Tudo Sobre

Concurso Prefeitura Santa Rita do Passa Quatro

Santa Rita do Passa Quatro/SP define banca do concurso

Seleção contará com um total de 15 oportunidades, sendo nove para ensino médio e seis para nível superior. Edital sai nos próximos dias



Fernando Cezar Alves
Publicado em 25/05/2016, às 10h29

A Prefeitura de Santa Rita do Passa Quatro, no interior paulista, a 253 km da capital e próxima a Ribeirão Preto, já escolheu a organizadora do seu concurso público, que contará com uma oferta de 15 vagas, sendo nove para cargos com exigência de ensino médio e seis para quem possui formação de nível superior.  A escolhida é a RBO Assessoria e a publicação do edital de abertura de inscrições pode ocorrer já nos próximos dias. As remunerações iniciais variam de R$ 902,91 a R$ 11.415,20, com jornada de trabalho de 40 horas semanais, exceto para os cargos de assistente social, com 30, e psicólogo, com 35.

Ensino Médio

Quem possui ensino médio poderá concorrer aos cargos de agente comunitário de saúde e auxiliar de dentista. No primeiro caso, a oferta é de oito vagas e para concorrer também é necessário residir na área da comunidade onde irá atuar, com remuneração inicial de R$ 1.054,08. Para auxiliar de dentista, com uma vaga, é necessário possuir registro no conselho, com inicial de R$ 902,91.

Nível Superior

As oportunidades de nível superior serão para as carreiras de cirurgião dentista (1 vaga, com registro no conselho, com inicial de R$ 3.436,80), médico – programa saúde da família (2, com formação específica  e registro no conselho, com inicial de R$ 11.415,20), assistente social (2, com registro no conselho, R$ 2.641,22) e psicólogo (1, com registro no conselho, R$ 2.641,22).

Atribuições

Agente Comunitário de Saúde

Exercer atividades de vigilância, prevenção, e controle de doenças e promoção a saúde, desenvolvidas em conformidade com as diretrizes do Sistema Único de Saúde – SUS. Realizar mapeamento de sua área; – Cadastrar as famílias e atualizar permanentemente esse cadastro; – Identificar indivíduos e famílias expostos a situações de risco; – Identificar áreas de risco; – Orientar as famílias para utilização adequada dos serviços de saúde, encaminhando as e até agendando consultas, exames e atendimento odontológico, quando necessário; – Realizar ações e atividades, no nível de suas competências, nas áreas prioritárias de Atenção Básica: – Realizar, por meio de visita domiciliar, acompanhamento mensal de todas as famílias sob sua responsabilidade; – Estar sempre bem informado, e informar aos demais membros da equipe, sobre as situações das famílias acompanhadas, particularmente aquelas em situações de risco; – Desenvolver ações de educação e vigilância à saúde, com ênfase na promoção da saúde e na prevenção de doenças; – Promover a educação e a mobilização comunitária, visando desenvolver ações coletivas de saneamento e melhoria do meio ambiente, entre outras; – Traduzir para a ESF a dinâmica social da comunidade, suas necessidades, potencialidades e limites; – Identificar parceiros e recursos existentes na comunidade que possam ser potencializados pela equipe- Executar outras atribuições correlatas à função.

Auxiliar Dentista

Recepciona as pessoas no consultório dentário, procurando identificá-las e averiguar suas necessidades, para prestar informações, receber recados ou encaminhá-las ao cirurgião dentista e executar tarefas auxiliares ao trabalho do cirurgião dentista, visando a agilização dos serviços. Efetua o controle da agenda de consultas, verificando horários e disponibilidade dos profissionais; Recebe os pacientes com horário previamente marcado, procurando identificá-los averiguando as necessidades e o histórico dos mesmos; Auxilia o profissional, no atendimento aos pacientes, em tarefas tais como: segurar o sugador de saliva, fazer o afastamento lingual e alcançar materiais e instrumentos odontológicos; Faz a manipulação de material provisório e definitivo usado para restauração dentária; Prepara o material anestésico, de sutura, polimento, bem como procede à troca de brocas; Preenche com dados necessários a ficha clínica do paciente, após o exame clínico ter sido realizado pelo dentista; Faz a separação do material e instrumentos clínicos em bandejas para ser utilizado pelo profissional; Zela pela boa manutenção de equipamentos e peças; Prepara, acondiciona e esteriliza materiais e equipamentos utilizados; Colabora com limpeza e organização do local de trabalho; Executa outras atividades correlatas ao cargo e/ou determinadas pelo superior imediato.

