Tudo Sobre

Concurso SEE

SEE/SP: expectativa de novas 8.711 oportunidades

Com posse do novo secretário estadual de educação, José Renato Nalini, no final de janeiro, cresce a expectativa pela realização de novos concursos públicos



Fernando Cezar Alves
Publicado em 01/04/2016, às 12h16

Com a posse do novo secretário, o desembargador e professor José Renato Nalini, em 28 de janeiro, cresce a expectativa pela realização de novos concursos para a Secretaria Estadual de Educação de São Paulo (SEE/SP). Com grande carência de servidores, a pasta conta com nada menos do que 8.711 vagas em planejamento, considerando concursos já autorizados ou com pedidos enviados para autorização junto ao governo estadual.

Deste total de oportunidades, 1.627 são para quem possui ensino fundamental, 4.928 para cargos de ensino médio e 2.156 para nível superior, com iniciais de até R$ 3.743,08.

Gestão

Na área de gestão escolar, existem dois concursos em planejamento desde 2014, para os cargos de supervisor de ensino e diretor de escola. No caso de supervisor, a pasta já conta com um concurso autorizado para o preenchimento de 146 vagas desde fevereiro de 2014. Porém, em decorrência de alterações na carreira, a publicação do edital ainda não ocorreu. A expectativa é de que, com a nova gestão, os preparativos sejam retomados. Para concorrer é necessário possuir licenciatura plena em pedagogia ou pós-graduação em educação e oito anos de magistério, com três em gestão escolar. O inicial é de R$ 3.743,08, para 40 horas semanais.

Ainda na área de gestão, há um concurso em pauta para 1.450 vagas para diretor, prometido pelo governador Geraldo Alckmin desde agosto de 2013, que ainda aguarda autorização oficial. Para concorrer é necessário possuir licenciatura em pedagogia ou pós-graduação na área de educação e oito anos de magistério. O inicial é de R$ 3.552,34, para 40 horas.

Área de apoio

Na área de apoio escolar também existem dois concursos em pauta, para os cargos de agente de organização escolar e agente de serviços. No caso de agente de serviços, o órgão encaminhou, em 2014, pedido para autorização de 1.627 vagas. Em decorrência da necessidade de pessoal, o órgão tem realizado processos seletivos temporários. Tanto que no último dia 25 de fevereiro, o governador autorizou o preenchimento de 92 vagas temporárias, por não existir concurso em validade. Para concorrer, basta possuir ensino fundamental, com inicial de R$ 928, para 40 horas.

Prepare-se para o concurso da Secretaria Estadual de Educação de São Paulo (SEE/SP)

Videoaula para Secretaria Estadual de Educação de São Paulo (SEE/SP)

Prova Anterior da Secretaria Estadual de Educação de São Paulo (SEE/SP)

Já no caso de agente de organização escolar, a pasta está em fase de definição da oferta de vagas, mas a expectativa é de que seja autorizado concurso para aproximadamente 4.000 vagas. Vale lembrar que, em junho de 2015, o governador autorizou a contratação de 3.573 temporários, enquanto não realiza o concurso. Além disso, em 25 de fevereiro foram autorizadas mais 122 contratações temporárias. A exigência é de ensino médio e conhecimentos de informática, com inicial de R$ 971,78.

Área administrativa e saúde

 Por fim, na área administrativa, o órgão conta com pedidos, desde o final de 2014, para o preenchimento de 1488 oportunidades. As maiores necessidades são para os cargos de oficial administrativo e executivo público, cujos últimos concursos tiveram a validade encerrada em novembro de 2014.

Para oficial, o pedido é para 928 vagas. Para concorrer é necessário possuir ensino médio, com inicial de R$ 1.118 em caso de 50% do Prêmio de Desempenho Individual (PDI), podendo chegar a R$ 1.308, em caso de 100% do benefício.

No caso de executivo público, com exigência de nível superior, são 101 oportunidades, com inicial de R$ 3.636,23 em caso de 50% do PDI e R$ 4.161,23 para 100%.

Por fim, para cargos de nível superior, a pasta conta com pedido de autorização para o preenchimento de 291 vagas para analista administrativo, 72 para analista sociocultural, 58 para assistente técnico de assistência à saúde, 30 para analista de tecnologia na área de informática e oito para analista de tecnologia na área de obras. No caso de técnico de saúde, o inicial é de R$ 1.269,02 e para as demais opções, R$ 2.320,84 em caso de 50% do PDI e R$ 2.695,34 para 100%.

       

+ Resumo do Concurso SEE

SEE
Vagas: 8711
Taxa de inscrição: Não definido
Cargos: Vários cargos, Oficial, Agente, Supervisor
Áreas de Atuação: Administrativa, Educação, Operacional
Escolaridade: Ensino Fundamental, Ensino Médio, Ensino Superior
Faixa de salário: De R$ 928,00 Até R$ 3743,00
Organizadora: O próprio órgão
Estados com Vagas: SP

+ Agenda do Concurso

01/04/2017 Divulgação do Resultado Adicionar no Google Agenda

Comentários

Mais Lidas