Tudo Sobre

Empregos Secretaria de Saúde

Saúde/SP ainda espera autorização para 6.751 vagas

Cresce expectativa para que o governador Geraldo Alckmin libere ao longo de 2016 o aval para a Secretaria de Saúde de São Paulo abrir concursos para cargos de todos os níveis de escolaridade



Fernando Cezar Alves e Camila Diodato
Publicado em 28/12/2015, às 15h04

Desde que terminou a validade da última autorização governamental para preenchimento de vagas na Secretaria Estadual de Saúde de São Paulo, em 15 de maio, aumentou a expectativa para que o governador Geraldo Alckmin conceda aval para 6.751 oportunidades solicitadas em 2014.


No total, 711 são para cargos com exigência deensino fundamental, 2.925 para ensino médio ou formação técnica e 3.115 para nível superior, com remunerações iniciais que variam de R$ 1.242 a R$ 13.900. 
Espera-se que a liberação das vagas ocorra ocorra no decorrer de 2016, já que sem a autorização a Secretaria da Saúde não tem condições de repor o seu quadro pessoal.

Prepare-se para o concurso da Secretaria da Saúde

Simulado para Secretaria de SaúdeEdição Digital do Jornal dos Concursos


Mesmo com o momento de contenção de gastos pelo qual o Governo do Estado passa, o que tem atrasado a realização de diversos concursos que ainda dependem de autorização, a expectativa é de que o da Secretaria de Saúde seja visto como prioridade pelo governador, uma vez que o órgão já não possui mais como repor seus quadros, o que pode comprometer seriamente o atendimento à população. De acordo com levantamento funcional divulgado em abril, com base até dezembro de 2014, a pasta, que é considerada prioritária, junto com educação e segurança, é uma das que mais conta com déficit de funcionários, com um total de 62.531 vagas em aberto.

Vagas de nível fundamental


Para ensino fundamental, o pedido é para os cargos de auxiliar de apoio à pesquisa científica e tecnológica (13, R$ 1.785,16), auxiliar de laboratório (73, R$ 1.242), auxiliar de saúde (611, R$ 1.274) e oficial de apoio à pesquisa científica e tecnológica (14, R$ 1.926,02).

Oportunidades de nível médio


No caso de ensino médio ou formação técnica: agente de apoio à pesquisa científica e tecnológica (16, R$ 1.785,16), agente técnico de saúde (265, R$ 1.591,74), motorista de ambulância (56, R$ 1.405), oficial administrativo (374, R$ 1.659,90), oficial de saúde (535, R$ 1.405), oficial operacional (127, R$ 1.432), técnico de apoio à pesquisa científica e tecnológica (34, R$ 2.779,80), técnico de enfermagem (1.372, R$ 1.651,74), técnico de laboratório (78, R$ 1.340,24), técnico de radiologia (40, R$ 1.340,24) e agente de saúde (28, R$ 1.405). 

Opções de nível superior


Por fim, para nível superior, para agente técnico de assistência à saúde (432, R$ 2.587,02), analista administrativo (12, R$ 3.501,58), analista de tecnologia (duas, R$ 4.163,29), analista sociocultural (seis, R$ 4.163,29), arquiteto (três, R$ 4.893,93), assistente técnico de pesquisa científica e tecnológica (29, R$ 4.610,12), cirurgião dentista (73, R$ 2.493,02), enfermeiro (547, R$ 3.214,83), engenheiro (45, R$ 4.893,93), executivo público (36, R$ 5.089,31), médico I – 12 horas (316, R$ 3.600), médico I – 20 horas (164, R$ 6.000), médico I – 24 horas (1.263, R$ 7.200), médico I – 40 horas (dez, R$ 13.900), médico veterinário (17, R$ 3.226,88), pesquisador científico (84, 4.993,85) e tecnólogo em radiologia (76, R$ 1.373,88).

+ Resumo Empregos Secretaria de Saúde

Secretaria de Saúde
Vagas: 6751
Taxa de inscrição: Não definido
Cargos: Vários cargos, Médico, Técnico de Enfermagem, Agente
Áreas de Atuação: Saúde
Escolaridade: Ensino Fundamental, Ensino Médio, Ensino Superior
Faixa de salário: De R$ 1242,00 Até R$ 13900,00
Organizadora: O próprio órgão
Estados com Vagas: SP

+ Agenda

27/12/2016 Divulgação do Resultado Adicionar no Google Agenda

Comentários

Mais Lidas