Tudo Sobre

Empregos CEF

Caixa: superintendente fala sobre carreira de técnico

O cargo de técnico bancário é o mais almejado do concurso, que deve selecionar e nomear 9.873 profissionais até 2015. O prazo para se candidatar ficará aberto até terça (11); taxa é de R$ 43



Renan Abbade
Publicado em 07/02/2014, às 15h15

A Caixa recebe, até o próximo dia 11 de fevereiro (terça-feira), as inscrições do concurso que vai formar cadastro reserva nos cargos de técnico bancário, engenheiro e médico do trabalho. Vale lembrar que o pagamento da taxa, no valor de R$ 43, poderá ser efetuado até o dia 26 do mesmo mês.

Para exercer a função de técnico bancário, cargo mais almejado da seleção, o candidato deve possuir ensino médio completo. Com jornada de trabalho de 30 horas semanais, o salário é de R$ 2.025, podendo chegar a R$ 2.931,36 com o auxílio-refeição/alimentação de R$ 509 e o auxílio para cesta/alimentação de R$ 397,36.

O JC&E conversou com o superintendente nacional de serviço compartilhado de gestão de pessoas, Sebastião Martins Andrade, que falou sobre a carreira. Andrade iniciou sua relação com a Caixa como estagiário e, em 1981, foi aprovado no concurso para técnico bancário, chegando ao cargo de superintendente de gestão de pessoas por meio dos processos seletivos internos.


PACOTE DE ESTUDOS CAIXA - CLIQUE AQUI

Sobre os vários benefícios, o superintendente destaca dois. “Os mais importantes são os planos de saúde e de previdência complementar. Os empregados costumam apontar esses dois como os melhores”. Andrade lembra que há ainda incentivo à formação, seja superior, pós-graduação ou cursos de idiomas. Em caso de falecimento do funcionário, a família recebe ajuda, o auxílio-funeral. “Os benefícios oferecidos pela Caixa aos seus empregados e dependentes vão além dos previstos na legislação e alcançam quatro dimensões: a econômica, a social, a de saúde e a de proteção ao trabalho. Como exemplos desses benefícios, a Caixa oferece participação nos lucros e resultados (PLR), nos termos da legislação pertinente e do acordo coletivo vigente; participação em plano de saúde, o Saúde Caixa; participação em Plano de Previdência Complementar, FUNCEF; auxílio alimentação/refeição e auxílio cesta alimentação”, completa.

A carreira prevê uma boa possibilidade de crescimento. “O efetivo, além da remuneração, tem plano de carreira, podendo crescer por meio dos processos seletivos internos (PSI) por competência. O técnico bancário pode se planejar para chegar a determinados cargos”, afirma.

Todas as atribuições se encontram no edital (confira no anexo ao lado), mas, segundo o superintendente, as atribuições básicas são atividades administrativas, vendas e relacionamento com os clientes.

Sobre a procura tão grande pelo concurso, Andrade entende que “a Caixa é uma empresa que oferece estabilidade e segurança, tem mais de 150 anos, atuação nacional, mobilidade – o concursado pode trabalhar em qualquer local do país -, crescimento profissional rápido. O salário não é o mais importante e sim a perspectiva de crescimento, mas ainda assim é superior a muitos bancos privados”.

Após os 90 dias de estágio probatório, o concursado já pode aumentar os ganhos. “Há sempre o reajuste na data-base, que costuma ser setembro, outubro, uma negociação coletiva. O aprovado agora entra na referência II e não mais na I. E ingressa na III após os 90 dias de estágio probatório. O salário é de R$ 2.025 e após esses 90 dias, o concursado pode assumir o cargo de caixa, que conta com uma gratificação de R$ 1.304, totalizando R$ 3.329”.

Saiba mais
As avaliações para técnico terão duração de 4h30 e serão aplicadas na manhã do dia 30 de março, em todo o país. Os inscritos passarão por prova de múltipla escolha, com questões de conhecimentos básicos e específicos, e exame discursivo (redação). Também haverá investigação social e/ou funcional durante todo o processo de triagem.

Convocações
A expectativa é de que muitos aprovados sejam chamados durante a validade da seleção. O que ratifica a perspectiva são números divulgados pela instituição financeira. Somente para este ano estão previstas 4.850 contratações e, até 2015, o total de admissões deverá chegar a 9.873, segundo portaria divulgada pelo Departamento de Coordenação e Governanças das Empresas Estatais (DEST) em 17 de julho de 2013.

APOSTILA ESPECÍFICA CAIXA - CLIQUE AQUI

+ Resumo Empregos CEF

CEF - Caixa Econômica Federal
Vagas: 9873
Taxa de inscrição: R$ 43 ou R$ 74
Cargos: médico e engenheiro, Técnico Bancário
Áreas de Atuação: Administrativa, Bancária
Escolaridade: Ensino Médio, Ensino Superior
Faixa de salário: De R$ 2931,36 Até R$ 8947,36
Organizadora: CESPE/UnB
Estados com Vagas: AC, AL, AM, AP, BA, CE, DF, ES, GO, MA, MG, MS, MT, PA, PB, PE, PI, PR, RJ, RN, RO, RR, RS, SC, SE, SP, TO

+ Agenda

07/02/2015 Divulgação do Resultado Adicionar no Google Agenda

Comentários

Mais Lidas