.caipimes.com.br e www.guaruja.sp.gov.br. Os valores da taxa de participação variam de R$ 45 a R$ 88 e o seu pagamento deverá ser efetuado até o dia 26 desse mesmo mês, observado o horário de funcionamento do banco. 
Os candidatos poderão se inscrever para mais de um cargo, desde que pertencentes a blocos distintos, especificados a seguir: bloco I (dia 25 de março) para agente de controle de endemias, auxiliar de saúde bucal, farmacêutico, fisioterapeuta, fonoaudiólogo, médicos, nutricionista, odontólogo e psicólogo; bloco II (dia 25 de março) para arquiteto, assistente administrativo, assistente social, desenhista, engenheiro civil, engenheiro ambiental, engenheiro de segurança do trabalho, geólogo e técnico em segurança do trabalho; bloco III (dia 8 de abril) para auxiliar de desenvolvimento infantil e guarda civil municipal; e bloco IV (dia 8 de abril) para agente de defesa civil, agente de serviços gerais, inspetor de alunos e professores. Apenas a função de agente comunitário de saúde realizará a prova em 18 de março. 
APOSTILA CONCURSO PREFEITURA DE GUARUJÁ/SP 2018 - INSPETOR DE ALUNOS

Provas do concurso da Prefeitura de Guarujá/SP 2018 


Todos os participantes serão submetidos à prova objetiva, de caráter eliminatório e classificatório. Ela será composta por questões de múltipla escolha que versarão sobre as disciplinas de português, matemática, pacote Office 2010, noções de saúde pública, legislação e/ou conhecimentos específicos. 
As provas objetivas serão aplicadas no município de Guarujá/SP nos dias 18 e 25 de março e 8 de abril, em locais e horários a serem divulgados em momento oportuno. 
O concurso da Prefeitura de Guarujá ainda contará com as seguintes etapas: prova de aptidão física para guarda civil municipal e agente de defesa civil; teste antropométrico, avaliação psicológica e investigação social para guarda civil municipal; e análise de títulos para agente comunitário de saúde.
APOSTILA CONCURSO PREFEITURA DE GUARUJÁ/SP 2018 - ASSISTENTE SOCIAL



Continuar lendo

Atualizado: 15/01/2018 - 09:24

Concurso Aeronáutica: abertos 183 postos de sargento

As oportunidades do concurso da Aeronáutica são para ingresso no estágio de adaptação à graduação de sargento. Inscrições serão recebidas até o dia 6 de fevereiro

Níveis médio e técnico

Por JCConcursos - Patricia Lavezzo

A Aeronáutica abriu as inscrições de concurso público para o exame de admissão ao estágio de adaptação à graduação de sargento. Serão preenchidas 183 vagas, de ambos os sexos, para atuação em âmbito nacional. 
As ofertas estão distribuídas entre as especialidades de eletrônica (30 vagas), administração (40), enfermagem (45), eletricidade (14), informática (20), laboratório (5), obras (8), pavimentação (8), radiologia (5) e topografia (8). 
Para ingressar na carreira é necessário ter concluído, com aproveitamento, o ensino médio do Sistema Nacional de Ensino (para todos os candidatos) e/ou o curso técnico, além de não ter menos de 17 anos e nem completar 25 anos até o dia 31 de dezembro de 2019. A remuneração inicial do 3º sargento é de R$ 3.584. 

Como participar do concurso da Aeronáutica 


As inscrições serão recebidas até o dia 6 de fevereiro de 2018. O cadastro deverá ser efetuado em um dos endereços eletrônicos: www.fab.mil.br/eear e http://ingresso.eear.aer.mil.br/

CURSO ONLINE AERONÁUTICA APOSTILAS ONLINE E IMPRESSA - SARGENTO DA AERONÁUTICA  DIVERSAS ESPECIALIDADES
O valor da taxa de participação do concurso da Aeronáutica 2018 é de R$ 60 e o seu pagamento deverá ser efetuado até a data limite de 9 de fevereiro, observado o horário de funcionamento da rede bancária. 

