Vários cargos

Rio das Antas SC realiza concurso para 36 vagas

Oportunidades são para preenchimento imediato e cadastro reserva de pessoal, para todos os níveis escolares, com iniciais de até R$ 17,3 mil

0,00(0.0%)0 voto(s)

Fernando Cezar Alves
Publicado em 12/07/2018, às 15h37

A Prefeitura de Rio das Antas, em Santa Catarina, recebe inscrições em seu concurso público para o preenchimento de 36 vagas em seu quadro de pessoal, além de formar cadastro reserva de pessoal. Do total de oportunidades imediatas, seis são para cargo com exigência de ensino fundamental, oito para ensino médio e 22 para nível superior, com remunerações iniciais de R$ 1.390,62 a R$ 17.344,70, com jornadas de trabalho de 20 a 40 horas semanais.  O atendimento vai até 30 de agosto.

Ensino Fundamental
Quem possui ensino fundamental poderá concorrer aos cargos de motorista II de veículo pesado (3 vagas e cadastro reserva, com carteira de habilitação “D” e inicial de R$ 1.832,22, para 40 horas semanais) e operador de máquinas pesadas (3 + CR, com carteira de habilitação “B”, R$ 1.978,05, 40 horas).

Ensino Médio
Para ensino médio: auxiliar educacional (3 +CR, R$ 1.390,62, 40 horas), oficial administrativo (1 + CR, R$ 2.434,06, 40 horas), secretário de escola (2 + CR, R$ 1.418,57, 40 horas), técnico de enfermagem (1 + CR, com registro no conselho, R$ 2.434,06, 40 horas) e tributarista fiscal (1 + CR, R$ 2.434,06, com 40 horas)

Nível Superior
Por fim, para nível superior: advogado (1 + CR, com registro no conselho, R$ 4.528,55, 40horas), contador (1 + CR, com registro no conselho, R$ 5.580,39, 40 horas), enfermeiro (1 + CR, com registro no conselho, R$ 3.774,40 horas), engenheiro civil (1+ CR, com registro no conselho, R$ 3.990,63, 40 horas), médico (1 + CR, com registro no conselho, R$ 17.344,70, 40 horas), médico veterinário (1 + CR, com registro no conselho, R$ 3.990,63, 40 horas), psicólogo (1 + CR, com registro no conselho, R$ 2.994,72),  vigilante epidemiológico e sanitarista (1 + CR, com formação em engenharia ambiental, sanitária ou bacharelado em química, com registro no conselho, R$ 2.172,28, 40 horas), professor I – 20 horas (1 + CR, licenciatura plena em pedagogia com habilitação em séries iniciais, R$  1.423,72, 20horas), professor I- 40 horas (1+ CR, licenciatura em pedagogia com habilitação em séries iniciais, R$ 2.473, 20 horas), professor II – ciências 20 horas (1 + CR, licenciatura, R$ 1.423,72, 20 horas), professor II – ciências – 40 horas ( 1+CR, licenciatura, R$ 2.743,92, 40 horas) professor II – educação física (1 + CR, com registro no conselho, R$ 2.743,92, 40horas), professor II – geografia 20 horas (CR, licenciatura, R$ 1.423,72, 20 horas), professor II – geografia 40 horas (1 + CR, licenciatura, R$ 2.743,92, 40 horas), professor de história – 20 horas (CR, licenciatura, R$ 1.423,72, 20 horas), professor II história 40 horas (1 + CR, licenciatura, R$ 2.743,92, 40 horas), professor de inglês – 20 horas (1 + CR, licenciatura, R$ 1.423,72, 20 horas), professor II – inglês 40horas (1 + CR, licenciatura, R$ 2.743,92, 40 horas) , professor II língua portuguesa 20 horas (1 + CR, licenciatura, R$ 1.423,72, 20horas), professor II língua portuguesa 40 horas (1+CR, licenciatura, R$ 2.743,92, 40horas), professor II – matemática 20  horas(1 + CR, licenciatura, R$ 1.423,72, 20 horas), professor II – matemática 40 horas (1 + CR, licenciatura, R$ 2.743,92, 40horas) e psicopedagogo (1 + CR, licenciatura em pedagogia com curso de pós-graduação em psicopedagogia, R$ 3.018,37, 40 horas).


As inscrições podem ser feitas pela internet, na página eletrônica http://riodasantas.fepese.org.br


As taxas são de R$ 50 para cargos com exigência de ensino fundamental, R$ 70 para ensino médio e R$ 100 para nível superior.


A aplicação das provas está marcada para ocorrer em 26 de agosto.


As contratações serão feitas de acordo com o regime  estatutário, durante o prazo de validade do concurso, que será de dois anos, podendo ser prorrogado uma vez, pelo mesmo período.    

Sobre Prefeitura Rio das Antas

O Brasil conta, hoje, com 5.570 prefeituras espalhadas por municípios dos 26 Estados do país, além do Distrito Federal. Os municípios são uma circunscrição territorial dotada de personalidade jurídica e com certa autonomia administrativa, sendo as menores unidades autônomas da Federação. Uma prefeitura é a sede do poder executivo do município (semelhante à câmara municipal, em Portugal). Esta é comandada por um prefeito (nas cidades brasileiras e por um presidente de câmara nos municípios portugueses) e dividida em secretarias de governo, como educação, saúde ou meio ambiente. O termo prefeitura também pode designar o prédio onde está instalada a sede do governo municipal, também chamado de paço municipal onde geralmente se localiza o gabinete do prefeito. A instituição da prefeitura de seu encarregado maior, o "prefeito", é algo relativamente novo na história do Brasil. O poder hoje exercido pela prefeitura foi anteriormente exercido pela câmara municipal, pelo conselho de intendência e pela intendência municipal. As prefeituras são órgãos independentes, que não precisam de autorização por parte das administrações federal ou estaduais para realizarem seus concursos públicos, seja para preenchimento na própria sede ou em secretarias vinculadas à ela.

Comentários

Mais Lidas