Cirurgião Dentista

Presta atendimento odontológico aos munícipes, objetivando prevenção, diagnóstico e tratamento das afecções dos dentes e da boca e melhorar a estética bucal. Realiza exames nos dentes e na cavidade bucal, utilizando aparelhos específicos para verificar a presença de cáries e outras afecções; Prioriza o atendimento a pacientes que apresentem quadros de infecção e dor; Identifica as afecções quanto à extensão e profundidade, valendo-se de instrumentos e exames adequados para estabelecer o tipo de tratamento; Efetua administração de anestésicos, para dar conforto ao paciente e facilitar o tratamento; Efetua restaurações, extrações, limpeza profilática, selantes aplicação de flúor e demais procedimentos necessários; Realiza a limpeza profilática dos dentes e gengivas, extraindo o tártaro para eliminar a instalação de focos de infecção; Restaura as cáries dentárias, empregando instrumentos, aparelhos e substâncias especiais para evitar o agravamento do processo e estabelecer a forma e função do dente. Orienta os pacientes quanto aos cuidados com a higiene bucal; Prescreve ou administra medicamentos para prevenir hemorragia pós-cirúrgica ou tratar de infecções da boca e dentes; Participa da equipe multidisciplinar, efetuando treinamentos e desenvolvendo programas e projetos; Registra os dados coletados lançando-os em fichas individuais, para acompanhar a evolução do tratamento; Prescreve medicamentos quando necessário; Providencia o preenchimento das fichas e relatórios informando as atividades dos serviços prestados; Aconselha os pacientes quanto aos cuidados de higiene, orientando-os na proteção dos dentes e gengivas; Colabora com a limpeza e organização do local de trabalho; Executa outras atividades correlatas ao cargo e/ou determinadas pelo superior imediato.

Médico Programa Saúde da Família

Avaliação, tratamento e conduta frente às diversas clínicas, atuando no ciclo vital da criança e do adolescente, da mulher, do adulto e o idoso; Realiza visitas domiciliares para assistência, atua nos grupos de educação em saúde e também na educação continuada, e em serviço na unidade de saúde da família. Realizar consultas clínicas aos usuários da sua área adstrita; Executa as ações de assistência integral em todas as fases do ciclo de vida: criança, adolescente, mulher, adulto e idoso; Realiza consultas e procedimentos no ESF e, quando necessário, no domicílio; Realiza as atividades clínicas correspondentes às áreas prioritárias na intervenção na Atenção Básica, definidas na Norma Operacional da Assistência à saúde - NOAS 2001; Alia a atuação clínica à prática da saúde coletiva; Fomenta a criação de grupos de patologias específicas, como de hipertensos, de diabéticos, de saúde mental, etc; Realiza o pronto atendimento médico nas urgências e emergências; Encaminha aos serviços de maior complexidade, quando necessário, garantindo a continuidade do tratamento na ESF, por meio de um sistema de acompanhamento e de referência e contrarreferência; Indica internação hospitalar; Solicita exames complementares; Verifica e atesta óbito. Executa outras atribuições correlatas à função.

