Cinco dicas para se destacar nos programas de trainee

Cada vez mais concorridos, veja recomendações para os jovens talentos conseguirem bons resultados nos processos seletivos

Douglas Terenciano
Publicado em 27/08/2015, às 10h19

Programas de trainee atraem jovens profissionais por geralmente oferecer bons salários, oportunidade de rápido crescimento na carreira e experiência em vários departamentos da empresa. Com todos esses chamativos, a concorrência também é alta. A consultora Manoela Costa, gerente executiva da Page Talent, unidade de negócios dedicada ao recrutamento de estagiários e trainees, lista cinco dicas valiosas para quem quer se sair bem nos processos seletivos. 

“Mesmo com o cenário econômico atual mais duro e competitivo, as empresas continuam apostando bastante nos programas de trainee. Formar bons profissionais é ainda uma das políticas de atração e retenção de muitas empresas e esse tipo de programa desperta o interesse de quem está no início da carreira. Os jovens candidatos que pretendem disputar essas vagas precisam estar antenados com o mercado e conhecer bem as empresas que estão oferecendo vagas para trainees”, avalia Manoela.

Curiosidade intelectual

É necessário que o candidato tenha a curiosidade para buscar mais informações sobre as empresas, ir muito além daquelas que estão disponíveis nos processos. Ler notícias sobre a companhia, segmento de atuação e checar as redes sociais podem ser um caminho interessante.

Humildade

Os jovens precisam ter em mente que serão inseridos em ambiente novo e diferente do habitual. Neste caso, é imprescindível ter humildade para ouvir os mais experientes e conseguir desenvolver um bom trabalho. Afinal, serão cobrados por isso.    

Senso crítico

Possuir a capacidade de questionar e analisar de maneira inteligente e racional as tarefas que forem submetidos, além de ter a ambição de buscar e dar sempre seu melhor desempenho.

Resiliência

Saber lidar com o sentimento de frustração e ter a capacidade de adaptação em algumas situações adversas fazem o jovem adquirir resiliência na vida profissional e pessoal. Esse quesito é muito valorizado no mundo corporativo.  

Autoconhecimento

Saber falar de si mesmo, da sua trajetória, histórias, seus valores e ambições futuras é fundamental não só para os candidatos a trainee, mas para qualquer profissional do mercado de trabalho. Ter em mente o plano futuro após a realização do programa pode ser um diferencial.

Comentários

Mais Lidas