Provas do concurso da Aeronáutica 2018


A primeira etapa a ser disputada pelos candidatos será a prova escrita. Ela será composta por questões de múltipla escolha sobre as matérias de língua portuguesa e conhecimentos especializados (relativos à especialidade a que concorre). 
No ato da inscrição, o candidato deverá escolher um dos locais onde desejará realizar a prova: São Paulo/SP, São José dos Campos/SP, Belém/PA, Recife/PE, Fortaleza/CE, Natal/RN, Rio de Janeiro/RJ, Belo Horizonte/MG, Campo Grande/MS, Canoa/RS, Santa Maria/RS, Curitiba/PR, Brasília/DF, Manaus/AM, Porto Velho/RO e Boa Vista/RR. Ela será aplicada no dia 22 de abril de 2018. 
O concurso da Aeronáutica 2018 ainda contará com as seguintes etapas: inspeção de saúde; exame de aptidão psicológica; teste de avaliação do condicionamento físico; prova prática da especialidade; e validação documental. 

Estágio da Aeronáutica


O estágio de adaptação à graduação de sargento da Aeronáutica será ministrado sob regime de internato militar na Escola de Especialistas de Aeronáutica, em Guaratinguetá/SP, em 2019, com duração aproximada de um ano e abrangerá instruções nos campos militar e técnico-especializado.
Durante a realização do estágio, o aluno fará jus à mesma remuneração que percebia por ocasião da matrícula, se militar da ativa da Aeronáutica, ou fixada em lei, além de alimentação, alojamento, fardamento, assistência médico-hospitalar e dentária.
Os alunos realizarão provas teóricas e práticas nos campos militar e técnico-especializado, e a conclusão do estágio está condicionada à sua aprovação, mediante a obtenção de graus e médias previstos no plano de avaliação.
Os formandos serão distribuídos e classificados nas Organizações Militares do Comando da Aeronáutica, abrangendo todo o território nacional, de acordo com a necessidade da administração.
Continuar lendo

Atualizado: 12/01/2018 - 12:15

PEC que cria polícia penitenciária pode ser agilizada

Proposta tem por objetivo criar a nova carreira em âmbito federal, nos estados e municípios, conferindo aos agentes penitenciários direitos iguais às carreiras policiais

Já passou pelo Senado

Por JCConcursos - Fernando Cezar Alves

A proposta de emenda à constituição 14/2016 (PEC 14/2016), que cria as polícias penitenciárias federais, estaduais e municipais, aprovada no Senado Federal em 24 de outubro, conta com diversos pedidos, por parte de parlamentares, para que seja incluída na ordem do dia para votação o quanto antes na Câmara dos Deputados. Com isto, é possível que a matéria já possa ser votada a partir de fevereiro, logo após o término do recesso parlamentar. Por enquanto, está em análise na Coordenação de Comissões Permanentes.   

O texto aprovado  no Senado conta com um substitutivo que altera o nome da carreira, de polícia penitenciária para polícia penal, considerando que a atuação dos servidores ocorre na execução penal. 

Caso a PEC seja sancionada, os agentes penitenciários, na nova carreira, passarão a contar com direitos equivalentes às carreiras policiais. A intenção é liberar policiais civis e militares das atividades de guarda e escolta de presos.

Um dos pontos da proposta determina que o preenchimento das vagas para a carreira deverá ser feito somente por meio de concursos públicos ou, em casos isolados, pela transformação das carreiras dos atuais agentes penitenciários, que deverão ser enquadrados na nova função."O estado precisa retomar o controle dos presídios, que muitas vezes têm se tornado um quartel do crime organizado. A PEC é uma expressão do reforço em um tema tão importante hoje, que é a segurança pública, disse o autor da proposta, senador Cássio Cunha (PSDB/PB).


De acordo com as justificativas da proposta, apresentada pelo senador Cássio Cunha Lima (PSDB/PB), os agentes penitenciários prestam serviços públicos essenciais de custódia e vigilância dos presos. “Segundo o Anuário Brasileiro de Segurança Pública havia, em 2014, cerca de 608 mil presos no Brasil, sendo 580 mil no sistema penitenciário e 28 mil sob custódia das polícias. Estima-se, no entanto, que haja somente 65 mil agentes penitenciários no país”. De acordo com a justificativa, o objetivo da proposta de emenda à constituição é criar as polícias penitenciárias como órgãos de segurança pública nos âmbito federal, estadual e distrital, conferindo aos agentes penitenciários direitos inerentes à carreira policial, além de liberar policiais civis e militares das atividades de guarda e escolta de presos. 
Continuar lendo

Shopping