Assistente Social

Perfil:
• Escolaridade mínima de nível superior, com formação em Serviço Social e registro no respectivo Conselho de classe; • Conhecimento da legislação referente à política de Assistência Social, direitos socioassistenciais e legislações relacionadas a segmentos específicos (crianças e adolescentes, idosos, pessoas com deficiência, mulheres etc.); • Conhecimento da rede socioassistencial, das políticas públicas e órgãos de defesa de direitos; • Conhecimentos teóricos, habilidades e domínio metodológico necessários ao desenvolvimento de trabalho social com famílias e indivíduos em situação de risco pessoal e social, por violação de direitos (atendimento individual, familiar e em grupo); • Conhecimentos e desejável experiência de trabalho em equipe interdisciplinar, trabalho em rede e atendimento a famílias e indivíduos em situação de risco pessoal e social, por violação de direitos; • Conhecimentos e habilidade para escuta qualificada das famílias/indivíduos.
Principais atribuições:
• Acolhida, escuta qualificada, acompanhamento especializado e oferta de informações e orientações; • Elaboração, junto com as famílias/indivíduos, do Plano de Acompanhamento Individual e/ou Familiar, considerando as especificidades e particularidades de cada um; • Realização de acompanhamento especializado, por meio de atendimentos familiar, individuais e em grupo; • Realização de visitas domiciliares, quando necessário; • Realização de encaminhamentos monitorados para a rede socioassistencial, demais políticas públicas setoriais e órgãos de defesa de direito; • Trabalho em equipe interdisciplinar; • Alimentação de registros e sistemas de informação sobre as ações desenvolvidas; • Participação nas atividades de planejamento, monitoramento e avaliação dos processos de trabalho; • Participação das atividades de capacitação e formação continuada de equipe, reuniões de equipe, estudos de casos, e demais atividades correlatas; • Participação de reuniões para avaliação das ações e resultados atingidos e para planejamento das ações a serem desenvolvidas; para a definição de fluxos; instituição de rotina de atendimento e acompanhamento dos usuários; organização dos encaminhamentos, fluxos de informações e procedimentos • Elaboração, encaminhamento e discussão com a autoridade judiciária e Ministério Público de relatórios sobre a situação de cada indivíduo ou família referenciado, conforme solicitação.

Psicólogo

Perfil:
• Escolaridade mínima de nível superior, com formação em Psicologia e registro no respectivo Conselho de classe; • Conhecimento da legislação referente à política de Assistência Social, direitos socioassistenciais e legislações relacionadas a segmentos específicos (crianças e adolescentes, idosos, pessoas com deficiência, mulheres etc.); • Conhecimento da rede socioassistencial, das políticas públicas e órgãos de defesa de direitos; • Conhecimentos teóricos, habilidades e domínio metodológico necessários ao desenvolvimento de trabalho social com famílias e indivíduos em situação de risco pessoal e social, por violação de direitos (atendimento individual, familiar e em grupo); • Conhecimentos e desejável experiência de trabalho em equipe interdisciplinar, trabalho em rede e atendimento a famílias e indivíduos em situação de risco pessoal e social, por violação de direitos; • Conhecimentos e habilidade para escuta qualificada das famílias/indivíduos.

Principais atribuições:
• Acolhida, escuta qualificada, acompanhamento especializado e oferta de informações e orientações; • Elaboração, junto com as famílias/indivíduos, do Plano de Acompanhamento Individual e/ou Familiar, considerando as especificidades e particularidades de cada um; • Realização de acompanhamento especializado, por meio de atendimentos familiar, individuais e em grupo; • Realização de visitas domiciliares, quando necessário; • Realização de encaminhamentos monitorados para a rede socioassistencial, demais políticas públicas setoriais e órgãos de defesa de direito; • Trabalho em equipe interdisciplinar; • Alimentação de registros e sistemas de informação sobre as ações desenvolvidas; • Participação nas atividades de planejamento, monitoramento e avaliação dos processos de trabalho; • Participação das atividades de capacitação e formação continuada de equipe, reuniões de equipe, estudos de casos, e demais atividades correlatas; • Participação de reuniões para avaliação das ações e resultados atingidos e para planejamento das ações a serem desenvolvidas; para a definição de fluxos; instituição de rotina de atendimento e acompanhamento dos usuários; organização dos encaminhamentos, fluxos de informações e procedimentos • Elaboração, encaminhamento e discussão com a autoridade judiciária e Ministério Público de relatórios sobre a situação de cada indivíduo ou família referenciado, conforme solicitação.


+ Resumo do Concurso Prefeitura Santa Rita do Passa Quatro

Prefeitura Santa Rita do Passa Quatro
Vagas: 15
Taxa de inscrição: Não definido
Cargos: Vários cargos, Médico, Dentista, Agente Comunitário
Áreas de Atuação: Administrativa, Saúde, Operacional
Escolaridade: Ensino Médio, Ensino Superior
Faixa de salário: De R$ 902,00 Até R$ 11417,00
Organizadora: O próprio órgão
Estados com Vagas: SP
Cidades: Santa Rita do Passa Quatro - SP

+ Agenda do Concurso

13/06/2016 Abertura das inscrições Adicionar no Google Agenda
08/07/2016 Encerramento das inscrições Adicionar no Google Agenda
15/07/2016 Prova Adicionar no Google Agenda
24/07/2016 Prova Adicionar no Google Agenda
24/07/2017 Divulgação do Resultado Adicionar no Google Agenda

Comentários

Mais Lidas