Tudo Sobre

Concurso TRT

TRT/GO: Dilma sanciona 198 vagas para novo concurso

Oportunidades do concurso do Tribunal Regional do Trabalho da 18ª Região, em Goiás, serão destinadas aos cargos de técnico e analista judiciário, que exigem níveis médio e superior.



Yahell Luci Lima
Publicado em 07/07/2015, às 11h37

A Presidenta Dilma Rousseff sancionou no último dia 6 de julho a Lei nº 13.143, que cria 198 vagas de técnico e analista judiciário no Tribunal Regional do Trabalho da 18ª Região (TRT 18), com sede na cidade de Goiânia, em Goiás.
Agora, o Tribunal está apto a iniciar todos os procedimentos necessários para lançar o edital de abertura das inscrições do concurso público.
A Lei é resultado do projeto de lei (PL) 32/2015 - que, por sua vez, substituiu os projetos de lei 7909/14 e 7573/14, de iniciativa do Tribunal Superior do Trabalho (TST), e já havia sido aprovada pela Câmara dos Deputados e pelo Senado.
Além das 198 vagas efetivas, a serem preenchidas por meio de concurso público, o PL também cria 18 cargos em comissão e 87 funções comissionadas. 
Os recursos necessários a essas contratações deverão ser cobertos pelo TRT da 18ª Região, com despesas já previstas no orçamento de 2015.

Descrição das vagas efetivas


O cargo de técnico judiciário reúne um total de 49 vagas e é destinado a candidatos de nível médio. A função está disponível nas áreas de apoio especializado – especialidade enfermagem (9);  apoio especializado – especialidade tecnologia da informação (9); e administrativa (31).

Prepare-se para o concurso do Tribunal Regional do Trabalho da 18ª Região (TRT 18)

Videoaulas para Tribunal Regional do TrabalhoProvas Anteriores do Tribunal Regional do Trabalho

Já o posto de analista judiciário, que exige nível superior, oferece 149 oportunidades nas seguintes áreas: judiciária (90); administrativa (33); apoio especializado – especialidade tecnologia da informação (21); apoio especializado – especialidade engenharia (2); apoio especializado – especialidade engenharia elétrica (1);  apoio especializado – especialidade arquitetura  (1); e apoio especializado – especialidade medicina do trabalho (1). 

Defasagem de pessoal

O TRT 18 informou ao JC CONCURSOS que a expectativa do Tribunal é que a lei de criação das vagas seja aprovada em breve para que o concurso saia ainda esse ano devido a situação de defasagem de pessoal pela qual passa o órgão.
De acordo com Aldon Taglialenga, desembargador e presidente do TRT, o tribunal cresceu muito e faltam servidores nos gabinetes e varas do trabalho; um concurso é mais do que necessário. A área de tecnologia da informação, por exemplo, dispõe de apenas 45 servidores, para uma demanda de mais de 1,7 mil usuários.  “Só vamos conseguir manter os serviços na qualidade que temos hoje se aumentarmos o número de servidores”, disse.
Além das declarações de Taglialenga, o TST justificou a proposta para solicitação de criação das vagas com base em levantamento do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), que constatou ser necessária a melhor estruturação da área de Tecnologia da Informação e Comunicação (TIC) do tribunal.
*Matéria atualizada no dia 7 de julho de 2015 às 11h33min.

+ Resumo do Concurso TRT

TRT
Vagas: 198
Taxa de inscrição: Não definido
Cargos: Analista Judiciario, Tecnico Judiciario
Áreas de Atuação: Judiciária / Jurídica, Administrativa, Operacional
Escolaridade: Ensino Médio, Ensino Técnico, Ensino Superior
Faixa de salário:
Organizadora: O próprio órgão
Estados com Vagas: GO

+ Agenda do Concurso

06/07/2016 Divulgação do Resultado Adicionar no Google Agenda

Comentários

Mais Lidas