Cade conta com 25 vagas para programa de intercâmbio

As despesas com o programa, inclusive hospedagem, alimentação, transporte e deslocamento a Brasília e posterior retorno à cidade de origem são de responsabilidade do intercambista

Renan Abbade
Publicado em 17/09/2014, às 12h25

O Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) lançou edital de seleção para o 35º Programa de Intercâmbio, o PinCade. No total, foram abertas 25 vagas, sendo 20 para estudantes de graduação e cinco para estudantes de pós-graduação de diversas áreas do conhecimento. As atividades serão realizadas em Brasília, de 19 de janeiro a 6 de fevereiro de 2015.

As inscrições acontecem até o dia 9 de novembro e os candidatos precisam preencher o formulário disponível no site www.cade.gov.br/pincade e enviá-lo junto com a documentação necessária: comprovante de matrícula em curso de graduação, pós-graduação ou de vínculo com instituição destinada à pesquisa; cópias do RG e do CPF; currículo atualizado; e dissertação nos termos especificado no edital anexo ao lado.

A seleção dos candidatos levará em conta a nota obtida na redação e análise do currículo. O preenchimento das vagas irá observar, ainda, a representatividade de todas as regiões do país (Norte, Nordeste, Centro-Oeste, Sudeste e Sul) no conjunto de intercambistas do programa.

Realizada há mais de 10 anos, a iniciativa é uma oportunidade para estudantes vivenciarem a prática da defesa da concorrência. As despesas com o programa, inclusive hospedagem, alimentação, transporte e deslocamento a Brasília e posterior retorno à cidade de origem são de responsabilidade do intercambista.

Além das atividades diretamente relacionadas à atuação do Cade, o PinCade inclui o Curso Aplicado de Defesa da Concorrência, ministrado por integrantes do Sistema Brasileiro de Defesa da Concorrência (SBDC) e por professores especializados em defesa da concorrência, regulação econômica, administração pública e relações internacionais, bem como visitas a outros órgãos da administração pública.

O objetivo do programa é fomentar o diálogo entre o meio acadêmico e as autoridades brasileiras de defesa da concorrência, de forma a incentivar a produção acadêmica nessa área e contribuir com a formação dos participantes. Desde a primeira realização do PinCade, mais de 380 estudantes já participaram da iniciativa.

Comentários

Mais Lidas