Um trabalho bem começado é meio caminho andado

O caminho até a sua aprovação deve ser cuidadosamente preparado: nada deve ser feito sem planejamento e orientação, caso contrário, você perderá tempo precioso

Roberto Witte
Publicado em 22/09/2016, às 11h11

Bom dia, boa tarde, boa noite, boa madrugada. Não sei a hora que você está me “lendo”, mas o importante é que você está me “lendo”. Esse é meu primeiro contato aqui no JC e estaremos juntos para ajudar você a chegar ao seu sucesso nessa tão importante empreitada.
Grande alegria e satisfação estar junto de você na sua busca por tranquilidade e qualidade de vida para você e sua família. 
A carreira pública traz tudo isso, porém, o caminho até a sua aprovação deve ser cuidadosamente preparado: nada deve ser feito sem planejamento e orientação, caso contrário, você perderá tempo precioso. 
Em inglês, há um ditado que diz “A work well begun is half done” (um trabalho bem começado é meio caminho andado). 
E para que nosso trabalho comece bem (well begun), compartilharei orientações, recomendações, dicas e macetes para você chegar mais rápido ao seu objetivo. 
Minha função é ser seu parceiro, sempre dizendo a verdade, sendo realista e sem tratar você de forma infantil. Sempre apresentando soluções objetivas e efetivas. 
Você já é adulto e está interessado em passar em um concurso público com o objetivo de ter uma vida tranquila e estável. Pois bem, essa é nossa missão. E missão dada, é missão cumprida.
Mas, lembre-se: é preciso trabalhar muito; haverá tropeços, momentos de desânimo e eventuais quedas; será preciso superar obstáculos; é preciso ter motivação, perseverar, insistir; acreditar no que faz e em si próprio. Conte comigo, estou aqui para te ajudar.
Quer saber quais os primeiros passos que você deve ter em mente para que tudo dê certo e você “chegue lá”?
Decidir - Decidir qual o concurso que você vai prestar é o primeiro passo. Pode ser TRE/SP, TCE/PR, INSS, Receita Federal, Bacen, não importa. Você precisa decidir o que você quer para sua vida. E só você pode responder a essa questão. Minha recomendação é que você converse com pessoas que já ocupem cargos públicos para já saber se você se adaptará ao trabalho e se não se arrependerá depois. Conheça as atribuições do cargo, os pontos positivos, os pontos negativos, enfim, faça uma pesquisa completa sobre o que te espera e veja se você está disposto a enfrentar a barra (geralmente vale a pena, mas é você quem vai decidir). A pior coisa é trabalhar em algo que não “se encaixa” com a sua natureza. Obviamente que nem tudo será um mar de rosas em qualquer cargo público (nem privado), mas tente sempre escolher algo que mais tem a ver com você. 
Acreditar - Nossa mente é poderosa. Hoje em dia se fala muito em neurociência, poder do cérebro (mente?), força de vontade etc. Entretanto, apesar de ser moda falar sobre tudo isso, estou cada vez mais convencido de que acreditar é a parte mais importante de qualquer processo de busca de objetivos. Quer melhor exemplo do que dos atletas da paraolimpíadas? Essas pessoas são exemplos a serem seguidos. Escuto muitas pessoas dizerem que é difícil passar em concurso, que precisa estudar muito, que isso, que aquilo... é muito mimimi para o meu gosto. Desde 1994, quando comecei na área de concursos, já tive vários alunos cadeirantes, cegos (com seus cães-guia na sala de aula), surdos (e mudos) e não vi nenhum reclamar, muito pelo contrário. Se você realmente quer alcançar o sucesso, você o alcançará. Quem quer, encontra uma maneira. Quem não quer, arranja uma desculpa. Quer mais um exemplo? Uma pessoa que precisa se submeter a três seções de hemodiálise todas às segundas, quartas e sextas-feiras, não vai deixar de ir à seção da sexta-feira porque está chovendo ou porque está com preguiça. Ela sabe que ela tem duas opções para continuar viva: ou ela vai à seção, ou ela vai à seção. Não tem mimimi. Sendo assim, acredite que, mesmo sendo uma jornada difícil, você com certeza alcançará seu sucesso. E não pense em prazo, pense que você chegará no seu sucesso quando estiver preparado. 
Se você não acreditar, melhor nem começar porque já estará começando errado. Um ponto em comum entre concurseiros de sucesso é o fato de se autoconhecerem, acreditarem em si e nunca pensarem na derrota. Meu conselho: “só uma coisa pode calar aqueles que não acreditam em você: seus resultados”. Você vai conseguir. Você pode e vai chegar lá! 
Estamos juntos!
Roberto Witte é formado em ciências econômicas, professor de língua inglesa e coordenador pedagógico do Supremacia Concursos

Comentários

Mais Lidas